O Botafogo escolheu Bebeto de Freitas



Bebeto de Freitas nasceu botafoguense. Quando criança, não poderia imaginar a importância que teria na história do clube. Mas já sabia que nasceu botafoguense. Por escolha e por sangue. Os botafoguenses dizem que o torcedor não escolhe o Botafogo. O Botafogo é que escolhe quem vai torcer por ele. Sobrinho do jornalista João Saldanha e primo de Heleno de Freitas, um dos grandes artilheiros do clube nas primeiras décadas do século passado, Bebeto representa bem esta máxima.

Atleta de vôlei profissional, foi 11 vezes consecutivas campeão carioca pelo Botafogo, entre os anos de 1965 e 1975. Isso por si só já seria suficiente para valorizá-lo. Mas Bebeto foi além. Sua maior contribuição foi como presidente, quando reconstruiu um clube destruído.

O cenário no Botafogo era caótico em 2003. O clube acabara de ser rebaixado no Brasileirão. Não havia sequer ônibus para levar o elenco para treinar. O trabalho foi duro e somente quem acompanhou sabe como recolocar o Botafogo de pé deu trabalho.

Logo em seu primeiro ano ele reconduziu o Botafogo para a elite nacional. Em 2005 o Botafogo se classificava para a Copa Sul-Americana. Algo que não era tão fácil como nos dias atuais. Em 2006 o Botafogo conquistou o Campeonato Carioca quebrando um jejum de nove anos.

Foi o presidente que levou Cuca para o Botafogo e montou o time do Carrossel, que ficou marcado negativamente pela falta de títulos, apesar de ter apresentado um futebol empolgante. Tinha uma enorme capacidade de se indignar diante daquilo que entendia ferir o esporte. Brigou com a Federação do Rio, bateu boca com outros dirigentes e quase foi preso em Recife. Chorou no vestiário, gritou contra a arbitragem e comemorou cada vitória do Alvinegro como se fosse o nascimento de um filho. Hoje é a vez de o Botafogo viver esse misto de emoções, lamentando a morte de um dos maiores presidentes de sua história. Descanse em paz, Bebeto de Freitas!



MaisRecentes

Valentim e o caminho errado



Continue Lendo

O desejo de priorizar o elenco passa por Carli



Continue Lendo

Jogador gosta de competição



Continue Lendo