Um Vasco conformado



“Aqui é Vasco! Se é para perder que seja jogando para frente!”. Essa frase foi dita por Kleber após a derrota para o América-RN e tenho certeza que reflete bem o pensamento da maioria dos vascaínos. Derrotas acontecem, o problema é a forma como elas tem vindo. Aliás, nem mesmo as vitórias tem convencido.

O Vasco que hoje vemos em campo, perambula conformado por estar nessa situação. Tem mais medo de se expôr do que vontade de se impôr. É o medo de perder, superando a vontade de ganhar. E, num elenco que era para sobrar na competição, isso é um tiro no pé. Com essa postura, qualquer time se sente a vontade para pressionar o Vasco. E consegue.

Jogadores que vinham tendo atuações destacadas, como Maxi Rodriguez, Lorran e Lucas Crispim, estranhamente viraram reservas. Marlon, Fabrício e Dakson, por exemplo, continuam e o Vasco segue lento e pesado. Pragmático!

O que incomoda, não é ver o Vasco perder, foram apenas 8 derrotas na temporada. O pior é ver um time conformado em ser mais um, num campeonato onde tem a obrigação de ser ‘o cara’.

A Série B não pode ser uma zona de conforto. Não para o Vasco!



  • MAIKE

    Tem jogadores que nunca deveriam vestir a camisa do Vasco, como Pedro Ken, Marlon, Fabrício, Kleber Gladiador (lutador de MMA), entre outros, esses jogadores que vc frisou que jogam muito e estão na reserva, são coisas que não entendo, discordo só de um fato no seu comentário, não acho que o time entre em campo com medo de perder e sim é armado para jogar com medo de ganhar, esse time jogando é uma vergonha, ontem ainda bem que não parei pra assistir, timezinho sem vergonha.

  • ademir sena de sousa

    Sinceramente, esse jogador PEDRO kEN no Vaso é brincadeira. Tem meia apoiador aqui no Acre que joga anos luz mais que esse rapaz. Porque o escalam ? O Vasco tem um bom goleiro, uma zaga razoável mas o meio campo é triste. Só sobra pra defesa que sai atabalhoada no combate dos atacantes adversários. É um buraco só, na frente da defesa. Bota pelo menos meninos da base, Joel. Pelo menos vão dar o sangue pelo time !

  • Edson

    Ponte Preta e joinville fizeram o dever de casa, e bem feito. Qual a última goleada do Vasco (a que sofreu do Havaí não vale). Sinceramente não lembro quando goleamos pela última vez.
    Também, com estes técnicos medíocres que o Vasco vem tendo, não tem jeito mesmo. Tanto o Adilson, trinador anterior, quanto o Joel, colocam em campo times sem velocidade, sem vontade de vencer. Jogadores que visivelmente não estão jogando nada. Não têm habilidade e mostram pouca vontade, vontade essa que na maioria das vezes não é suficiente para chegar à vitória. Dá pra entender a escalação de Dackson e John Cay, enquanto ficam no banco Montoya, Maxxi Rodrigues e Lucas Crispim? Ou eu já não sei mais nada de futebol ou estes técnicos é ue desaprenderam… Guardadas as devidas proporções, seria como deixar Neymar e Messi no banco e escalar cabeças de bagre no Barça… sem lógica…. E depois que leva o gol, sai substituindo os brucutus por atacantes para tentar empatar. Me poupe, Sr. Joel Santana… O que o Sr. treina a semana toda que não vemos sequer uma jogada ensaiada, mas apaenas toques laterais sem objetividade? Pelo amor de Deus, bota jogador de velocidade neste time, ou ficaremos na segundona… Melhor: bota o Sorato de técnico e o time de Juniores pra jogar, pois acho que assim teríamos menos decepções (vide Vasco x Palmeiras sub 20).

MaisRecentes

Vasco ainda procura o substituto de Douglas Luiz



Continue Lendo

Próximos seis jogos podem definir o destino do Vasco no Brasileiro



Continue Lendo

As mãos invisíveis



Continue Lendo