Antes do julgamento, novo contrato de Diguinho com o Vasco é registrado na CBF



Diguinho chegou ao Vasco em 2015 (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

Diguinho chegou ao Vasco em 2015 (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

Titular do Vasco na partida contra o Goiás, no fim de semana, Diguinho está oficialmente de contrato renovado com o clube. Seu novo vínculo com o Cruz-Maltino, que terá duração até o dia 31 de maio do ano que vem, foi publicado no Boletim Informativo Diário da CBF nesta segunda-feira.

Garantido no elenco por mais um ano, o jogador terá que brigar na Justiça para se manter disponível para ser aproveitado pelo técnico Jorginho nas próximas rodadas. Isso porque, expulso contra o Vila Nova, de Goiás, o volante será julgado nesta segunda-feira e poderá pegar um gancho de até 24 partidas.

Além do cartão vermelho, Diguinho se envolveu ainda em uma confusão com a Polícia Militar, o que pode agravar sua pena. O atleta chegou a ser levado para a Delegacia após o confronto.

Em São Januário desde o ano passado, o cabeça de área já disputou 24 jogos e ainda não marcou nenhum gol. No sábado, terminou a partida contra o Goiás como o líder de desarmes do duelo, com quatro roubos de bola.



MaisRecentes

Andrey larga na frente na disputa do Troféu Ademir Menezes 2018



Continue Lendo

Um Vasco que precisa nascer prematuramente



Continue Lendo

A derrota dos vascaínos



Continue Lendo