Por onde andam os filhos dos craques dos anos 90?



Romarinho é filho de um dos maiores jogadores do futebol brasileiro, o craque Romário.

 

Quando um jovem decide escolher sua carreira profissional, a profissão dos pais é sempre uma das opções. Porém, no futebol, além das dificuldades normais que todos enfrentam para ingressar no meio, quando se é filho de um ex-craque da bola, as comparações são inevitáveis.

 

Por isso, o blog Gol de Canela FC resolveu mostrar onde estão jogando alguns dos herdeiros dos grandes nomes do futebol que se destacaram nos anos 90. Confira:

 

 

Filho de Edwin van der Sar – (Joe van der Sar)

Curiosamente, além de escolher a mesma posição que tornou o pai famoso, Joe também iniciou a carreira no mesmo clube do ex-jogador, o Ajax. Hoje, aos 19 anos, defende a equipe sub-21 do ADO Den Haag, da Holanda

 

 

Filho de Paolo Maldini – (Christian Maldini)

Honrando a saga da família Maldini, Christian, que é lateral-esquerdo, começou sua carreira no Milan, mas nunca jogou com equipe principal. Fez sua estreia profissional apenas em 18 de setembro de 2016, defendendo o Hamrun Spartans na Premier League maltesa. Hoje, aos 21 anos, tem contrato com a equipe do Racing Fondi, da terceira divisão italiana.

 

 

Filho de Peter Schmeichel – (Kasper Schmeichel)

Também goleiro, Kasper defende o Leicester City e é considerado um dos grandes nomes da equipe inglesa. Frequentemente chamado para a seleção dinamarquesa, curiosamente, sua primeira convocação aconteceu no mês de maio e aos 24 anos, assim como seu pai.

 

 

Filho de Bebeto – (Mattheus Oliveira)

Naturalizado português e jogando como meia e atacante, Mattheus Oliveira começou no Flamengo e teve até algumas chances no elenco profissional entre 2012 e 2016. Com passagem nas seleções de base do Brasil, foi recentemente contratado pelo Sporting.

 

 

Filho de Rivaldo – (Rivaldinho)

Rivaldo Vítor Borba Ferreira Júnior, o Rivaldinho, iniciou a carreira ao lado do pai no Mogi Mirim. Hoje, aos 22 anos, defende as cores do Dínamo Bucareste. Tem atualmente três gols no campeonato romeno.

 

 

Filhos de George Weah – (George Weah Jr. e Timothy Weah)

Revelado pelo Milan, George Weah Jr. sofreu com longas séries de lesões pouco antes de completar 20 anos. Desde então, rodou por diversos clubes europeus e nunca fez sucesso. Hoje, aos 30 anos, defende o modesto FC Renens, da Suíça.

Por outro lado, seu irmão mais novo, Timothy Weah (Foto), já é considerado uma das grandes jovens promessas do futebol mundial. Nascido nos Estados Unidos, defendeu sua seleção natal na Copa do Mundo FIFA Sub-17.

 

 

Filho de Romário – (Romarinho)

Nascido na Espanha, Romário de Souza Faria Júnior, o Romarinho, já rodou por alguns clubes do Brasil, sem se firmar em nenhum. Com contrato com o Tupi, o atacante recentemente amargou um longo jejum de quase 1.500 dias sem marcar um gol.

 

 

Filho de Ronaldo – (Ronald)

Nunca mostrou em ser jogador futebol, porém, entrou na lista por ter sido convocado, em julho, para representar a seleção brasileira de futebol society sub-18 nas Macabíadas, torneio de origem judaica. Ronald não marcou nenhum gols na oportunidade.

 

 

Filho de Cafu – (Wellington Feliciano)

Iniciou a carreira na lateral-esquerdo da base do Milan, mas profissionalizou-se como atacante no Grêmio Osasco, em 2011. Após tratar uma gravíssima lesão no joelho, que o deixou de fora dos gramados entre 2011 e 2014, Wellington tenta seguir na carreira jogando pelo Miami United.

 

 

Filhos de Patrick Kluivert – (Quincy Kluivert e Justin Kluivert)

Filho mais velho de Patrick Kluivert, Quincy atualmente joga na lateral direita do Vitesse sub-21 na Derde Divisie Domingo, equivalente a terceira divisão da Holanda. Já Justin (foto) defende o Ajax, onde tudo começou para o pai. Ele fez sua estreia na equipe principal em 15 de janeiro de 2017, na vitória por 3 a 1 sobre o PEC Zwolle pela 18ª rodada da Eredivisie.

 

 

Filho de Lilian Thuram – (Marcus Thuram)

Com apenas 20 anos, Marcus Thuram está fazendo um rápido progresso Ligue 1 com a camisa do Guingamp. Nasceu na Itália, durante passagem do seu pai pelo Parma, mas vem atuando pela seleção francesa sub-20.
Lilian Thuram ainda tem outro filho, Khéphren Thuram-Ulien, que joga atualmente nas categorias juvenis do Monaco.

 

 

Filho de Jürgen Klinsmann – (Jonathan Klinsmann)

Por ironia do destino, Jonathan Klinsmann, que nasceu nos Estados Unidos, escolheu um caminho oposto do pai dentro das quatro linhas. Goleiro e com apenas 20 anos, foi contratado neste ano pelo Hertha BSC, após ótimas exibições pela seleção norte-americana na Copa do Mundo FIFA sub-20

 

 

Filho de Gheorghe Hagi – (Ianis Hagi)

Ianis nasceu na Turquia quando seu pai atuava pelo Galatasaray. Após duas ótimas temporadas pelo no Viitorul Constanța, na Romênia, foi contratado pela Fiorentina em 2016. Todavia, tem sido pouco aproveitado pelo clube italiano.

 

 

Filhos de Zinédine Zidane – (Enzo Fernández e Luca Fernández)

Provavelmente para evitar o peso do sobrenome tão ligado à vitoriosa carreira do pai, os dois optaram por usar o sobrenome da mãe. Enzo, o mais velho, atualmente defende as cores do Deportivo Alavés, emprestado pelo Real Madrid. Já Luca é o terceiro goleiro do clube merengue.

 

 

Filho de Deivid Beckham – (Brooklyn Beckham)


Após tentativas nas categorias de base do Arsenal, Brooklyn, aos 18 anos, agora está explorando uma carreira em fotografia e lançou seu primeiro livro de imagens, intitulado ‘What I See’.

 



MaisRecentes

Loco Abreu é realmente o jogador mais rodado do mundo? Nós checamos



Continue Lendo

Corinthians é o oitavo clube com mais títulos no futebol brasileiro



Continue Lendo

Felipão é o técnico brasileiro com mais títulos no século XXI. Confira o top 10:



Continue Lendo