Alvo do Santos, Barcos se torna o maior artilheiro da história da Sul-Americana



 

Velho conhecido do futebol brasileiro, o argentino Hernán Barcos gravou seu nome na história da Copa Sul-Americana na noite de ontem, 8, na Bolívia. Autor do segundo gol da LDU na derrota por 3 a 2 contra Guabirá, o atacante chegou a marca de 17 tentos e se tornou o maior artilheiro da história da competição, deixando para trás o uruguaio Rodrigo López.

Além do feito histórico, como venceu o jogo de ida por 2 a 1, o gol do “pirata” fez com que o time equatoriano avançasse para a segunda fase por ter marcado mais gols fora de casa.

Aos 34 anos, Barcos já havia voltado aos noticiários esportivos do Brasil graças a uma possível proposta do Santos em contratá-lo. Ele tem contrato com a LDU até dezembro, porém, há uma cláusula que o libera para outra equipe internacional em caso de proposta.

 

Maiores artilheiros da história da Copa Sul-americana
1 – Hernán Barcos (17 gols)
2 – Hernan López (16 gols)
3 – Rafael Moura (14 gols)
4 – Miller Bolaños (13 gols)
Rodrigo Mora (13 gols)

Twitter oficial do torneio destacando feito do argentino. Foto: Reprodução

 

Gostou? Curta nossa página no Facebook: Gol de Canela



MaisRecentes

Corinthians se aproxima dos 1000 minutos sem gols de atacantes



Continue Lendo

Veja como ficou o ranking dos maiores vices do futebol brasileiro



Continue Lendo

Aos 22 anos, ex-joia do Flu e do Barça tenta a sorte no futebol de Hong Kong



Continue Lendo