O novo Vasco de Doriva



Doriva começa a dar forma ao time do Vasc (Foto: Marcelo Sadio/Vasco)

Doriva começa a dar forma ao time do Vasco (Foto: Marcelo Sadio/Vasco)

Dois jogos amistosos de pré-temporada são muito pouco para termos uma avaliação consistente do Vasco que teremos. Mas deu para ver claramente que muita coisa mudou. E não apenas no elenco.

O time de 2014 era lento, previsível e extremamente dependente de Douglas. Em pouco tempo de trabalho, até por não contar com um camisa 10 de origem, Doriva montou uma equipe mais dinâmica, com uma saída de bola mais rápida e com mais movimentação no ataque.

Obviamente, por ser início de temporada, os jogadores ainda não estão em condições físicas e nem técnicas de cumprir 100% do que é pedido pelo treinador, mas se empenharam.

Os quatro homens de frente se revezam nas posições, o que faz com que o jogo não fique concentrado em somente um jogador ou em uma faixa de campo específica.

No gol contra o São Paulo, por exemplo, foi Rafael Silva, teoricamente o centroavante da equipe, que iniciou a jogada de trás e lançou Marcinho – que começou centralizado – na ponta direita. O camisa 10 cruzou para Montoya, que fechou da esquerda para o meio, como um atacante.

E era exatamente esse tipo de movimentação e variação dos jogadores que faltava ao time do ano passado. Se peça por peça, nome por nome, o Vasco parece mais frágil, sem medalhões, taticamente começa a temporada de uma forma bem mais inteligente do que a pragmática equipe de 2014.

Com Adílson e Joel, o time jogava com três volantes e somente Douglas criando. Quando bem marcado, o meia recuava para buscar a bola, deixando Thalles e Kleber isolados lá na frente. Ou então a bola caia nos pés de Fabrício e Pedro Ken para fazer a ligação, o que não resultava em nada.

O novo treinador montou um esquema 4-2-3-1 com volantes que pouco saem para o jogo, assim como os laterais, que só sobem na boa. Isso dá uma segurança maior na defesa. Enquanto isso, os quatro jogadores da frente se revezam nas funções de criar e finalizar, além de pressionarem a saída de bola adversária.

É um time em construção, mas que já começa a ganhar a cara do treinador. Se vai dar certo ou não, só o tempo dirá. Mas me parece taticamente muito mais interessante do que o último Vasco que vimos na Série B.

Facebook – https://www.facebook.com/BlogDoGarone
Twitter – https://twitter.com/BlogDoGarone



  • Reginaldo Rabelo

    Também acho. Com a contusão do Guinazu, o que pode parecer contraditório em virtude do empenho e dedicação do argentino, acho que o meio de campo pode se estabilizar mesclando qualidade no passe e velocidade(o que com o Guina, seria impossível). No 1º jogo, criamos várias oportunidades mas o Sandro Silva entregou o “ouro”. No 2º jogo – a despeito de uma partida com menos de 48 horas para a seguinte – o time se portou bem e tivemos a questão do gol impedido. Com a chegada do Serginho – que marca bem e tem bom passe – acho que o Doriva vai fazer as mexidas finais para esse primeiro momento: Martin Silva; 4-Nei, Luan, Rodrigo e Cristiano; 2-Serginho e Julio dos Santos(bela atuação na 6a. feira); 3-Marcinho, Montoya e Bernardo; 1-Rafael Silva(que vai guardando o lugar para o Thalles). É manter a equipe por 5/6 partidas e verificar onde pode realmente chegar. Bom início, especialmente na parte tática.

