‘Lembra dele no Vasco?’ – Luís Carlos Winck



Winck brilhou no Vasco (Foto: Divulgação)

Winck brilhou no Vasco (Foto: Divulgação)

Um dos últimos grandes laterais que passaram pelo Vasco completa 52 anos nesta segunda-feira.

Campeão brasileiro pelo clube em 1989 e autor do primoroso cruzamento para o gol do título, marcado por Sorato, Winck havia acabo de chegar à Colina quando levantou a taça.

Veloz e ótimo cruzador, característica cada vez mais rara em um lateral, iniciou sua carreira no Internacional em 81, deixando a equipe gaúcha oito anos depois para defender a camisa cruz-maltina.

Ficou duas temporadas em São Januário, retornando ao Colorado em 91 e novamente ao Vasco no ano seguinte, onde ganhou o Carioca. Fez sucesso também na Seleção Brasileira, porém, quando se preparava para disputar a Copa de 90, na Itália, acabou se lesionando e ficando fora do convocação.

Passou ainda por Corinthians, Flamengo, Botafogo e, novamente, Internacional. Encerrou a carreira em 96 e atualmente é treinador.

FICHA DO JOGADOR
Luís Carlos Coelho Winck
Lateral-direito, 05/01/1963, Portão-RS

PELO VASCO
1989 – 14 jogos e 0 gols
1990 – 45 jogos e 0 gols
1992 – 52 jogos e 2 gols
TOTAL – 111 jogos e 2 gols

ESTREIA DE LUIS CARLOS WINCK PELO VASCO:

Vasco Da Gama 1 x 0 Logroñés (ESP)
Data: 21/08/1989
Amistoso Internacional
Local : Las Gaunas (Logronõ – ESP)
Arbitro : Não Conhecido
Público : Não Conhecido
Gols : Anderson (Vasco ?/?ºT)

Vasco – Régis, Luís Carlos Winck, Marco Aurélio, Célio Silva, Lira, Zé do Carmo, Andrade (Tornado), Boiadeiro, Vivinho, Sorato e Tato (Anderson) Técnico : Alcir Portela

Logroñés – ??
Técnico : ??

PRIMEIRO GOL DE LUIS CARLOS WINCK PELO VASCO:

Vasco Da Gama 3 x 1 Barcelona (ESP)
Data: 19/08/1992
Troféu Cidade De Sevilha
Local : Benito Villamarin (Sevilha – ESP)
Arbitro : Carcelen Garcia
Público :
Gols : Júnior (Vasco 35/1ºT), Beguiristain (Barcelona 40/2ºT), Luís Carlos Winck (Vasco 43/2ºT) e Edmundo (Vasco 45/2ºT)

Vasco – Carlos Germano, Luís Carlos Winck, Alê, Jorge Luís, Eduardo, Luisinho, Flávio, Leandro, Bismarck, Júnior (Cássio) e Edmundo (Tinho) Técnico : Joel Santana

Barcelona – Zubizarreta, Nadal, Koeman, Amor, Serna (Pablo), Bakero (Juan Carlos), Goikoetxea, Eusébio, Salinas (Alexanco), Witschge, Beguiristain Técnico : Johan Cruyff

Facebook – https://www.facebook.com/BlogDoGarone
Twitter – https://twitter.com/BlogDoGarone



  • Memorável lembrança ! Do cruzamento perfeito , para a cabeçada do Sorato .
    Vasco Campeão Brasileiro !

    • Alexandre F.G.

      Aquilo foi + q um cruzamento, foi um passe… hoje é dificil um lateral do nível do Winck, q faça o q Winck fazia… a maioria é balão pra área pra ver no q dá!

  • Césare S. Winck

    Realmente, assim como foi um dos melhores laterais do Vasco nos últimos tempos, posso dizer não houve lateral melhor depois dele no Internacional.

MaisRecentes

Pikachu ganha quatro posições no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo

O ‘chef’ Milton Mendes



Continue Lendo

Vasco rescinde com atacante do sub-20



Continue Lendo