O Benfica pode sonhar com uma classificação contra o Bayern de Munique?



Sim, o Benfica pode sonhar com uma classificação contra o Bayern de Munique. Não será fácil, seria histórico, e o Encarnado terá que jogar demais para desbancar o favorito não só nessa eliminatória, como um dos principais candidatos ao título. Porém, o time português tem o direito de se candidatar. E tem bons exemplos de como conseguir isso. Pelo menos o caminho. Precisa ter mais consistência.

Falo de Porto e Juventus. Ok, ambos foram despachados pelo Bayern, o Dragão na temporada passada, e a Velha Senhora nesta semana. Mas as duas eliminatórias deixaram expostas algumas situações que o Benfica pode utilizar de exemplo, tentar aperfeiçoar, e quem sabe, eliminar o poderoso time bávaro.

Vamos lembrar o confronto do ano passado. Erro incrível de Xabi Alonso no início, Neuer fez pênalti em Jackson Martínez, deveria ter sido expulso – não foi – e o Porto saiu na frente aos dois minutos. Ainda antes dos 10, foi a vez de Dante vacilar. Quaresma roubou, disparou, e fez. Já no segundo tempo, após lançamento até despretensioso, foi Boateng que vacilou, e o Cha Cha Cha fez o terceiro. O volante espanhol já fez questão de lembrar isso.

– Temos de estar concentrados. Todos os adversários são difíceis nessa fase. Aprendemos com a experiência do ano passado contra o Porto, que nesta fase não há facilidade e todos são difíceis. Temos que respeitar o Benfica, mas vamos ter muito tempo para analisar – disse Xabi Alonso.

Xabi Alonso falhou e Jackson Martínez não perdoou (Foto: Francisco Leong / AFP)

Xabi Alonso falhou e Jackson Martínez não perdoou (Foto: Francisco Leong / AFP)

No jogo mais recente, a Juventus fez por merecer abrir 2 a 0 (que deveria ter sido três, não foi por um erro absurdo da arbitragem). Mas contou com falhas do Bayern. No primeiro, Neuer e Alaba se embolaram e Pogba fez. No gol anulado, o goleiro saiu de maneira bizarra, Khedira interceptou, e Morata fez de cobertura. No segundo, ninguém conseguiu parar o atacante espanhol da Juve e Cuadrado humilhou Lahm antes de finalizar.

 

Em comum, nem Porto, nem Juventus conseguiram segurar suas vantagens. No jogo da volta, na Allianz Arena, o Bayern meteu 6 a 1 no Dragão. Contra a Juve, a equipe conseguiu levar à prorrogação e ganhou na prorrogação.

Pesa contra o Benfica decidir em casa. Nesse caso específico, seria melhor para o Encarnado abrir a eliminatória no Estádio da Luz, surpreender e conseguir um resultado positivo. Pois a ida na Allianz Arena será difícil demais. De qualquer forma, o time português precisa fazer exatamente o que Porto e Juve fizeram. Sobe a marcação, força o erro dos jogadores defensivos. Eles já mostraram que podem dar essa “ajudinha”.

O problema é mexer com o Bayern. Quando saem perdendo, eles voltam depois, seja do intervalo ou para o segundo jogo, com sangue nos olhos. Müller disse que Pep Guardiola ameaçou cortar os testículos dos seus jogadores. Claro que ele não faria isso – acho -, mas a verdade é que esse tipo de abordagem tem feito certo. E segurar uma galera como Ribéry, Robben, Müller, Douglas Costa, Lewandowski e companhia com essa motivação…

Mas vai ser exatamente aí que o Benfica vai ter que superar Porto e Juventus. Se conseguir um resultado não muito ruim na Bavária, fazer algum golzinho lá, dá sim para sonhar.



MaisRecentes

CR7 inaugura seu primeiro hotel e vai batizar o aeroporto da ‘Pérola do Atlântico’



Continue Lendo

Clube português promove dispensa coletiva e causa revolta em sindicato



Continue Lendo

Trio brasileiro estreia com vitória pelo Porto em amistoso de pré-temporada



Continue Lendo