Números mostram diferenças entre o Vasco de Roth e o de Doriva



Celso Roth está com 100% de aproveitamento em seus dois primeiros jogos (Foto: Paulo Sérgio/LANCE!Press)

Celso Roth obteve 100% de aproveitamento em seus dois primeiros jogos (Foto: Paulo Sérgio/LANCE!Press)

A principal mudança no Vasco que o torcedor tanto esperava ocorreu de forma rápida. O time voltou a vencer. Essa, mais do que qualquer outra alteração, era a de maior expectativa. Porém, para mudar o resultado final, o time passou por transformações em sua estrutura.

A chegada de Celso Roth mexeu não apenas na postura tática – do 4-2-3-1 para o 4-4-2 -, mas também na forma com que a equipe ‘joga o jogo’. A posse de bola, tão valorizada por Doriva, virou segundo plano, e os números comprovam isso.

Sob o comando do primeiro treinador, o time trocou 2.828 passes em oito partidas, uma média de 353,5 por jogo. Com a contratação de Roth, esta média caiu para 193,5. Ou seja, o Vasco passou a jogar menos com a bola e tentando definir suas jogadas ofensivas de forma mais rápida.

Gráfico de passes do Vasco no Brasileiro (Fonte: Footstats)

Gráfico de passes do Vasco no Brasileiro (Fonte: Footstats)

O Vasco, que antes sofria com os contra-ataques adversários, hoje é quem força o erro do para tentar marcar. Apesar do número de finalizações, desarmes e cruzamentos não terem tido grandes alterações, é a média de gols sofridos e marcados que mais importam.

Nas duas partidas sob o comando do novo treinador, a defesa, mesmo desfalcada, não foi vazada, e o ataque balançou as redes em duas oportunidades. No esquema implantado por Doriva, a equipe vinha tendo média de 1,6 gols sofridos e apenas 0,37 marcados em jogos do Brasileiro.

Gols do Vasco no Brasileiro 2015 (Fonte: Footstats)

Gols do Vasco no Brasileiro 2015 (Fonte: Footstats)

É cedo para falar se o Vasco de Roth irá mais longe do que o de Doriva poderia ir, mas os 100% de aproveitamento em seus dois primeiros jogos apontam uma clara evolução. Se não no futebol apresentado, ao menos nos resultados obtidos.



MaisRecentes

Jorginho teve um dos piores aproveitamentos de um técnico do Vasco nesta década



Continue Lendo

A vitória amarga



Continue Lendo

Sub-20: Vasco contrata atacante do Cruzeiro; zagueiro renova



Continue Lendo