A importância das mulheres na origem da palavra torcida



Foto: Futeboldecampo.net

Foto: Futeboldecampo.net

 

Os indícios mais conhecido sobre os inícios da participação feminino no futebol remontam ao fim do século XIX, quando houve a realização dos primeiros amistosos entre combinados e a formação do primeiro time exclusivo para mulheres, o British Ladies Football Club.

 

No entanto, a história da mulher na modalidade, infelizmente, se desenrolou à margem do preconceito, já que para muitos o simples fato das damas praticarem um esporte tão violento era encarado como um gesto de desobediência aos maridos. Resultado disso esteve presente nos diversos jogos cancelados depois que centenas de homens invadiam o campo, agrediam as jogadoras e as obrigavam a voltar para casa.

 

No Brasil, intitulado como o país do futebol, a história não foi diferente. Para se ter uma ideia de tamanho preconceito, na década de 40, houve um decreto-lei do Estado Novo que proibia a prática de esportes “incompatíveis com a natureza feminina”, sendo um deles o próprio esporte bretão. Este decreto só seria revogado em 1979.

 

Apesar destas inúmeras e absurdas perseguições pelo Brasil e no mundo, nada impediu que as mulheres fossem as responsáveis pela inspiração de um dos termos considerado como a alma do futebol brasileiro: A torcida

 

Específica da linguagem brasileira, é certo afirmar que o termo “torcedor” é oriundo do latim, do verbo “torquere”, que tem o significado original de torcer. Porém, ganhou popularidade dentro do futebol (e depois em outras modalidades) quando crônicas esportivas do século 20 destacavam as moças que, nervosas com as partidas, torciam lenços nas arquibancadas brasileiras.

 

Assim, o simples gesto daquelas “torcedoras de lenços”, que resolveram abraçar o esporte desde o início, serve hoje para denominar todos aqueles que apoiavam um time de futebol.



MaisRecentes

Quem são os maiores artilheiros da história das Eliminatórias?



Continue Lendo

O Corinthians realmente ficou 23 anos na fila por um título? Nós checamos



Continue Lendo

Há 34 anos, o Bayern de Munique se vestiu de Brasil para quebrar um jejum



Continue Lendo