Baú: há 12 anos, Marcelinho Carioca brilhava pelo Vasco no 1º jogo da final do Carioca



Marcelinho brilhou pelo Vasco em 2003 (Foto: Julio César Guimarães/LANCE!Press)

Marcelinho brilhou pelo Vasco em 2003 (Foto: Julio César Guimarães/LANCE!Press)

No dia 19 de março de 2003, Vasco e Fluminense se enfrentavam no primeiro jogo da final do Campeonato Carioca. E, com gols de Marcelinho Carioca e Souza, o Cruz-Maltino largou na frente do Tricolor para ficar com a taça. Alex Oliveira, ex-Vasco, descontou para o time das Laranjeiras.

O Pé de Anjo foi o nome do jogo – e do campeonato -, levando a loucura o volante Maciel, que fez marcação individual no craque vascaíno. O gol sairia numa cobrança de escanteio magistral, que contou ainda com o toque do zagueiro antes de entrar. Mas o árbitro deu gol olímpico.

O segundo veio através de uma jogada de Russo, pela direita, e completada pelo atacante Souza, artilheiro do time na competição. E só não foi mais por causa das defesas do goleiro Kleber, que impediu que Marcelinho ampliasse em pelo menos quatro cobranças de falta.

Pelo lado Tricolor, um jovem Carlos Alberto praticamente debutava nos profissionais. O apoiador entrou no segundo tempo, no lugar do veterano Djair, para infernizar a defesa vascaína. Mas não o suficiente para evitar a vitória cruz-maltina.

Vasco Da Gama 2 x 1 Fluminense (RJ)
Data: 19/03/2003
Campeonato Estadual
Local : Estádio Do Maracanã (Rio De Janeiro – RJ)
Arbitro : Edílson Soares Da Silva
Público : 31.353
Gols : Marcelinho (Vasco 30/1ºT), Souza (Vasco 13/2ºT) e Alex Oliveira (Fluminense 20/2ºT)

Vasco – Fábio, Russo, Alex, Wellington Paulo, Edinho, Rogério Corrêa (Henrique), Bruno Lazaroni, Léo Lima (Rodrigo Souto), Marcelinho, Souza (Cadu) e Marques Técnico : Antônio Lopes

Fluminense – Kleber, Zada (Jan Carlos), César, Zé Carlos, Jadílson, Marciel, Marcão, Djair (Carlos Alberto), Alex Oliveira (Marcelo), Fábio Bala e Admílson Técnico : Renato Gaúcho



MaisRecentes

Falta de dinheiro ou má gestão? Vasco contratou dois times apenas em 2018



Continue Lendo

A importância de Maxi López no Vasco



Continue Lendo

Ríos diminui diferença para Yago Pikachu no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo