Levar amistoso para Leiria após atentados foi um acerto gigantesco de Portugal e Bélgica



As federações de Portugal e Bélgica agiram muito bem nesses últimos dias. O amistoso entre as duas seleções, que seria na próxima terça-feira em Bruxelas, foi cancelado. Mas poucos momentos depois voltou a ser confirmado. Porém, em Leiria, na Terrinha. Atitude inteligente dos dirigentes em vários aspectos.

Além de ser uma grande resposta ao terrorismo, para mostrar que sempre há saídas. Mas as partes políticas e sociais deixo para os especialistas no assunto… Mas pelo que o futebol pode fazer e demonstrar, foi uma atitude talvez até maior do que os dirigentes podem imaginar.

É também desnecessário falar aqui como, não só o futebol, mas o esporte em geral é um grande instrumento pela integração, educação e paz. Dessa vez, a cooperação foi o grande atributo.

Logo após os atentados desta terça-feira, já ficou evidente de que não iria ter como Bruxelas receber o amistoso da semana que vem. Lógico. E nesta quarta, foi confirmado. Porém, instantes depois foi divulgado que Leiria, cidade na região central da Terrinha, iria receber o jogo.

A Real Federação Belga de Futebol (NBVB) logo fez questão de agradecer à sua congênere de Portugal. Segundo se soube depois, a ideia partiu da Federação Portuguesa de Futebol, e ela foi a responsável por viabilizar toda a logística.

– Em primeiro lugar, quero expressar o meu pesar pelos acontecimentos ocorridos na Bélgica. Uma palavra para as famílias depois dos nefastos acontecimentos que nos levaram a tomar algumas medidas, pois estava tudo planejado para o jogo ocorrer no dia 29. Tivemos um entendimento e fizemos tudo para garantir a parte esportiva de preparação para o Eurocopa – disse Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

A Polícia de Segurança Pública (PSP) já foi contactada pela FPF, e deu a liberação necessária para que a partida seja disputada. A entidade lusitana aproveitou o fato de que a seleção vai enfrentar a Bulgária nesta sexta-feira em Leiria, e metade da logística já estaria feita. Até para aproveitar, os ingressos do primeiro jogo também vão valer para o confronto com os Red Devils.

Falando no aspecto esportivo, também será muito importante ter esse jogo. Faltam menos de três meses para a Eurocopa, e um confronto do líder do ranking da Fifa com o sétimo lugar é bom para a preparação. A Bélgica não terá Hazard, o seu principal craque, que foi poupado. Será um interessante teste para ver como a equipe se comporta sem o craque do Chelsea.

Portugal terá Cristiano Ronaldo. Porém, terá dois desfalques importantes. João Moutinho e Fábio Coentrão, ambos do Monaco, estão machucados. O lateral-esquerdo, aliás, corre sério risco de perder a Eurocopa. Jogadores como Renato Sanches, André Gomes, Bernardo Silva e João Mário devem ter oportunidades.



MaisRecentes

CR7 inaugura seu primeiro hotel e vai batizar o aeroporto da ‘Pérola do Atlântico’



Continue Lendo

Clube português promove dispensa coletiva e causa revolta em sindicato



Continue Lendo

Trio brasileiro estreia com vitória pelo Porto em amistoso de pré-temporada



Continue Lendo