Pontos que fazem falta



O Botafogo perdeu para o Fluminense em um jogo que pouco apresentou de bom. Na semana passada destaquei a oportunidade de fazer pontos na sequência que o Glorioso teria a começar por esse clássico. Muitos vão logicamente lembrar que vários atletas importantes estão entregues ao departamento médico, como Jéfferson, Joel Carli, Diogo Barbosa, Aírton e Rodrigo Lidoso. Outros vão pedir paciência porque reforços importantes vão estrear como Dudu Cearense, Camilo, Rodrigo Pimpão e Canales.

Logicamente que esses nove jogadores fazem muita falta em um elenco limitado como o do Botafogo. Alguns deles podem inclusive mudar o time de patamar quando voltarem ou estrearem. Mas esse tipo de argumento só pode ser usado se me falarem que é possível pedir uma paradinha no Campeonato Brasileiro para ganhar tempo e contar logo com eles. Não é possível? Então o Botafogo não pode ficar lamentando ou sentindo a falta desses atletas. É preciso jogar com o que tem.

Jogar com o que tem não carrega nenhuma carga de depreciação do material humano de Ricardo Gomes. Acredito que o Botafogo não tem muito como ser brilhante neste momento, mas com certeza dá para apresentar algo bem melhor do que foi visto no clássico. É preciso ganhar pontos que não podem ser perdidos em determinados confrontos, pois senão a conta bancária da pontuação entra no vermelho e quando todos estiverem aptos pode ser tarde para se recuperar.



MaisRecentes

Que o bom senso prevaleça na negociação com Jefferson



Continue Lendo

Jair Ventura, o craque do Botafogo



Continue Lendo

A matemática dos reforços



Continue Lendo