Conheça os técnicos que mais participaram de rebaixamentos no Brasileirão



Hélio dos Anjos (Foto) é o maior recordista de rebaixamentos. Foto: Globo Esporte

Hélio dos Anjos (Foto) é o maior recordista de rebaixamentos. Foto: Globo Esporte

 

Levando em consideração os nomes de todos os técnicos que participaram de ao menos um jogo das campanhas dos clubes rebaixados do Brasileirão Serie A, o blog Gol de Canela FC resolveu descobrir quais deles mais participaram de rebaixamentos na era dos pontos corridos.

 

Somando incríveis 6 participações em descensos, Hélio dos Anjos assegura a liderança da lista indigesta. Ele atuou no comando técnico nas campanhas do Goiás (2015), Atlético-GO e Figueirense (2012), Fortaleza e São Caetano (2006) e Vitória (2004), que terminaram com a queda para a Série B.

 

Adilson Batista, Antônio Lopes, Lori Sandri, Toninho Cecílio e Gilson Kleina, com 5 cada, são outros treinadores que também figuram no topo. No mais, a lista ainda traz nomes de técnicos renomados como, por exemplo, Emerson Leão, Dorival Júnior, Cuca e Tite. Confira:

 

 

Os técnicos que mais participaram de rebaixamentos no Brasileirão (Na era dos pontos corridos):

 

 

6 REBAIXAMENTOS
Hélio dos Anjos
Goiás 2015 – (8 jogos)
Atlético-GO 2012 – (6 jogos)
Figueirense 2012 – (7 jogos)
Fortaleza 2006 – (13 jogos)
São Caetano 2006 – (6 jogos)
Vitória 2004 – (8 jogos)

 

 

5 REBAIXAMENTOS
Adilson Batista
Joinville 2015 – (10 jogos)
Vasco 2013 – (7 jogos)
Atlético-GO 2012 – (2 jogos)
Atlético-PR 2011 – (6 jogos)
Grêmio 2004 – (8 jogos)

Antônio Lopes
América-MG 2011 (4 jogos)
Atlético-PR 2011 (18 jogos)
Vitória 2010 (10 jogos)
Vasco 2008 (18 jogos)
Coritiba 2005 (2 jogos)

Lori Sandri
América-RN 2007 – (8 jogos)
Paraná 2007 – (9 jogos)
Atlético-MG 2005 – (7 jogos)
Criciúma 2004 – (18 jogos)
Guarani 2004 – (8 jogos)

Toninho Cecílio
Criciúma 2014 – (4 jogos)
Avaí 2011 – (16 jogos)
Prudente 2010 – (13 jogos)
Vitória 2010 – (7 jogos)
Fortaleza 2006 – (1 jogo)

Gilson Kleina
Avaí 2015 (35 rodadas)
Bahia 2014 (19 jogos)
Palmeiras 2012 – (13 jogos)
Paraná 2007 – (9 jogos)
Paysandu 2005 – (16 jogos)

 

 

4 REBAIXAMENTOS
Márcio Bittencourt
Náutico 2009 – (5 jogos)
Ipatinga 2008 – (10 jogos)
Fortaleza 2006 – (9 jogos)
Brasiliense 2005 (9 jogos)

Vagner Mancini
Botafogo 2014 – (38 jogos)
Sport 2012 – (15 jogos)
Ceará 2011 – (23 jogos)
Guarani 2010 – (38 jogos)

 

 

3 REBAIXAMENTOS
Alexandre Gallo
Avaí 2011 – (13 jogos)
Santo André 2009 – (8 jogos)
Figueirense 2008 – (2 jogos)

Argel Fucks
Figueirense 2016 – (7 jogos)
Internacional 2016 – (14 jogos)
Figueirense 2012 – (10 jogos)

Artur Neto
Artur Neto 2015 – (4 jogos)
Atlético-GO 2012 – (10 jogos)
Goiás 2010 – (4 jogos)

Emerson Leão
Goiás 2010 – (16 jogos)
Sport 2009 – (10 jogos)
São Caetano 2006 – (7 jogos)

Nelsinho Baptista
Sport 2009 – (4 jogos)
Corinthians 2007 – (11 jogos)
São Caetano 2006 – (9 jogos)

PC Gusmão
Joinville 2015 – (23 jogos)
Figueirense 2008 – (18 jogos)
São Caetano 2006 – (4 jogos)

Valdir Espinosa
Portuguesa 2008 – (9 jogos)
Santa Cruz 2006 – (7 jogos)
Brasiliense 2005 – (8 jogos)

