Proposta de Roberto Monteiro prevê São Januário com capacidade para cerca de 35 mil torcedores



Roberto Monteiro é o candidato da chapa Identidade Vasco (Foto: Divulgação)

Roberto Monteiro é o candidato da chapa Identidade Vasco (Foto: Divulgação)

Seguindo a linha de matérias com os principais candidatos à presidência do Vasco, entrei em contato com a chapa “Identidade Vasco”, que tem Roberto Monteiro como candidato. Uma possível reforma e ampliação de São Januário e a criação do CT em Vargem Grande foram os temas abordados.

O candidato Eurico Miranda, da chapa “Volta Vasco, volta Eurico”, ainda não respondeu as tentativas de contato. Mas espero também poder apresentar suas ideias até fim de semana. As eleições serão realizadas nesta terça-feira, dia 11 de novembro.

Conheça alguns projetos da chapa:

Garone – Existe algum projeto de ampliação e modernização de São Januário?

Roberto Monteiro – Em nossa gestão, São Januário terá sua estrutura ampliada para aumentar a capacidade de público para cerca de 35 mil espectadores. Serão realizadas obras no entorno, em parceria com a Prefeitura e o Estado, para garantir melhor acessibilidade. Queremos também viabilizar a criação do estacionamento e de um centro de memória, com programação de visitas periódicas, como forma de divulgar a história do Vasco e sua importância na vida de brasileiros e portugueses.

Garone – E quanto ao CT de Vargem Grande? O clube já possui o terreno mas faltam recursos. Como viabilizar esse projeto?

Roberto Monteiro – Em nossa gestão, vamos construir um centro de excelência em Vargem Grande para treinamento dos nossos jogadores. O projeto será iniciado e concluído durante o meu mandato. As instalações terão estrutura moderna, digna dos melhores clubes de futebol do mundo: quatro campos de grama, ginásio coberto, piscina, sala de musculação e fisioterapia, centro médico, serviços de hospedagem, vestiário, sauna e estacionamento para 120 veículos, além de uma unidade administrativa, onde funcionará a sala de imprensa. A exemplo da obra de ampliação de São Januário, os recursos para financiar o CT serão obtidos junto aos sócios, através de uma campanha de arrecadação. Também faremos um centro de excelência para a natação.

Garone – Caso vença as eleições, qual a primeira medida a ser tomada no clube?

Roberto Monteiro –  A primeira medida na presidência do Vasco será um choque de gestão. Vamos fazer um diagnóstico do comprometimento da dívida do clube, com medidas de adequação orçamentária e patrimonial. Iniciativas como a rediscussão das cotas de TV são fundamentais, além do escalonamento das dívidas existentes. Será um planejamento sério, com visão estratégica, que permitirá ao Vasco quitar suas dívidas recuperando, no mais curto espaço de tempo possível, sua capacidade de investimento.



  • JC

    Para o bem de todos os vascaínos e felicidade geral da Nação Cruzmaltina espero que Eduardo Nery e Roberto Monteiro se aliem ao Júlio Brand ou Julio Brand se alie a um dos dois para que os associados possam ter algo inovador na Colina. Todos são do bem e têm projetos interessantes que poderiam se fundir numa causa comum. As demais chapas já se aliaram informalmente ao Júlio, à exceção de Eurico que ainda nada apresentou e nada irá apresentar em termos de projeto, mas, infelizmente, é o líder das pesquisas. Esperamos que todos os votantes se unam contra o passado senão continuaremos a derrapar em matéria de progresso. Ficarei aguardando aqui em Vitória-ES o desenrolar dos acordos e se houver perspectivas de vitória da modernidade embarcarei para Rio para votar na chapa de polarização. JC, sócio-proprietário, votante.

  • GIO

    Uma arena com capacidade para 45 mil, no minimo. Gigante como é o Vasco, isso seria ideal. E com projeto de shopping no estadio. Com 1000 vagas pelo menos. Via expressa para Avenida Brasil, Linha amarela e vermelha.

    • Matheus Brito

      45 mil? 22 mil em São Januário precisa de promoção para encher. Uma arena de 35 mil pessoas estaria de bom tamanho. Mas dos projetos dele (arrecadação com sócios) nenhum vai sair do papel.

  • Todos os candidatos são melhores , que o atual . A ERA BINAMITE É UM DESASTRE ! Não deixei de ser vascaíno , apesar da depressão . Ao contrário , estou sempre pronto a ajudar a instituição . A profusão de liminares , dos diversos grupos , em nada ajudaram a imagem institucional , e mantiveram um incompetente , com prazo de validade vencido . Acho que a Hora é de União , independente de quem vença A ELEIÇÃO.
    AVANTE VASCÃO !

  • Espero que Roberto Monteiro se alie a Julio Brand e ganhem a eleição e unidos façam o que estão .prometendo que é:Transformar São Januário num estádio moderno ,com capacidade para receber grandes jogos e também fazer do Vasco um novo EXPRESSO DA VITÓRIA e quem sabe,até mesmo mais vitorioso.

  • GIO

    QUEM DÁ MAIS. QUEM DÁ MAIS. 35 MIL. 40 MIL. ARQUIBANCADA DE FERRO TUBULAR…. CARAMBA. ONDE FOI PARAR O NOSSO CLUBE.
    OBSERVARAM COMO OS TIMES QUE ESTÃO ATRAS DO VASCO O ESTÃO AJUDANDO. MEU DEUS. BASTA VENCER MAIS 2 E EMPATAR UMA. COM 63 PONTOS FICA EM 3º LUGAR.

  • George Simões

    Caramba eu não acredito no que estou lendo e ouvindo algumas vezes,é brincadeira ter eleições nesse país para qualquer coisa,presidência da República governadores,deputados,presidentes de clube e ter na liderança de todos esses citados pessoas com o passado negro ou que fizeram algum mal a nação ou instituição.Não é possível um homem se dizer candidato a presidência de um clube com mais de cem anos de história de luta contra racismo,pensar tão pequeno assim,o cara não fala nem numa arena todo clube mundialmente falando pensa em construir um,é padrão Fifa po…….,eu acho que o meu clube que aprendi a amar através de meu falecido Pai está é mau servido de candidatos a presidência é triste,mas desse jeito vamos é acabar fechando as portas.Essas pragas deveriam ser extirpadas de nosso meio em todos os meios.

MaisRecentes

Vaivém cruzmaltino: Vasco empresta três jogadores



Continue Lendo

O Vasco sem Nenê



Continue Lendo

Pikachu assume a vice-liderança do Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo