Ricardo vai precisar de sabedoria



Acompanhando a matéria dos colegas Felippe Rocha e Vinícius Britto sobre a disputa pela vaga de centroavante no Botafogo chego a conclusão de que Ricardo Gomes vai precisar de sabedoria para administrar a situação. Hoje ele possui quatro opções, sendo três oriundas da base e uma chegada do exterior com status de titular. Canales vem na função, mas ainda não emplacou. Tem um histórico bom, porém, precisa de tempo para se adaptar e as cobranças vão aumentar. O treinador vai precisar ter uma meta de jogos em sua cabeça para definir os números de oportunidades a serem dadas ao chileno. Se ele engrenar, provavelmente será o dono da posição.

O problema é que Sassá vem pedindo passagem desde a Série B. É o artilheiro do time no ano e quando entra costuma deixar sua marca. Se continuar com essa média a coisa pode complicar para o chileno.

Vinícius Tanque entrou bem contra o Bragantino e decidiu o jogo. Com certeza a torcida vai pedir que entre nos próximos jogos, mas dos quatro é o que chegou depois e por isso é o que pode colocar menos pressão no treinador.

Por fim Luis Henrique e uma situação delicada por se tratar de uma renovação de contrato. Ricardo Gomes fala a linguagem dos boleiros e tem o respeito do grupo. Talvez a sua missão maior nem seja escolher o melhor centroavante da lista, mas sim criar um cenário para o jovem artilheiro permanecer no clube mesmo sem ser a primeira opção.

Antes que falem que fiquei em cima do muro, dentre os quatro escolho Canales pelos próximos dois jogos. Se não engrenar: Sassá neles.



MaisRecentes

Jair: decisão acertada e corajosa



Continue Lendo

Botafogo copeiro mostra que pode ir longe



Continue Lendo

Separando os homens dos meninos



Continue Lendo