Proposta de Roberto Monteiro prevê São Januário com capacidade para cerca de 35 mil torcedores



Roberto Monteiro é o candidato da chapa Identidade Vasco (Foto: Divulgação)

Roberto Monteiro é o candidato da chapa Identidade Vasco (Foto: Divulgação)

Seguindo a linha de matérias com os principais candidatos à presidência do Vasco, entrei em contato com a chapa “Identidade Vasco”, que tem Roberto Monteiro como candidato. Uma possível reforma e ampliação de São Januário e a criação do CT em Vargem Grande foram os temas abordados.

O candidato Eurico Miranda, da chapa “Volta Vasco, volta Eurico”, ainda não respondeu as tentativas de contato. Mas espero também poder apresentar suas ideias até fim de semana. As eleições serão realizadas nesta terça-feira, dia 11 de novembro.

Conheça alguns projetos da chapa:

Garone – Existe algum projeto de ampliação e modernização de São Januário?

Roberto Monteiro – Em nossa gestão, São Januário terá sua estrutura ampliada para aumentar a capacidade de público para cerca de 35 mil espectadores. Serão realizadas obras no entorno, em parceria com a Prefeitura e o Estado, para garantir melhor acessibilidade. Queremos também viabilizar a criação do estacionamento e de um centro de memória, com programação de visitas periódicas, como forma de divulgar a história do Vasco e sua importância na vida de brasileiros e portugueses.

Garone – E quanto ao CT de Vargem Grande? O clube já possui o terreno mas faltam recursos. Como viabilizar esse projeto?

Roberto Monteiro – Em nossa gestão, vamos construir um centro de excelência em Vargem Grande para treinamento dos nossos jogadores. O projeto será iniciado e concluído durante o meu mandato. As instalações terão estrutura moderna, digna dos melhores clubes de futebol do mundo: quatro campos de grama, ginásio coberto, piscina, sala de musculação e fisioterapia, centro médico, serviços de hospedagem, vestiário, sauna e estacionamento para 120 veículos, além de uma unidade administrativa, onde funcionará a sala de imprensa. A exemplo da obra de ampliação de São Januário, os recursos para financiar o CT serão obtidos junto aos sócios, através de uma campanha de arrecadação. Também faremos um centro de excelência para a natação.

Garone – Caso vença as eleições, qual a primeira medida a ser tomada no clube?

Roberto Monteiro –  A primeira medida na presidência do Vasco será um choque de gestão. Vamos fazer um diagnóstico do comprometimento da dívida do clube, com medidas de adequação orçamentária e patrimonial. Iniciativas como a rediscussão das cotas de TV são fundamentais, além do escalonamento das dívidas existentes. Será um planejamento sério, com visão estratégica, que permitirá ao Vasco quitar suas dívidas recuperando, no mais curto espaço de tempo possível, sua capacidade de investimento.



MaisRecentes

Revelado pelo Vasco, Lorran acerta com clube do Chipre



Continue Lendo

Com Maxi López e Henríquez, Vasco chega a 37 estrangeiros contratados nos anos 2000



Continue Lendo

Maxi López no Vasco



Continue Lendo