 

 

2 REBAIXAMENTOS
Agnaldo Liz
Guarani 2004 – (7 jogos)
Vitória 2004 – (11 jogos)

Carpegiani
Ponte Preta 2013 – (11 jogos)
Corinthians 2007 – (24 jogos)

Cláudio Duarte
Juventude 2007 – (5 jogos)
Grêmio 2004 – (8 jogos)

Celso Roth
Vasco 2015 – (11 jogos)
Internacional 2016 – (16 jogos)

Cuca
Coritiba 2005 – (28 jogos)
Grêmio 2004 – (9 jogos)

Doriva
Vasco 2015 – (8 jogos)
Santa Cruz 2016 – (13 jogos)

Dorival Júnior
Vasco 2013 – (25 jogos)
São Caetano 2006 (9 jogos)

Enderson Moreira
Ipatinga 2008 – (7 jogos)
América-MG 2016 – (23 jogos)
Estevam Soares
Ceará 2011 – (8 jogos)
Portuguesa 2008 – (16 jogos)

Evaristo de Macedo
Vitória 2004 – (13 jogos)
Bahia 2003 – (19 jogos)

Giba
Ipatinga 2008 – (6 jogos)
Santa Cruz 2006 – (4 jogos)

Givanildo Oliveira
América-MG 2011 – (24 jogos)
América-MG 2016 – (5 jogos)

Guto Ferreira
Ponte Preta 2013 – (4 jogos)
Portuguesa 2013 – (29 jogos)

Joel Santana
Brasiliense 2005 – (25 jogos)
Guarani 2004 – (5 jogos)

Jorginho Amorim
Vasco 2015 – (19 jogos)
Ponte Preta 2013 – (22 jogos)
Goiás 2010 – (17 jogos)

Jorginho Silva
Vitória 2014 – (10 jogos)
Náutico 2013 – (5 jogos)

Levi Gomes
Náutico 2013 – (7 jogos)
Sport 2009 – (7 jogos)

Márcio Araújo
Coritiba 2005 – (7 jogos)
Fortaleza 2003 – (20 jogos)

Marco Aurélio
Ponte Preta 2006 – (21 jogos)
Atlético-MG 2005 – (18 jogos)

Marquinhos Santos
Bahia 2014 – (12 jogos)
Figueirense 2016 – (12 jogos)

Ney Franco
Vitória 2014 – (25 jogos)
Coritiba 2009 – (19 jogos)

Pintado
Figueirense 2008 – (3 jogos)
Paraná 2007 – (10 jogos)

Renato Gaúcho
Atlético-PR 2011 – (12 jogos)
Vasco 2008 – (13 jogos)

Sérgio Guedes
Sport 2012 – (10 jogos)
Santo André 2009 – (14 jogos)

Silas
Náutico 2013 – (3 jogos)
Avaí 2011 – (3 jogos)

Vagner Benazzi
Portuguesa 2008 – (13 jogos)
Criciúma 2004 – (28 jogos)

Waldemar Lemos
Sport 2012 – (10 jogos)
Náutico 2009 – (5 jogos)

Zetti
Paraná 2007 – (2 jogos)
Guarani 2004 – (12 jogos)

 

1 REBAIXAMENTO
Abel Ribeiro (3 jogos) – Figueirense 2012
Adriano Teixeira (6 jogos) – Santa Cruz 2016
Antônio Carlos Zago (6 jogos) – Grêmio Prudente 2010
Antonio Lopes Júnior (3 jogos) – Coritiba 2005
Beto Almeida (19 jogos) – Juventude 2007
Bobô (5 jogos) – Bahia 2003
Caio Júnior (2 jogos) – Criciúma 2014
Carlos Alberto Torres (12 jogos) – Paysandu 2005
Carlos Amadeu (2 jogos) – Vitória 2014
Charles Fabian (7 jogos) – Bahia 2014
Cláudio Marques (2 jogos) – Coritiba 2005
Cláudio Prates (1 jogo) – América-MG 2016
Daniel Frasson (2 jogos) – Fortaleza 2006
Danny Sergio (7 jogos) – Goiás 2015
Dimas Filgueiras (7 jogos) – Ceará 2011
Dino Camargo (3 jogos) – São Caetano 2006
Eder Bastos (1 jogo) – Vitória 2014
Edinho (7 jogos) – Bahia 2003
Edson Borges (1 jogo) – Coritiba 2009
Edson Neguinho (6 jogos) – Avaí 2011
Edson Pimenta (9 jogos) – Portuguesa 2013
Ernesto Guedes (2 jogos) – Santa Cruz 2006
Fábio Giuntini (11 jogos) – Prudente 2010
Felipão (24 jogos) – Palmeiras 2012
Ferdinando Teixeira (12 jogos) – Fortaleza 2003
Fernando Gil (4 jogos) – Figueirense 2012
Fito Neves (14 jogos) – Santa Cruz 2006
Flávio Campos (12 jogos) – Juventude 2007
Geninho (28 jogos) – Náutico 2009
Guilherme Macuglia (5 jogos) – Figueirense 2008
Gustavo Bueno (3 jogos) – Sport 2012
Hermerson Maia (5 jogos) – Joinville 2015
Ivo Wortmann (1 jogo) – Juventude 2007
Jair Picerni (11 jogos) – Guarani 2004
Jairo Araújo (20 jogos) – Atlético-GO 2012
José Luiz Plein (21 jogos) – Grêmio 2004
Julinho Camargo (13 jogos) – Goiás 2015
Leandro Niehues (2 jogos) – Atlético-PR 2011
Lino Fachini Júnior (1 jogo) – Guarani 2004
Lisca (3 jogos) – Internacional 2016
Luizinho Vieira (3 jogos) – Criciúma 2014
Lula Pereira (13 jogos) – Bahia 2003
Luiz Carlos Cruz (14 jogos) – Fortaleza 2003
Marcelo Chamusca (2 jogos) – Bahia 2003
Marcelo Martellote (16 jogos) – Náutico 2013
Marcelo Rospide (5 jogos) – Prudente 2010
Marcelo Veiga (14 jogos) – América-RN 2007
Márcio Barros (3 jogos) – Prudente 2010
Márcio Goiano (14 jogos) – Figueirense 2012
Mário Sérgio (10 jogos) – Figueirense 2008
Maurício Simões (11 jogos) – Santa Cruz 2006
Mauro Fernandes (9 jogos) – América-MG 2011
Milagres (1 jogo) – América-MG 2011
Milton Mendes (19 jogos) – Santa Cruz 2016
Narciso (1 jogo) – Palmeiras 2012
Oswaldo de Oliveira (14 jogos) – Vitória 2004
Paulo Autuori (6 jogos) – Vasco 2013
Paulo Campos (12 jogos) – Paysandu 2005
Paulo Moroni (16 jogos) – América-RN 2007
Paulo Roberto Falcão (5 jogos) – Internacional 2016
Péricles Chamusca (17 jogos) – Sport 2009
Raul Cabral (3 jogos) – Avaí 2015
Renato Morungaba (1 jogo) – Guarani 2004
Renê Simões (18 jogos) – Coritiba 2009
Ricardo Drubscky (15 jogos) – Ipatinga 2008
Ricardo Silva (21 jogos) – Vitória 2010
Roberval Davino (13 jogos) – Fortaleza 2006
Sandro Gaúcho (1 jogo) – Santo André 2009
Saulo de Freitas (8 jogos) – Paraná 2007
Sérgio Soares (15 jogos) – Santo André 2009
Sérgio Vieira (9 jogos) – América-MG
Sinomar Neves (2 jogos) – Paysandu 2005
Tita (7 jogos) – Vasco 2008
Tite (17 jogos) – Atlético-MG 2005
Tuca Guimarães (5 jogos) – Figueirense 2016
Vadão (8 jogos) – Ponte Preta 2006
Valteir Gomes Franco (1 jogo) – Juventude 2007
Vinícius Eutrópio (14 jogos) – Figueirense 2016
Wagner Lopes (15 jogos) – Criciúma 2014
Wanderley Paiva (9 jogos) – Ponte Preta 2006
Wilson Vaterkemper (1 jogo) – Criciúma 2014
Wladimir Araújo (1 jogo) – Goiás 2010
Zé Augusto (3 jogos) – Corinthians 2007
Zé Sérgio (1 jogo) – Ponte Preta 2013
Zé Teodoro (7 jogos) – Náutico 2013

 

Gostou? Curta nossa página no Facebook: @Goldecanelafc



MaisRecentes

Corinthians é o oitavo clube com mais títulos no futebol brasileiro



Continue Lendo

Por onde andam os filhos dos craques dos anos 90?



Continue Lendo

Felipão é o técnico brasileiro com mais títulos no século XXI. Confira o top 10:



Continue Lendo