Sociedade Secreta Vasco da Gama



Eurico Miranda recebeu 2.111, somando todas as urnas (Foto: Armando Paiva/Raw Image)

“Se ninguém gosta do Eurico, como continuam elegendo ele para presidente?”

Essa foi a primeira pergunta que recebi de um ouvinte enquanto participava de um programa de rádio, nesta terça-feira de manhã. A resposta pra essa pergunta surgiu à noite, e mora na urna 7 da votação, o único local onde o atual presidente possui 90% de preferência.

Ali está a vitória de Eurico, caso seja confirmada pela Justiça.

Muitos de nós talvez não tenhamos tanta aprovação assim nem dentro de casa, mas Eurico tem na urna 7, a única com discrepância de votos para um candidato. O universo paralelo das eleições cruzmaltinas. Curiosamente, aquela deixada em juízo.

Disse curiosamente, mas o termo correto talvez seja obviamente. A decisão sairia dali, e todos sabiam. Só um candidato não se preocupava com ela: o que venceu nela.

Existe uma Sociedade Secreta Vasco da Gama que elege seus presidentes. Não é o seu torcedor, de uma forma geral. Muitos sequer são vascaínos, como mostram as inúmeras fotos que circulam pela internet desde ontem.

E isso é mais que um meme. É quase um deboche com o vascaíno que quer votar e não consegue.

No site do clube, por exemplo, só há divulgação do sócio-torcedor, que não dá direito a participar da eleição. Os planos com este direito, encarecidos durante a última gestão – e também excluído, como é o caso do sócio geral -, só são encontrados na sede do clube.

Na era da internet, num clube onde mais de 50% de sua torcida mora fora do Rio de Janeiro, isso mostra que a ideia nunca foi atrair, mas sim afastar. Tanto que o número de eleitores aptos caiu de 13 mil para 10 mil em apenas três anos.

O Vasco vem se tornando uma sociedade secreta apenas para convidados, da qual a grande maioria da sua torcida não faz parte.

A resposta para a pergunta que abre o texto está na urna 7. O sete, da conta de mentiroso, traz algumas verdades. Cabe à Justiça encontrá-las.



MaisRecentes

Presente de grego



Continue Lendo

Especial 120 anos: o maior Vasco de todos os tempos



Continue Lendo