Vitória de Fabiana Murer, Melo faz história no tênis e vagas do boxe no Pan: confira o balanço olímpico do final de semana



O final de semana olímpico dos atletas brasileiros apresentou um feito histórico no tênis, a sequência de vitórias da seleção masculina de vôlei na Liga Mundial e um ótimo resultado no atletismo. Confira abaixo o balanção olímpico do final de semana.

Atletismo

Fabiana Murer venceu o salto com  vara na etapa de Birmingham da Liga Diamante

Fabiana Murer venceu o salto com vara na etapa de Birmingham da Liga Diamante. Crédito: Contrapé

Campeã da Liga Diamante em 2014, a saltadora Fabiana Murer estreou neste domingo com vitória na competição mais badalada e milionária do atletismo mundial, ao vencer a prova do salto com vara em Birmingham, na Inglaterra. Ela alcançou a marca de 4,72 m, a terceira melhor do ano, ratificando sua qualificação para o Pan de Toronto 2015, Campeonato Mundial de Pequim e Jogos do Rio 2016.

Outros três brasileiros competiram em Birmingham. Destaque para Rosângela Santos, que mesmo ao ficar em quarto lugar na prova dos 200 m (22s77, seu recorde pessoal), obteve o índice olímpico. Ela já estava qualificada nos 100 m. Nos 400 m feminino, Geisa Coutinho ficou em segundo (52s59), mas ela já tinha índice olímpico. Nos 1.500 m, Thiago André ficou na quarta colocação, com 3min39s54, em prova na qual ele também já estava qualificado para as Olimpíadas.

>>> Veja as modalidades do Pan de Toronto 2015 que valem vaga no Rio 2016

No sábado, competindo no Meeting de Marselha (FRA), a saltadora Keila Costa ficou com a medalha de bronze no salto triplo (14,17 m), mas novamente não conseguiu os índices olímpico e do Mundial de Pequim na prova. Ela já está classificada para as duas competições no salto em distância. A próxima oportunidade de Keila será na próxima quinta-feira (11), na etapa de Oslo (NOR) pela Liga Diamante.

Boxe

Michel Borges (de azul) assegurou a vaga do Brasil no Pan de Toronto, na categoria 75 kg. Crédito: AMBC

Michel Borges (de azul) assegurou a vaga do Brasil no Pan de Toronto, na categoria 75 kg. Crédito: AMBC

No sábado o Brasil conheceu seus classificados para os Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015, com a definição de sete atletas no masculino e apenas uma no feminino. A principal decepção foi a eliminação de Adriana Araújo, medalhista de bronze em Londres 2012, na categoria 60kg. A única classificada entre as mulheres foi Flavia Figueiredo (75 kg).

Entre os homens, os classificados para integrar a seleção brasileira no Pan foram Julian Neto (52 kg), Carlos Rocha (56 kg), Joedison Teixeira (64 kg), Roberto Custódio (69 kg), Michel Borges (81 kg), Juan Nogueira (91 kg) e Rafael Lima (+ 91 kg).

Tênis

O croata Ivan Dodig e o brasileiro Marcelo Melo comemoram a conquista do torneio de duplas de Roland Garros. Crédito: Vipcomm

O croata Ivan Dodig e o brasileiro Marcelo Melo comemoram a conquista do torneio de duplas de Roland Garros. Crédito: Vipcomm

A vitória de Marcelo Melo (ao lado do croata Ivan Dodig), no torneio de duplas de Roland Garros no sábado, um dos quatro eventos que compõe o Grand Slam da modalidade, representou o resultado mais importante para o tênis brasileiro desde as conquistas históricas de Gustavo Kuerten. Além disso, ratificou a força da dupla brasileira para as Olimpíadas do Rio 2016, que certamente contará com Melo, atual terceiro do mundo, e Bruno Soares, que está na 16ª posição da lista da ATP.

Vôlei

Wallace e Lucão bloqueiam o ataque da Austrália pela Liga Mundial. Crédito: CBV

Wallace e Lucão bloqueiam o ataque da Austrália pela Liga Mundial. Crédito: CBV

Mesmo sem brilhar, a seleção brasileira masculina manteve a invencibilidade neste final de semana pela Liga Mundial. Desta vez atuando em São Bernardo do Campo (SP), e recebendo um público melhor do que na semana anterior, o time do técnico Bernardinho (que ainda cumpre suspensão disciplinar imposta pela Federação Internacional) venceu a Austrália duas vezes, sendo 3 a 1 na sexta-feira e 3 a 0 neste domingo, que teve como destaque individual o ponteiro Lucarelli, autor de 20 pontos.

Vôlei de praia

Talita e Larissa comemoram a vitória no Masters de Porec (CRO). Crédito: FIVB

Talita e Larissa comemoram a vitória no Masters de Porec (CRO). Crédito: FIVB

A cada semana o caminho da dupla Larissa e Talita para obter a vaga aos Jogos Olímpicos do Rio 2016 vai ficando mais curto. No sábado (6), elas venceram o Major Series de Porec, na Croácia, batendo as canadenses Heather Bansley e Sarah Pavan por 2 sets a 1.

Além de somar mais 800 pontos no ranking do tour mundial, elas ampliaram a liderança na corrida olímpica. Criada pela CBV (Confederação Brasileira de Vôlei), a corrida olímpica brasileira será definida da seguinte forma: uma dupla masculina e uma dupla feminina conquistarão a classificação para a Olimpíada de 2016 pela pontuação obtida nos nove principais eventos do Circuito Mundial 2015 (cinco Grand Slams, três Major Series e Open do Rio de Janeiro). Os times poderão descartar os dois piores resultados ao longo da temporada.

Em 2015, o calendário do Circuito Mundial prevê cinco Grand Slams, três Major Series, dez Opens, o Campeonato Mundial e o World Tour Finals, que reunirá apenas os oito melhores times da temporada, masculino e feminino.



MaisRecentes

Governo rebatiza programa ‘Atleta Pódio”, de olho em Tóquio-2020



Continue Lendo

Tragédia das enchentes no Peru deixa Pan de Lima-2019 na berlinda



Continue Lendo