Éder Luís no Vasco



Éder Luís está de volta ao Vasco (Foto: Vasco.com.br)

Éder Luís está de volta ao Vasco (Foto: Vasco.com.br)

Autor do gol do último título nacional do Vasco – a Copa do Brasil, em 2011 -, Éder Luís está de volta a Colina. Em fase final de recuperação de uma grave lesão no joelho, que o tirou dos gramados há mais de um ano, o atacante já treina em São Januário e deve ser uma das opções de Doriva durante o Campeonato Brasileiro.

Mas qual Éder Luís teremos no Cruz-Maltino em 2015?

Um pergunta difícil de ser respondida, não só em razão do período afastado dos gramados, mas também pelas oscilações em suas outras quatro temporadas com a camisa vascaína. De 2010 à 2013, o ‘Chico Bento da Colina’, como é carinhosamente chamado pelos torcedores, viveu momentos distintos no clube.

A CHEGADA

Éder Luís estreou pelo Vasco em agosto de 2010, num clássico contra o Flamengo que terminou empatado em 0 a 0. Mesmo atuando apenas quatro meses, foi a sua temporada mais produtiva quando analisamos os seus números. Foram 9 gols marcados e 4 assistências em somente 27 partidas disputadas, sua melhor média de gols em um ano pelo Gigante.

Éder Luís viveu uma fase de artilheiro em 2010 (Foto: Marcelo Sadio/Vasco.com.br)

Éder Luís viveu uma fase de artilheiro em 2010 (Foto: Marcelo Sadio/Vasco.com.br)

A CONSAGRAÇÃO

Em seu segundo ano atuando pelo Vasco, Éder gravou seu nome na história do clube. Fazendo uma excelente dupla ofensiva pelo lado direito com Fágner, o atacante foi um dos destaques do time campeão da Copa do Brasil, título até então inédito para os vascaínos, e ainda marcou o gol na final que garantiu a taça.

Ao contrário do que viveu em 2010, o ‘Neto do Vento’ foi mais um garçom do que um artilheiro. Em 2011, marcou os mesmos 9 gols que no ano anterior, porém, tendo atuado a temporada inteira. Em contrapartida, serviu seus companheiros em 16 oportunidades para balançarem as redes. Em números gerais, seu melhor desempenho.

Éder comemora o gol do título sobre o Coritiba (Foto: Cléber Mendes/LANCE!Press)

Éder comemora o gol do título sobre o Coritiba (Foto: Cléber Mendes/LANCE!Press)

A CONTESTAÇÃO

O ano de 2012 começou com a expectativa de voltar a disputar a Libertadores, mas terminou sem título e com uma equipe completamente desmontada. Com Diego Souza, Allan e Fágner deixando o clube no meio do ano, Éder caiu de rendimento e passou a ser bastante contestado pela torcida, assim como outros atletas. Em baixa, estufou as redes apenas sete vezes e deu somente cinco passes para gols.

QUEDA DE RENDIMENTO E A SAÍDA

Apesar da debandada da maioria dos atletas campeões da Copa do Brasil, Éder permaneceu no Vasco para o início da temporada 2013. Porém, mais uma vez não conseguiu repetir as boas atuações de seus primeiros anos e acabou deixando o clube em agosto, tendo marcado somente duas vezes.

ÉDER LUÍS NO VASCO

2010 – 27 jogos – 9 gols – 4 assistências
2011 – 61 jogos – 9 gols – 16 assistências
2012 – 43 jogos – 7 gols – 5 assistências
2013 – 28 jogos – 2 gols – 5 assistências
Total – 159 jogos – 27 gols – 30 assistências

FACEBOOK – https://www.facebook.com/BlogDoGarone
TWITTER – https://twitter.com/BlogDoGarone



MaisRecentes

Ríos se torna o 2º estrangeiro com mais gols pelo Vasco na história do Brasileiro



Continue Lendo

As duas faces de um empate



Continue Lendo

Artilheiro do Vasco, Pikachu vem tendo sua maior média de gols da carreira



Continue Lendo