Entenda como o Mr. Burns, dos Simpsons, virou um personagem do futebol português



Na sexta-feira escrevi aqui sobre o “chato” do presidente do Sporting, que vem fazendo um trabalho diferente no clube… Disse ainda que o horizonte era bom e que era a grande chance do Leão voltar a ser campeão. Pois o blog acabou “secando” o time, que empatou em casa contra o lanterna Tondela. Mas não é esse o assunto de agora, mas sim a reclamação de Bruno de Carvalho após o apito final. Aos microfones que surgiram, reclamou demais da arbitragem (muito mesmo). Mais tarde, pelo Facebook, falou mais e citou o Mr. Burns, aquele idoso ranzinza e bilionário dos Simpsons. Mas quem é esse e qual o motive de ser citado? Vamos entender…Burns e João Gabriel (Fotos: Reprodução)

Nesta foto acima, ao lado do amor da vida de Waylon Smithers é João Gabriel, que naturalmente não é o cantor sertanejo, mas sim o diretor de comunicação do Benfica. Apesar de ser dirigente e trabalhar diretamente com o presidente Luís Filipe Vieira, ele não esconde nem um pouco o seu lado torcedor. E pela semelhança com o dono da usina elétrica de Springfield, ganhou o apelido da Dragões Diário (newsletter do Porto), que foi muito bem recebido por Bruno de Carvalho, o tal presidente chato do Sporting, que foi tema do blog nesta sexta-feira.

João Gabriel era assessor do ex-presidente de Portugal Jorge Sampaio. Quando Vieira assumiu o Benfica, chamou o Burns para trabalhar no clube. Lá, reformulou toda a comunicação do Encarnado. Ex-jornalista de órgãos muito importantes como TSF e SIC, tornou-se o responsável por praticamente todas as falas de Luís Filipe. Chegou a sair em 2012, mas voltou rapidamente, e as polêmicas com os rivais ficaram mais fortes.

Com o Porto criticou muito já o presidente Pinto da Costa, dizendo que em qualquer outro país seria caso de estudo de Direito Penal, e que ouvir o Dragão reclamar de arbitragem seria como Fidel Castro queixar-se do comunismo em Cuba.

Com o Sporting não tinha tantos atritos. Até a saída de Jorge Jesus do Benfica para o clube rival. João Gabriel utiliza muito o Twitter, e por lá disse que era grato ao seu ex-técnico, e que iria passar a ter um treinador comprometido com o time, e não apenas com o ego e a conta bancária. Isso só para citar um ou outro exemplo…

Até que a newsletter do Porto resolveu criar o folclore em cima. João Gabriel criticou o rival mais uma vez, e atacou a própria Dragões Diários. Na resposta: “Mr. Burns perdeu a voz, mas continua ativo no Twitter, com esta criatividade toda. Ó Gabriel quando te quiseres meter conosco esforça-te um bocadito mais, nós acreditamos que consegues melhor do que isso”.

Pronto. Isso foi em maio, e em agosto, Bruno de Carvalho eternizou o apelido. E foi logo na canela: “Muitas vezes ao estilo Simpsons, algumas atitudes demonstradas fazem lembrar Mr. Burns, o “velhinho mauzão” que no final do dia ninguém teme nem respeita. Caro Mr. Burns, se é guerra que quer é guerra que terá. Vá chamando o seu exército de falsas “virgens ofendidas” e “dinossauros esquecidos”. A resposta está abaixo, em clara alusão ao dirigente sportinguista e Jorge Jesus.

O mais novo capítulo foi nesta sexta-feira. O Sporting empatou em casa com o lanterna Tondela por 2 a 2, e Bruno de Carvalho ficou uma fera com a arbitragem, que segundo ele, errou ao marcar o pênalti e ainda expulsar Rui Patrício. Ao mesmo tempo, João Gabriel publicou em seu Twitter uma imagem de Jesus abaixando o braço do árbitro auxiliar, com a legenda “Olhe senhor árbitro baixe por favor a bandeirinha”, como se fosse uma fala do treinador (o tuíte mais acima).

Em seu Facebook, Bruno citou a reclamação do Mr. Burns, e disse que a arbitragem portuguesa ultrapassou os limites do ridículo. Fato é que tudo isso já virou folclore na Terrinha, e o “Jornal I”, chegou a desenhar outros personagens do futebol português como se fossem dos Simpsons.Simpsons de Portugal (Foto: Reprodução / Jornal I)



MaisRecentes

CR7 inaugura seu primeiro hotel e vai batizar o aeroporto da ‘Pérola do Atlântico’



Continue Lendo

Clube português promove dispensa coletiva e causa revolta em sindicato



Continue Lendo

Trio brasileiro estreia com vitória pelo Porto em amistoso de pré-temporada



Continue Lendo