Há 18 anos, Evair marcava seu primeiro gol com a camisa do Vasco



Evair foi campeão brasileiro pelo Vasco em 98 (Foto: Reprodução)

Evair foi campeão brasileiro pelo Vasco em 98 (Foto: Reprodução)

No próximo domingo, Vasco e Palmeiras escreverão mais um capítulo na gloriosa história do confronto entre os dois clubes. História essa que conta também com uma longa amizade entre as torcidas e muitos craques em comum. Entre eles, Evair.

E foi num dia 23 de julho, portanto, há exatos 18 anos, que o atacante marcou o seu primeiro gol com a camisa vascaína, após ter marcado outros tantos com a pele palmeirense. Ídolo do Verdão na década de 90, o Matador se transferiu para São Januário em 97, onde reeditou a vitoriosa dupla de ataque ao lado de Edmundo, que tanto havia brilhado no Palestra.

Curiosamente, o primeiro tento do atacante viria logo contra um velho conhecido dos tempos de Palmeiras, o rival São Paulo. Após os vascaínos saírem perdendo com um golaço de bicicleta de Dodô, o artilheiro cobrou falta com perfeição, sem chances para Rogério Ceni, e empatou o jogo. Este foi o primeiro dos 12 gols marcados por Evair pelo Cruz-Maltino.

De quebra, ou melhor, de calcanhar, o centroavante ainda deixaria o caminho livre para Pedrinho bater cruzado e definir a vitória vascaína sobre o Tricolor. Este foi o primeiro triunfo do Gigante da Colina na caminhada rumo ao tricampeonato brasileiro conquistado naquele ano.

Os primeiros três primeiros pontos cruz-maltinos que nasceram dos pés abençoados de Evair.

Vasco Da Gama 2 x 1 São Paulo (SP)
Data: 23/07/1997
Campeonato Brasileiro
Local : São Januário
Árbitro : Sidrack Marinho Dos Santos
Público : 3.371 pagantes
Gols : Dodô (São Paulo 2/1ºT), Evair (Vasco 24/2ºT) e Pedrinho (Vasco 45/2ºT)

Vasco – Márcio, Maricá, Mauro Galvão, Alex, Felipe, Nasa, Válber, Pedrinho, Ramón (Mauricinho), Edmundo e Evair (Moisés) Técnico : Antônio Lopes

São Paulo – Rogério Ceni, Cláudio, Rogério Pinheiro, Álvaro, Serginho, Belletti, Edmílson (Sídney), Luís Carlos (Alexandre), Fábio Aurélio, Dodô e Denílson Técnico : Dario Pereyra



  • ODILON SILVA = RJ

    Teve seus bons momentos.

MaisRecentes

Nenê se isola como o 4º maior artilheiro do Vasco neste século



Continue Lendo

Caio Monteiro marca seus primeiros pontos no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo

A zona vascaína



Continue Lendo