Guiñazu e o pai da noiva



Guiñazu, o capitão do Vasco (Foto: Marcelo Sadio/Vasco.com.br)

Guiñazu, o capitão do Vasco (Foto: Marcelo Sadio/Vasco.com.br)

Guiñazu é daqueles jogadores que despertam o amor da torcida e o ‘ódio’ dos críticos. Afinal, deve ser péssimo ter o argentino num time que não seja o seu.

É como se o volante fosse aquele genro que o sogro não gosta. Por mais que a filha esteja feliz, ele teima em apontar defeitos. Mas a quem interessa o casamento?

Careca, cara de mal, tatuado… Não pode ser boa pessoa, pensa o pai.

‘- Ele é violento’, acha o sogro.

‘- Ele me protege’, defende a filha.

‘- Vocês não tem futuro juntos, ele está velho’, indaga ele.

‘- Ele me dá alegrias agora, hoje’, responde ela.

‘- Ele ainda vai te fazer mal’, afirma o pai.

‘- Ele só me faz bem’, desmente a filha.

Ela, vivendo e sentindo. Ele, de fora, tentando justificar sua birra com o gringo.

O pai não entende como ela, tão bela, se apaixonou pela fera. Ela, tão fera, encontrou a metade dela.

Guina e a torcida do Vasco estão em lua de mel. Juntos e vitoriosos.

O casamento deu certo, e às vezes o amor alheio incomoda. Aos outros, nunca ao casal.

A taça virou aliança. O Maraca, a igreja. Para o casório, mesmo contra, até o sogro foi chamado.

A festa foi daquelas que entram para a história. A noiva, a mais linda, se embelezou para ocasião e foi o centro das atenções.

O noivo, ciente que o dia era dela, tratou de organizar tudo para que não lhe faltasse nada. Como se fosse apenas mais um na festa, até serviu os convidados, para surpresa do sogro. Rafael Silva agradece.

A opinião do pai dela pode até não mudar mas, neste domingo, ele foi obrigado a tirar o chapéu para o noivo. Nem que fosse para não aborrecer a filha, a dona da festa.

Com o casamento sacramentado, caberá a ele aceitar. Mas se continuar não gostando, tudo bem. A relação da torcida com Guiñazu parece estar bem longe de terminar.

Enquanto uns tentam explicar o amor, outros simplesmente sentem.

Que seja eterno enquanto dure.

“UH UH UH UH UH UH UH UH UH”

FACEBOOK – https://www.facebook.com/BlogDoGarone
TWITTER – https://twitter.com/BlogDoGarone



  • MUITO BOM. Parabens.

  • sebastião frescurat

    Parabens pelo texto muito bom.

  • rick

    Cara sensacional! Guinazu para o presidente. vasco campeão!!! chupa mulambos!

  • Leonardo Esteves

    Quase um Pedro Bial em dia de eliminação…kkkkkk

    • Andre

      Pensei a mesma coisa, Leonardo Esteves! Rsrs… Parabéns, Garone!

  • Luciano

    O problema é que nesse caso o sogro está cagando para a felicidade da filha. Mais: quanto mais infeliz a filha for, melhor para o sogro

    • Rodrigo

      O Problema é que você interpretou de forma equivocada a analogia.
      Típico de mulambo.

  • Wellington Supriano

    Fantástica analogia!

  • dido

    que venha o brasileirão…….

  • Rodrigo

    UH UH UH UH UH !
    Capitão !

  • João Molina

    Adorei essa analogia. E Juninho Pernambucano, parabéns por defender o Guina nos comentários durante o jogo. Pois se alguém lembra o Dr Arnaldo César Coelho, indagou o Juninho se ele já havia jogado contra o guina (tipo querendo malhar a forma de atuação do nosso capitão). Eis que tiveram que ficar caladinhos pois no mesmo momento o guina deu aquele passe primoroso que colocou o R. Silva para estufar a rede!!! Viva o Vascão e Casaca!!!

  • Racional

    Não esqueçam de agradecer ao TJD-RJ pelas escalações de Guinazu e Bernardo.

    http://www.lancenet.com.br/minuto/Guinazu-Bernardo-Pico-Paulinho-TJD-RJ_0_1347465383.html

    • Amado Peixoto

      Eu li CHORO? É isso mesmo?

      @garone kkk, esses textos estão ficando otimos! O casamento tá perfeito, o sogro que fique na dele e aguente!!

  • rodolpho

    Perfeito o texto…. muito boa sacada e resumindo. Ele é foda!!!

  • ODILON C SILVA = RJ

    UM GRANDE PROFISSIONAl……….UM GRANDE EXEMPLO……………..SANGUE VASCAINO………..UMA GRANDE CONTRATAÇÃO.

  • adalto

    Simplesmente o nosso capitão.

MaisRecentes

A rosa de crepom



Continue Lendo

Luis Fabiano é regularizado pelo Vasco e está livre para atuar contra o Flamengo



Continue Lendo

A classificação do Vasco e a torcida única



Continue Lendo