Apatia e erro na escalação



O Botafogo teve uma atuação muito ruim diante da Chapecoense e a derrota só não pode ser considerada justa porque o adversário também não fez nada de muito diferente. Porém, foi eficiente nas conclusões. Duas bolas ao gol de Sidão e bingo. Não que o goleiro tenha tido culpa. Mas isso mostra um pouco a apatia do Glorioso, que no seu sistema defensivo, quando foi importunado não conseguiu se impor.

Acredito que a escalação que Ricardo Gomes optou por utilizar contribuiu. Em um jogo fora de casa, onde teoricamente espaços de contra-ataque poderiam aparecer, não dá para montar o ataque com Juan Salgueiro e Gustavo Canales. O time ficou pesado em campo, sem muitas opções por conta da pouca movimentação.

O ideal era lançar Neilton logo de cara, o que seguraria a marcação da Chapecoense e tornaria o Botafogo mais agressivo na frente. Com Camilo e Neilton juntos o Botafogo seria mais perigoso, como foi na segunda etapa. Fica a lição para os próximos compromissos como visitante.



  • Miguel Laskoski

    O Botafogo nos últimos anos nos confrontos contra times de Santa Catarina, nitidamente tem levado a pior!

MaisRecentes

Jefferson e Gatito: tem espaço para os dois



Continue Lendo

As lições da vitória no Uruguai



Continue Lendo

Botafogo precisa ser rápido sem Montillo



Continue Lendo