‘Lembra dele no Vasco?’ – Rodrigo Beckham



Rodrigo jogou no Vasco em 2005 (Foto: Reprodução/Divulgação)

Rodrigo jogou no Vasco em 2005 (Foto: Reprodução/Divulgação)

Quando o Vasco entrar em campo nesta quinta-feira, para enfrentar o Boavista, terá do outro lado um rosto conhecido. Rodrigo Beckham, ex-jogador do clube, fará a sua estreia no comando técnico da equipe de Saquarema.

Rodrigo surgiu para o futebol em 1997, atuando pelo Guarani. No ano seguinte, levou o Gama até o título da segunda divisão brasileira e ganhou destaque após as excelentes atuações pelo time.

Em 1999, se transferiu para o Botafogo-RJ, onde repetiu o sucesso conquistado no Distrito Federal e ganhou destaque nacional. Dono de um potente e preciso chute de canhota, e com um visual que lembrava David Beckham, logo o meia ganhou o apelido que carregaria pelo resto da carreira.

Comparado ao craque inglês, acabou parando no Everton, da Inglaterra, após rápida passagem pelo Atlético-MG. Em terras britânicas, sofreu seguidas lesões no joelho e pouco atuou.

Com problemas no ligamento, passou por Corinthians, Juventude e Atlético-PR, sem brilho. Com o joelho comprometido, já não conseguia uma boa sequência de jogos e nem apresentar a mesma qualidade que nos tempos do Alvinegro Carioca.

Em 2005, o Rodrigo chegou à São Januário sobre a batuta de Renato Gaúcho, que também acabara de aportar no clube. O resultado foi o mesmo das outras equipes em que havia atuado nos últimos anos: muito tempo no departamento médico e poucas partidas. Infelizmente.

Em 2010, encerrou a carreira após passar também por Boavista, Paraná, Fortaleza e Red Bull Brasil.

Ficha do Jogador
Rodrigo Juliano L. de Almeida
apoiador, 08/07/1976, Santos-SP

Pelo Vasco
2005 – 7 jogos e 0 gols

Estreia pelo Vasco:

FORTALEZA 4 x 2 VASCO
Estádio: Castelão
Data: 28/08/2005
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (SP)
Cartões Amarelos: Lúcio, Fumagalli, Marcelo Lopes (FOR); Vergara, Alex Dias, Amaral, Róbson Luiz (VAS);
Gols: Lúcio, 25’/1ºT (1-0); Alex Dias, 13’/2ºT (1-1); Lúcio, 25’/2ºT (2-1); Alex Dias, 29’/2ºT (2-2); Alan, 33’/2ºT (3-2); Rinaldo, 44’/2ºT (4-2);

FORTALEZA: Bosco; Chiquinho (Tiago Mattos – 12’/2ºT), Alan, Ronaldo Angelim e Marquinhos (Márcio Goiano – 36’/2ºT); Marcelo Lopes, Erandir, Lúcio (Paulo Isidoro – 30’/2ºT) e Mazinho Lima, Rinaldo e Fumagalli. Técnico: Hélio do Anjos.

VASCO: Roberto; Vergara (Róbson Luiz – Intervalo), Ygor e Fábio Braz; Claudemir, Amaral (Elbinho 28’/2ºT), Silva, Morais (Rodrigo – 21’/2ºT) e Diego; Alex Dias e Romário. Técnico: Renato Gaúcho

FACEBOOK – https://www.facebook.com/BlogDoGarone
TWITTER – https://twitter.com/BlogDoGarone



  • Me lembro sim,era mais um frequentador CONTUMÁZ do serviço médico,porq

  • André Schmidt;gostaria que você me informasse se existe alguma cidade no estado do Rio de Janeiro,chamada SALVADOR;a pergunta é porque tem dois jogadores no site do Vasco como naturais de SALVADOR,só que um É de SALVADOR/BA e o outro SALVADOR/RJ e também tem um erro no caso do YAGO,la está CACHOEIRO DO ITAPEMIRIM,mas o nome correto da cidade é CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM.

MaisRecentes

Pikachu ganha quatro posições no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo

O ‘chef’ Milton Mendes



Continue Lendo

Vasco rescinde com atacante do sub-20



Continue Lendo