Todos os campeões do Mundial masculino de handebol



Seleção da Dinamarca comemora a conquista inédita do Mundial masculino de handebol (Crédito: IHF)

Obs: atualizado em 27/1/2019

O Campeonato Mundial masculino de handebol chegou ao final neste domingo (27) e conheceu um campeão inédito.

Uma das anfitriãs da competição, ao lado da Alemanha, a Dinamarca festejou sua primeira conquista no masculino. Na decisão, realizada em Herning (DIN), a equipe da casa bateu a Noruega por 31 a 22. De bônus, os dinamarqueses também asseguraram sua vaga para o torneio de handebol na Olimpíada de Tóquio-2020.

+ O blog está no Twitter. Clique e siga para acompanhar
+ Curta a página do blog Laguna Olímpico no Facebook
+ O blog também está no Instagram. Clique e siga

Para o Brasil, o Mundial de 2019 teve um sabor especial. Mesmo tendo ficado no grupo mais forte da primeira fase, a equipe conseguiu avançar de fase. Ao final, somou quatro vitórias contra seleções europeias e ficou em nono lugar. Foi a melhor participação do Brasil na história dos Mundiais.

Veja a galeria de fotos do Mundial de handebol

 

 

Todos os campeões mundiais de handebol

1938 (Alemanha)

Campeão – Alemanha
Vice-campeão – Áustria
Terceiro lugar – Suécia

1954 (Suécia) 

Campeão – Suécia
Vice-campeão – Alemanha Ocidental
Terceiro lugar – Tchecoslováquia

1958 (Alemanha Oriental)

Campeão –  Suécia
Vice-campeão – Tchecoslováquia
Terceiro lugar – Alemanha Ocidental

1961 (Alemanha Ocidental)

Campeão – Romênia
Vice-campeão – Tchecoslováquia
Terceiro lugar – Suécia

1964 (Tchecoslováquia)

Campeão – Romênia
Vice-campeão – Suécia
Terceiro lugar – Tchecoslováquia

1967 (Suécia)

Campeão – Tchecoslováquia
Vice-campeão – Dinamarca
Terceiro lugar – Romênia

1970 (França)

Campeão – Romênia
Vice-campeão – Alemanha Oriental
Terceiro lugar – Iugoslávia

1974 (Alemanha Oriental)

Campeão – Romênia
Vice-campeão – Alemanha Oriental
Terceiro lugar – Iugoslávia

1978 (Dinamarca)

Campeão – Alemanha Ocidental
Vice-campeão – União Soviética
Terceiro lugar – Alemanha Oriental

1982 (Alemanha Ocidental)

Campeão – União Soviética
Vice-campeão – Iugoslávia
Terceiro lugar – Polônia

1986 (Suíça)

Campeão – Iugoslávia
Vice-campeão – Hungria
Terceiro lugar – Alemanha Oriental

1990 (Tchecoslováquia)

Campeão – Suécia
Vice-campeão – União Soviética
Terceiro lugar – Romênia

1993 (Suécia)

Campeão – Rússia
Vice-campeão – França
Terceiro lugar – Suécia

1995 (Islândia)

Campeão – França
Vice-campeão – Croácia
Terceiro lugar – Suécia

1997 (Japão)

Campeão – Rússia
Vice-campeão – Suécia
Terceiro lugar – França

1999 (Egito)

Campeão – Suécia
Vice-campeão – Rússia
Terceiro lugar – Iugoslávia

2001 (França)

Campeão – França
Vice-campeão – Suécia
Terceiro lugar – Iugoslávia

2003 (Portugal)

Campeão – Croácia
Vice-campeão – Alemanha
Terceiro lugar – França

2005 (Tunísia)

Campeão – Espanha
Vice-campeão – Croácia
Terceiro lugar – França

2007 (Alemanha)

Campeão – Alemanha
Vice-campeão – Polônia
Terceiro lugar – Dinamarca

2009 (Croácia)

Campeão – França
Vice-campeão – Croácia
Terceiro lugar – Polônia

2011 (Suécia)

Campeão – França
Vice-campeão – Dinamarca
Terceiro lugar – Espanha

2013 (Espanha)

Campeão – Espanha
Vice-campeão – Dinamarca
Terceiro lugar – Croácia

2015 (Qatar)

Campeão – França
Vice-campeão – Qatar
Terceiro lugar – Polônia

2017 (França)

Campeão – França
Vice-campeão – Noruega
Terceiro lugar – Eslovênia

2019 (Alemanha e Dinamarca)

Campeão – Dinamarca
Vice-campeão – Noruega
Terceiro lugar – França

 

VEJA TAMBÉM:

Handebol brasileiro muda de patamar com 9º lugar no Mundial 
Jordi Ribera volta a ser carrasco do handebol do Brasil 
O significado que a classificação no Mundial terá para o handebol do Brasil 
Em ‘grupo da morte’, Brasil sonha com campanha inédita no Mundial de handebol