Guardem as cornetas para o Carnaval



Jhon Cley quase marcou o 4º no fim da partida (Foto: Cléber Mendes/LANCE!Press)

Jhon Cley quase marcou o 4º no fim da partida (Foto: Cléber Mendes/LANCE!Press)

É impressionante como algumas pessoas preferem destacar os pontos negativos do Vasco ao invés das qualidades do time, mesmo nas vitórias. Se perde está péssimo, se empata está horrível e se ganha não agradou. Se esse é o seu pensamento, por favor, guarde a corneta para o Carnaval. Hoje não!

Sabe a quanto tempo o Macaé não perdia por três ou mais gols de diferença? Desde maio do ano passado. Sabe quantas derrotas eles tinham no Carioca? Nenhuma. Sabe como foi o confronto anterior contra outro grande? Foi 1 a 1 contra o Flamengo. E suado para os rubro-negros.

O Vasco não venceu nenhum morto. Ganhou de um time que vem de bons resultados, sendo campeão da Série C batendo clubes tradicionais como Fortaleza, Juventude e Paysandu, por exemplo. Dos pequenos, talvez seja o mais organizado dentro e fora de campo, mesmo não tendo mostrado isso em São Januário. Mas isso também é mérito vascaíno.

O Cruz-Maltino esteve longe de ter uma atuação de gala, começou sonolento, devagar, enquanto que o adversário deu tudo que tinha nos minutos iniciais. Ou seja, no pior do Vasco contra o esforçado Macaé, o máximo que se teve foram 30 minutos de equilíbrio, mais nada. Daí pra frente, uma vitória tranquila.

Mais uma vez a zaga não sofreu gols, temos a defesa menos vazada do Carioca. “Mas só pegou moleza”, você vai dizer. Eles – os rivais – também, eu te respondo.

Se mais uma vez foi difícil trabalhar a bola no campo de ataque em velocidade, ao menos a equipe mostrou novas alternativas. Foram dois gols de falta e um de rebote em outra cobrança. Todos em chutes de fora da área. É um avanço.

O Vasco ainda precisa melhorar muito. E vai. Segue sendo apenas o início da temporada. No comparativo com nossos adversários reais, não estamos deixando a desejar. Nem nas atuações e nem nos resultados.

O Gigante segue invicto e na briga. Guardem as cornetas para os blocos!

Saudações vascaínas! /+/

ACOMPANHE O BLOG DO GARONE NAS REDES SOCIAIS:

Facebook – https://www.facebook.com/BlogDoGarone
Twitter – https://twitter.com/BlogDoGarone



  • vitor

    Aondi eu assino?

    Vasco Porra!!!

    Imprensa só fala do num sei o que maia do flamengo,quantos gols ele tem?
    Bernado tem 3!!

  • pwagnerbr

    Boa análise. A torcida e a diretoria têm que dar um tempo para o Doriva trabalhar. É um treinador sério, que está montando uma equipe para o brasileiro. Esse é o principal torneio que temos esse ano e tudo o que a torcida quer é se ver livre do rebaixamento o quanto antes. Um ano como foi o do Palmeiras em 2014 na série A, e o do próprio Vasco na série B, é que não dá! Quanto ao Macaé, é um time bem organizado, que subiu como campeão da série C (título que só o Fluminense tinha!), e que deu um trabalhão para o Flamengo no primeiro jogo. Junto com o Volta Redonda, é o melhor dos chamados “pequenos”. Vai dar trabalho!

  • Ronaldo

    Pra mim continua sendo limitado. Na sua análise você foi clubista. Essa ”visão otimista” que vc tem não reflete a realidade. Um time de primeira divisão, gigante, um dos maiores clubes do mundo passando pra ganhar de um time pequeno dentro de casa é uma vergonha. Time limitado, com um tecnico de time pequeno não dá pra esperar muita coisa. O Vasco continua se apequenando e a troca de diretoria mudou pouco essa situação. Montou um elenco com jogadores limitados que só porque empataram com Flamengo e São Paulo acham que vai ter futuro. Eu não tenho dúvidas que com esse elenco não vamos chegar nem a uma final de turno em estaduais. Quanto mais algo maior. Temos que agradecer isso tudo aos sócios que trouxeram de volta o atraso, o retrocesso, a ditadura do Eurico. espero que o mandato dele acabe logo. E que tenhamos um futuro melhor

  • ODILON SILVA = RJ

    Estava morrendo de medo do PIPICO, ainda bem que ele não estava numa noite inspirada.

MaisRecentes

Artilheiro da Florida Cup, Nenê já abre vantagem no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo

Um Vasco mais simples e uma vitória para o moral



Continue Lendo

Escudero é regularizado pelo Vasco



Continue Lendo