O difícil caminho para a Libertadores



A decisão da Conmebol de aumentar o número de vagas para a Libertadores via Brasileirão transformou o G-4 em G-6. Com 41 pontos conquistados, o Botafogo passa a estar no páreo, embora matematicamente ainda fale em escapar de um rebaixamento cada vez mais sumido ao se olhar pelo retrovisor. Conquistar os pontos que faltam para não cair é bem tranquilo. O que preocupa é o caminho para o torneio continental.

Das dez rodadas restantes, o Botafogo vai enfrentar os três primeiros colocados e que lutam pelo título. Jogará fora contra Flamengo e Palmeiras fora, recebendo o Atlético-MG no Rio de Janeiro. Terá ainda jogos complicados, como o próximo, contra o Figueirense no Sul. Jogando em casa, para um time que pensa em Libertadores, tem a obrigação de vencer Coritiba, Chapecoense, Internacional e Ponte Preta. Além disso, precisará bater o Santa Cruz em Recife. Talvez já pegue o time pernambucano de moral baixa, virtualmente rebaixado. Restará ainda, na rodada final, jogar em Porto Alegre contra o Grêmio. O grau de dificuldade deste duelo dependerá da luta dos gaúchos.

Ou seja, é preciso contar com 15 pontos contra Coritiba, Chapecoense, Internacional, Ponte Preta e Santa Cruz. Isso é obrigação. Se virá a Libertadores, ela dependerá justamente do desempenho nos jogos mais complicados. Além disso, como faz falta, por exemplo, os dois pontinhos perdidos em casa para o Vitória com um gol aos 49 do segundo tempo, por exemplo. Enfim, deixa isso quieto, pois é hora de olhar para frente.



  • Eduardo Fleury

    perder pro america foi foda… perder um ponto pra chape no ultimo segundo…. perder em casa pro santos da forma como foi… foda isso

  • Jorge Luis

    Se perdesse jogando bola até aí tudo bem, mas perder se retrancando com 3 volantes contra o lanterna e outras equipes mais fracas, é dose pra leão.

MaisRecentes

Jefferson e Gatito: tem espaço para os dois



Continue Lendo

As lições da vitória no Uruguai



Continue Lendo

Botafogo precisa ser rápido sem Montillo



Continue Lendo