Ida de Coutinho para o Barcelona renderia milhões ao Vasco



Philippe Coutinho é cria da base do Vasco (Foto: Divulgação/Vasco)

Philippe Coutinho é cria da base do Vasco (Foto: Divulgação/Vasco)

Não é de hoje que o Barcelona olha com carinho para Philippe Coutinho. As grandes atuações recentes por Liverpool e pela Seleção Brasileira tem encantado ainda mais o clube espanhol. E o desejo de contar com o meia só aumenta.

Porém, para tirar o jogador do clube inglês, o Barça teria que desembolsar R$ 276 milhões. No mínimo.

Quem tem interesse nesta transferência também é o Vasco. De acordo com o mecanismo de solidariedade de FIFA, o Cruz-Maltino tem direito a 2,25% de qualquer transação internacional que envolva o atleta. Caso o negócio seja concretizado nestes valores, o clube receberia cerca de R$ 6.2 milhões.

Coutinho chegou em São Januário com apenas sete anos para jogar futsal e ficou na Colina até completar 18 anos de idade. Em 2009, aos 17 anos e já negociado com a Inter de Milão, subiu para os profissionais onde atuou até o meio da temporada seguinte, quando completou a maioridade e seguiu para a Itália.

Pelo Vasco, como profissional, Philippe disputou 44 partidas e marcou 5 gols.

Divisão do percentual da indenização aos clubes formadores:

12 anos – 0,25
13 anos – 0,25
14 anos – 0,25
15 anos – 0,25
16 anos – 0,5
17 anos – 0,5
18 anos – 0,5 *
19 anos – 0,5
20 anos – 0,5
21 anos – 0,5
22 anos – 0,5
23 anos – 0,5

Obs: Como Coutinho deixou o Vasco no meio da temporada em que completou 18 anos, o clube tem direito a receber apenas o valor proporcional ao período, ou seja, 0,25% e não 0,5%. Por isso o Cruz-Maltino tem direito à 2,25% e não 2,5%.

 



MaisRecentes

Ríos se torna o 2º estrangeiro com mais gols pelo Vasco na história do Brasileiro



Continue Lendo

As duas faces de um empate



Continue Lendo

Artilheiro do Vasco, Pikachu vem tendo sua maior média de gols da carreira



Continue Lendo