Desfalque: algo que não haverá ano que vem no Tricolor



Caros tricolores, tricampeões mundiais, na ida para Montevideo acabei dando uma passada ali no pseudo-país do Sul e acompanhei o Tricolor.

E acompanhei um Tricolor desfalcado. Afinal não tínhamos Paolo Miranda e o monstro Wellington, o que nos prejudicou muito!
Mas fiquem tranquilos, em 2013 a palavra “desfalque” não fará parte do vocabulário soberano.

Isso porque o Coronel Juvenal, com o $$$ do Lucas, vai montar cinco excelentes times: um para o Paulista, um para a Copa do Brasil, outro para o Brasileiro, mais um, para a Libertadores e outro para a Champions League – de tantas estrelas internacionais que o presidente vai trazer no ano que vem.

Ele só não trará o Gerrard porque já sabem né? O Rogério “Air” Ceni renovou na semana passada e o inglês já está se borrando de medo. Quando ele ouviu que o M1TO daria ao futebol o prazer de estar em campo por mais um ano, o freguês caiu em lágrimas.

Não se preocupem. Ano que vem é o nosso ano. Nosso e o dos reforços, ou “reinforcements”, ou “refuerzos”, pra já se acostumar…



MaisRecentes

Brainstorm* de apelidos para o Mito treinador



Continue Lendo

Não tirem a educação física das escolas!



Continue Lendo

É o Clube da Fé: Vamos São Paulo, carajo!



Continue Lendo