  • Edson

    Pelo que vi nos dois jogos, dá pra ter esperança em um time melhor que o do ano passado (apesar que pra isso não precisa muita coisa). Chega de passes laterais, sem objetividade. Time grande tem que jogar pra cima, marcar forte sem a bola e sair em velocidade quando estiver com ela. Parece que este time pode e deve fazer isso. No próximo domingo já poderemos ter ideia do que nos aguarda…
    Oremos…

  • Falta dois grandes nomes,a torcida do Vasco merece,valia apena investir um pouco mais em dois jogadores que vão chamar a responsabilidade e fazer a diferença !! Um atacante e um meia !!

  • Exatamente, não tem motivo pra desespero nenhum… precisa de peças? Com certeza! Mas não acho esse time tão fraco como eu pensei… um time mais rápido, com movimentação e sem depender dos vermes do ano passado como Douglas e Pedro Ken… gostei dos laterais, do volante Lucas que foi o melhor desses 3 jogos junto com o Jean Patrick, mas ainda tem muita gente que tem que vazar… Sandro Silva, Nei, Christiano, Rafael Silva, Montoya… esses aí podem vazar! Precisa de um atacante que saiba finalizar e se movimentar… e mais um meia! E o Doriva tem se mostrado o melhor treinador que tinha à disposição no momento, um trabalho muito bom mesmo com pouco tempo!

  • Ric

    Ridículo! Agora não é mais vice, é último colocado. kkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Ayron

    Matheus primeiro você diz que gostou dos laterais . depois você diz que o Cristiano tem que vazar, cara você é flamenguista ou ta com preguiça de pensar antes de escrever? o Cristiano é um dos laterais filho, acorda!

  • Roberto

    Discordo de uma parte do texto. Os laterais e os volantes ao longo dos jogos passaram a apoiar muito. E com isso o Vasco correu muito risco de tomar gols. Na parte dos volantes isso aconteceu principalmente com o Julio dos Santos. O Doriva tem que corrigir essa parte defensiva. O grande problema é que jogador brasileiro é muito indisciplinado.

    • O vasco mudor e outro teme

  • Pablo

    Pow o Vasco não é grande é enorme só eu vi o Vasco revelar 2 dos maiores atacantes de todos os tempos Edmundo e Romario agora tô assistindo Rafael Silva e Montoya,Eurico tá de saca né pow pelo menos os atacantes tem que ter algum prestígio pow o grêmio tem dois atacantes de ponta, Barcos e Moreno do grêmio, o São Paulo tem o Luis Fabiano e Alan kardec outro revelado em São Januário e outros clubes grandes tem pelo menos dois centro avantes bom por para de fumar charutos e corre atrás o grêmio não quer o Bastos então faz rolo até o Borges tá de bobeia tá bom o meu time q não é ideal é 1-Martin 2-Jean Patrick 3-Rodrigo 4-Luan 6-Loran 5-Lucas 8-Bruno Consedey11-Índio 10-Bernardo 7-Iago9-Thalles

  • SEI QUE NÃO É O ASSUNTO DO BLOG……..E também sei que muitos vão descordar mais gostaria de ver Wagner Love no Vascão !!! É diferenciado ! Um cara que preocupa a zaga adversária ,,seria um ótimo reforço pra uma posição mais do que carente !!

  • Leo

    Esse time não é tão ruim, falta mt ainda pra chegar em ruim, mas dá pra ver um vagalume no fim do túnel.
    A Diretoria ccontratou mts jogadores desnecessários não sei o real motivo desses atletas virem sugar o poço já seco do clube mas enfim, o que temos na teoria é ridículo e medíocre mas se juntar os mortos e feridos da pra tirar alguma coisa dae.
    Das 14 ou 15 contratações os melhores msm são o Júlio dos Santos, Lucas e o Índio os demais apenas esforçados, coisa que já é um diferencial comparado à aquele time lixoso do ano passado que tinha como “salvador” um ex-atleta que andava em campo e esperaa bola comas mãos na cintura.
    S.V /+/

MaisRecentes

Pikachu assume a 3ª posição no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo

Os celibatários da verdade



Continue Lendo

Pikachu ganha quatro posições no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo