Transferência de Philippe Coutinho poderá render milhões ao Vasco



Philippe Coutinho era uma dos destaques do Vasco em 2010 (Foto: Divulgação/Vasco)

Philippe Coutinho era uma dos destaques do Vasco em 2010 (Foto: Divulgação/Vasco)

Um dos nomes mais cobiçados da janela de transferência, Philippe Coutinho pode se tornar uma fonte de renda também para o seu ex-clube, o Vasco. Criado em São Januário, o jogador do Liverpool e da Seleção Brasileira tem sido especulado por Paris Saint-Germain e Barcelona, que estariam dispostos a pagar cerca de R$ 116 milhões pelo jogador.

De acordo com o mecanismo de solidariedade de FIFA, o Cruz-Maltino tem direito à 2,25% de qualquer transação internacional que envolva o atleta. Caso o negócio seja concretizado nestes valores, o clube receberá cerca de R$ 2,6 milhões pela transferência.

Coutinho chegou em São Januário com apenas sete anos para jogar futsal e ficou na Colina até completar 18 anos de idade. Em 2009, aos 17 anos e já negociado com a Inter de Milão, subiu para os profissionais onde atuou até o meio da temporada seguinte, quando completou a maioridade e seguiu para a Itália.

Pelo Vasco, como profissional, Philippe disputou 44 partidas e marcou 5 gols.

Divisão do percentual da indenização aos clubes formadores:

12 anos – 0,25
13 anos – 0,25
14 anos – 0,25
15 anos – 0,25
16 anos – 0,5
17 anos – 0,5
18 anos – 0,5 *
19 anos – 0,5
20 anos – 0,5
21 anos – 0,5
22 anos – 0,5
23 anos – 0,5

Obs: Como Coutinho deixou o Vasco no meio da temporada em que completou 18 anos, o clube tem direito a receber apenas o valor proporcional ao período, ou seja, 0,25% e não 0,5%. Por isso o Cruz-Maltino tem direito à 2,25% e não 2,5%.



MaisRecentes

Jorginho teve um dos piores aproveitamentos de um técnico do Vasco nesta década



Continue Lendo

A vitória amarga



Continue Lendo

Sub-20: Vasco contrata atacante do Cruzeiro; zagueiro renova



Continue Lendo