As chances do Vasco



Nenê foi bem contra o Grêmio (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Nenê foi bem contra o Grêmio (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Nunca, nesse Brasileiro, o Vasco criou tanto como nos últimos jogos. As chances apareceram, mas foram mal aproveitadas. Contra o São Paulo, foram 16 finalizações, sendo 12 certas e dois gols marcados. Contra o Grêmio, foram 20, mas 12 erradas e nenhuma na rede.

Nenê, que não fez parte do elenco desesperançoso e ‘sem chance’ do pífio 1º turno vascaíno, mais uma vez foi o destaque do time. Aliás, mesmo tendo sido um dos últimos a chegar a Colina, já é quem mais cria chances na equipe. O camisa 10 lidera o time nos quesitos finalizações certas (19), finalizações erradas (25) e assistências para finalizações (37), além de ser o segundo em cruzamentos certos (22)*.

Chances criadas pelo meia e que fizeram falta ao clube no início do campeonato. Esse Vasco, com Nenê, Bruno Gallo, Andrezinho e cia desde o início do Brasileiro, dificilmente brigaria para não cair. Sem chances! Mas a chance é real e a briga continua.

Há a chance de cair. Porém, ainda há também a chance de permanecer. Principalmente se Nenê continuar criando chances como tem feito. Mas é preciso saber aproveitá-las.

E por falar em aproveitar, é o aproveitamento dos adversários que vem dando uma sobrevida ao Vasco. O Avaí, primeiro clube fora do Z4, termina a 32ª rodada do Brasileirão tendo obtido 35% dos pontos que disputou. Se mantida essa média, o clube termina a competição com 39/40 pontos. Bem menos do que os 45 tão falados desde o início da disputa. Ou seja, dá – não quer dizer que vá – para se salvar com estes números. Essa chance também existe.

O time que só perdia no começo do Brasileiro, agora pontua em todas as rodadas – são nove jogos invicto. Ainda que num torturante ‘um a um’, de grão em grão. Mas até assim há chances. Faltam seis jogos para encerrar, quatro pontos para tirar e 18 ainda para disputar. Mais do que acreditar, é possível sonhar.

Ainda há chances de salvação.

* Estatísticas do Vasco e de Nenê obtidas no site Footstats



  • Dirceu

    Os erros de finalização foram incríveis, incompatíveis com jogadores da primeira divisão do futebol brasileiro.
    O nosso melhor jogador, Nenê, não tem força para finalizar e os demais não sabem nem chutar.
    Mas nosso pior defeito está na falta de qualidade do futebol do Andrezinho, que há muito não joga, absolutamente, nada. Acrescente-se a isso, a total falta de preparo físico do Julio dos Santos, que não nos permite ter a força e qualidade ofensivas necessárias às vitórias, aos gols.

    • Alberto Siqueira

      É que o Vascú, é time de 2ª, por isso que as finalizações são incompatíveis, Faltam 6.

  • André

    Amigos desde que o André entrou no time o Vasco não venceu mais

  • Jose Renato Correia Antunes

    Sou tricolor, nos ja passamos por coisa pior.Um conselho, lutem ate o fim.

    • Claudio

      E só quem não vai lutar será o teu tricolor, pode apostar, viu?kkkk

  • Miguel Medeiros

    O time do Vasco não finaliza, os seus “atacantes” sempre devolvem a bola para o goleiro
    do time adiversário E o melhor atacante do time é o zagueiro Rodrigo.

  • Alessandro Louzada

    Podiam analisar os fatos antes de criticar ne? Nene praticamente nao teve Pre Temporada, antes de assinar com Vasco jogou se nao me engano 130min, Andrezinho a mesma coisa, chegou ao vasco gordo e recentemente melhorou..Julio dos Santos NUNCA teve velocidade, sempre foi jogador de passe..O que precisa melhorar é essa teimosia do Jorginho em mudar o time aos 30min do Segundo Tempo, time com maior media de idade do campeonato, aos 30min ja esta morto, jogando na raça e na vontade. Com Eder Luis(nem no banco fica)e Rafael Silva(nao é top, mas é esforçado e tem uma estrela inexplicável) Jorge Henrique, Nene e Andrezinho morrem no segundo tempo, idade avancada, fazendo ataque e voltanto pra marcar..Eder e Silva pelos lados no segundo tempo(Ambos conseguem Voltar pra marcar), com Nene e Andrezinho RECUADOS, acho que ja melhoraria demais nosso segundo tempo..Talvez seja esse Gas Renovado que falta no time

  • Fred LWM

    Nenê, que só sabe chutar a gol nos pênaltis, deveria se restringir a finalizar em uma chance clara e sem ninguém melhor colocado para passar a bola. Não adianta ficar dando vários chutes de fora da área que não levam o menor perigo.

    Leandrão, apesar das poucas chances criadas para ele finalizar, é um bonde que tem contrato por 2 anos, quando bastaria até o fim do Brasileiro. Jorge Henrique é outro que não tem servido para nada. Julio dos Santos parece que virou craque só porque fez uma boa jogada para o Nenê perder outro gol.

    Para variar, a melhor chance do Vasco foi naquela falta do Nenê… que desviou no zagueiro.

    Por mim, nos próximos jogos entrariam Rafael Silva, Riascos e Biancucchi no lugar desses, até porque só a vitória interessa.

  • José Dos Santos Beirauti

    O Biancucchi na minha opinião tem vaga nesse meio de campo. Se eu fosse treiandor colocaria ele no meio de campo e adiantaria o Nenê para fazer dupla de atacantes com o Leandrão ou o Riascos ou até com o Herrera, dependendo de quem está bem.

    • Alberto Siqueira

      A dúvida é só saber em qual posição ele cairá, acho que em 19°, kkkkkkkkkkkkkkkk, até 2017 pra vcs.

  • Allex Sandro

    Não perdem ha um tempão …mas nunca saem da ultima colocação.

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    A queda é livre e o choro também rsrsrs ãoãoão segunda divisão

  • Carlos Cesar

    o Vasco não cairá, mas isso se deve à pura incompetência dos adversários. 4 empates seguidos, tivesse ganho duas e perdido duas estaria a dois pontos de sair da zona e com duas vitórias a mais.

  • Claudio

    O que adianta, os outros ajudam o Vasco, mas ele próprio não se ajuda, e se ficar nesse ramirami de só ficar empatando, vai cair com certeza!
    O Goiás e o Coritiba estão pedindo pra cair, só restam 2, e acho que até o Joinville pode se safar, e o Vasco vai jogar lá contra eles, já viram que vai ser brabo, pq só faltam 6 jogos, e tem que ganhar pelo menos 4, e tá ficando estreito pra cacete!

  • ODILON SILVA = RJ

    O problema maior que estamos perdendo grandes oportunidades, estamos perdendo grandes chances, isso que incomoda, não pode perder essas chances

MaisRecentes

Caio Monteiro marca seus primeiros pontos no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo

A zona vascaína



Continue Lendo

O ‘novo’ Nenê



Continue Lendo