Raio X do jogador: Emanuel Biancucchi



Biancucchi jogou mas não 'vestiu a camisa' (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Biancucchi jogou mas não ‘vestiu a camisa’ (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Era a chance Biancucchi mostrar para Jorginho que merece mais oportunidades no Campeonato Brasileiro, mas o argentino não soube aproveitar. Único meia de criação do Vasco na partida contra o São Paulo, o primo de Messi buscou sempre a via mais fácil, a jogada mais simples. Atitude que não combina com a 10 que carregou às costas.

Emanuel jogou na função que vem sendo desempenhada por Nenê, na ponta central do losango do meio-campo vascaíno, encostando nos atacantes para tabelar e finalizar. Duas coisas que o gringo não conseguiu fazer bem na partida. Suas melhores aparições foram nas bolas paradas, onde levou perigo em algumas cobranças de escanteio. E mais nada.

Mesmo com um time reserva, a equipe, de maneira geral, se portou bem, com muita entrega e disposição. Porém, até nisso Biancucchi deixou a desejar, ajudando pouco na marcação e parecendo num ritmo bem diferente de seus companheiros.

O argentino entrou em campo, mas não vestiu a camisa.

EMANUEL BIANCUCCHI – VASCO 1X1 SÃO PAULO

Tempo em campo: 65 minutos
Passes certos: 21 ( 5 para frente, 4 laterais e 12 para trás)
Passes errados: 3
Lançamentos certos: 1
Lançamentos errados: 0
Inversões de jogo certas: 0
Inversões de jogo erradas: 0
Bolas perdidas: 4
Antecipações: 0
Desarmes: 1
Bloqueios: 1
Rebatidas: 0
Chutões: 0
Cortes de cabeça: 1
Faltas cometidas: 0
Faltas sofridas: 3
Impedimentos: 0
Cruzamentos certos: 2
Cruzamentos errados: 1
Dribles certos: 3
Arrancadas: 0
Chutes ao gol: 0
Chutes para fora: 1
Chutes bloqueados: 1
Cabeçadas ao gol: 0
Cabeçadas pra fora: 0
Cartão amarelo: 0
Cartão vermelho: 0
Gols: 0
Assistências para gols: 0
Assistências para finalizações: 0



MaisRecentes

Ríos assume a liderança do Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo

Um Vasco mais consciente



Continue Lendo

A fragilidade defensiva do Vasco



Continue Lendo