O fator Andrezinho



Andrezinho tem sido o ponto de equilíbrio do Vasco (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Andrezinho tem sido o ponto de equilíbrio do Vasco (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Cinquenta e cinco jogos pelo Vasco, com 7 gols e 5 assistências. Os números de Andrezinho pelo Cruz-Maltino estão bem distantes dos de Nenê – 59 partidas, 26 tentos e 19 passes para gols -, com quem divide a responsabilidade de criação do time. Ainda assim, sua importância para a equipe está no mesmo patamar.

Nenê é o individual que resolve. Andrezinho é a peça que faz o coletivo ir bem. Enquanto o camisa 10 decide partidas, mesmo quando a atuação do grupo não é boa, o 7 é o fator primordial para que a engrenagem, principalmente no meio-campo, funcione.

Nenê decide. Andrezinho define, se será bom ou ruim o desempenho do time. É ele quem gira a bola, muda o ritmo e saiu do óbvio. Pega na zaga a bola para fazer a saída e aparece no ataque para buscar algo novo. Dá passes e define. Marca e foge da marcação. É o fiel da balança. E foi assim que garantiu a classificação contra o Santa Cruz.

Sem muito alarde, aos 31 anos de idade, Andrezinho mostra que ainda pode ter grandes atuações, como a de quarta-feira. Mesmo sozinho.



MaisRecentes

Comendo pelas beiradas



Continue Lendo

Em boa fase, Pikachu já entra na lista dos dez maiores artilheiros do Vasco na história da Libertadores



Continue Lendo

Vasco rescinde com mais um jogador do Expressinho



Continue Lendo