Físico, técnico, tático? É espiritual…



Santistas da nova e da velha geração, ainda tô boladão com os últimos jogos do Peixão. Como diz o “trabalhador” Muricy, volto a repetir: cadê nosso DNA alegre e ousado, brother?

Eu andei pensando e logo saquei o por quê das derrotas nos últimos jogos. É claro que o Muricybol, o nervosismo do Neymar e o sono do Montillo pesaram, mas o grande culpado se chama Marcos Assunção. Isso mesmo, rapaziada, se não fosse o Kid Bengala, a gente ainda estaria invicto.

Calma, lekada, não quero crucificar o Assunça. O brother é santista, sabe bater na bola, tem habilidade…mas tá com uns probleminhas do além. Isso mesmo: ele tá com o encosto da derrota! Tá na cara, ele saiu da porcada, mas a porcada não saiu dele.

O cara se acostumou a perder lá no Guarani da Capital, pra reverter isso é osso. Duvidam? Olha como tá o Barcos. Foi pro nosso freguês do Sul e perdeu pra um time que eu nem sei falar o nome.

Vi a análise dos parças do LANCE: “O rendimento do Assunção caiu, inclusive nas cobranças de falta.” Releia a frase. CAIU! Te lembra alguma coisa?

Assunça, meu chapa, toma um banho com sal grosso e evita qualquer coisa que seja verde. Essa praga aí dá zica. Inclusive, o Mumu deve estar tomando chá verde ou com alguma outra erva, porque só muito chapado ele pode te escalar de primeiro volante, né?

Tô lustrando a corneta, mas ela ainda tá na gaveta. Vou esperar o clássico contra o timinho da marginal. Até lá é apoio total… Pra cima deles, Santástico!



MaisRecentes

Sai pela porta da frente, GabiShow!



Continue Lendo

Vou contar o fim do filme pra vocês, lekada



Continue Lendo

Era melhor ter ficado no busão



Continue Lendo