Milton Mendes volta ao Vasco após 30 anos



Milton Mendes é o novo técnico do Vasco (Foto: Gustavo Oliveira/Atlético-PR)

Milton Mendes é o novo técnico do Vasco (Foto: Gustavo Oliveira/Atlético-PR)

Definido o sucessor de Cristóvão Borges no Vasco para a temporada 2017: Milton Mendes.

Nome até certo ponto novo no mercado brasileiro de técnicos – seu primeiro clube no país foi o Paraná, em 2014 -, Milton é um velho conhecido de São Januário.

O novo treinador vascaíno iniciou sua carreira profissional no futebol com a camisa cruz-maltina, em 1985. Aos 19 anos de idade, no dia 20 de março, entrou em campo pela primeira vez: empate em 0 a 0 com o Coritiba. Um mês antes, um certo Romário também havia estreado pelo clube contra o mesmo Coxa.

Da mesma geração do Baixinho e com o apelido de MacGyver, em razão da semelhança com o personagem da época, teve passagem bem mais discreta pelo clube. Em seu primeiro ano no time profissional, fez 15 partidas e não marcou nenhum gol. Na época, contava com a forte concorrência de Edevaldo, convocado para a Copa de 82, e de Heitor.

Milton Mendes na época de jogador (Foto: Reprodução)

Milton Mendes na época de jogador (Foto: Reprodução)

Com a chegada de Paulo Roberto na temporada seguinte, foi emprestado ao Criciúma, voltando a jogar pela equipe de São Januário apenas em 1987. Sob a sombra do titular, disputou mais 11 jogos e se despediu do clube rumo à Portugal, onde atuou até 2002.

No Vasco, foram 26 jogos e nenhum gol marcado.

Três décadas depois, Milton Mendes retorna ao clube que o revelou para o futebol. A missão: revelar um futebol que o elenco ainda não mostrou em 2017.



  • Marcos Vinícius

    Particularmente eu preferia um nome com mais bagagem,pois o time precisa de alguém que absorva a pressão no comando. Milton fez um bom trabalho no Atlético-PR,com um elenco sem grandes estrelas e com orçamento reduzido. Pode ser que engrene no Vasco,mas,repito,preferia alguém com mais nome.

  • Luciano Silva

    Como tudo que tem a mão dá família Miranda é uma incógnita como vai ser o trabalho desse treinador . Em vez de pensar e contratar técnicos que já mostraram um bom trabalho como Levir Culpi , Osvaldo de Oliveira , Marcelo Oliveira e ate mesmo Luxemburgo , preferem trazer o Milton Mendes . Boa sorte a ele e a nós torcedores .O lado bom é que pelos menos não vieram um PC Gusmão ou um Joel Santana dá vida. SV

    • Carlos Freitas

      verdade.

      • Marcos Vinícius

        Enquanto Eurico for presidente,Oswaldo de Oliveira nunca pisará em São januário. Lembra da semifinal contra o cruzeiro em 2000?

        Marcelo de Oliveira já trabalhou no Vasco em um passado recente,se não me engano em 2012,foi horrível. Acho que ele não sabe trabalhar com elenco mediano,como é o caso do Vasco.

        Levir,assim como Luxemburgo,é caro,está fora da realidade financeira do Vasco.

        Dentre os possíveis treinadores que o Vasco poderia ter,gostaria que viesse Fernando Diniz,que faz ótimo trabalho com times de menor investimento,ou Ricardo Gomes,que já mostrou que tem condiçoes de transformar times razoáveis em campeões.

  • Percy

    só foi trazido pq é do empresario Carlos Leite

  • Larissa Oliveira

    Sou Vasco e não consigo entender o torcedor vascaíno,todo jogador ou técnico que se contrata não serve,um treinador novo e com boas idéias deixa o cara mostrar seu trabalho pelo menos pra depois falar.

MaisRecentes

Pikachu ganha quatro posições no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo

O ‘chef’ Milton Mendes



Continue Lendo

Vasco rescinde com atacante do sub-20



Continue Lendo