Raio X do jogador: Leandrão



Leandrão acabou substituído por conta de uma lesão (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Leandrão foi substituído por conta de uma lesão (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Decisivo contra a Ponte Preta, no meio de semana, Leandrão mais uma vez teve chances de se tornar herói, contra o Atlético-PR, mas foi parado por Weverton. E por uma lesão na coxa.

O camisa 9 fez um bom primeiro tempo, prendendo bem a bola no ataque e fazendo o pivô – o número de passes para trás no raio x abaixo mostra bem isso – para a chegada dos meias. Mas o grande destaque ficou novamente para o potencial de finalização do atacante.

Em apenas 45 minutos em campo, Leandrão finalizou quatro vezes, sendo três no gol e apenas uma pra fora, porém, por conta de um desvio na defesa. De quebra, o centroavante ainda mostrou uma habilidade incomum para atletas de seu porte ao dar três dribles seguidos nos zagueiros e quase marcar um golaço no Maracanã em belíssima joga individual.

Sua saída pesou muito no poderio ofensivo do time, fazendo com que a bola passasse menos tempo no campo adversário. Riascos, que não é centroavante, mais uma vez teve dificuldades para ganhar as disputas com a zaga e fazer a chamada parede. Com Leandrão, talvez a vitória na etapa final tivesse vindo de forma mais tranquila.

LEANDRÃO – VASCO 2X0 ATLÉTICO-PR

Tempo em campo: 45 minutos
Passes certos: 7 ( 0 para frente, 1 lateral e 6 para trás)
Passes errados: 2
Lançamentos certos: 0
Lançamentos errados: 0
Inversões de jogo certas: 0
Inversões de jogo erradas: 0
Bolas perdidas: 0
Antecipações: 0
Desarmes: 2
Bloqueios: 0
Rebatidas: 0
Chutões: 0
Cortes de cabeça: 1
Faltas cometidas: 0
Faltas sofridas: 0
Impedimentos: 0
Cruzamentos certos: 0
Cruzamentos errados: 0
Dribles certos: 3
Arrancadas: 1
Chutes ao gol: 3
Chutes para fora: 0
Chutes bloqueados: 1
Cabeçadas ao gol: 0
Cabeçadas pra fora: 0
Cartão amarelo: 0
Cartão vermelho: 0
Gols: 0
Assistências para gols: 0
Assistências para finalizações: 0



  • ODILON SILVA = RJ

    A princípio parece ser o melhor atacante contratado por essa diretoria, vamos aguardar pelo resto do decorrer da competição, vamos vê se ele mante, o nível técnico, como ele já tem uam certa idade, vamos vê se os problemas clínicos não atrapalharam………………Esse jogo contra o CÚzeiro no mineirão vai ser um grande teste, se conseguir trazer pelo menos um empate, o tiem pode atê sonhar com uma grande recuperação na competição……………Claro, não vai faltar torcida pelo VASCÃOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

MaisRecentes

Memórias do Morumbi



Continue Lendo

Rescisão de Julio dos Santos com o Vasco é publicada no BID



Continue Lendo

O silêncio dos inocentes



Continue Lendo