Remontagem da máquina



Tricolores do Céu e da Terra, realmente o nosso time passou por uma grande transformação desde aquela estreia sem grande expectativa diante do Joinville até hoje. De lá para cá, podemos ver que nossa equipe ganhou jogadores experientes e calejados, que ainda estão de entrosando com a boa molecada de Xerém.

Essa mescla entre juventude e experiência tem tudo para dar certo. Conversei com nosso eterno presidente Francisco Horta recentemente e ele disse que a montagem desse elenco o fez lembrar da Máquina Tricolor, que fez sucesso na década de 70.

Se não levantarmos algum caneco nesta temporada, já que tem aquela desculpa de que o elenco está sendo montado, tenho certeza que ano que vem não há quem segure Cavalieri, Cícero, R10, Fred e cia.



MaisRecentes

‘Flu-Europa? Meu projeto é Flu-América!’



Continue Lendo

Me deixa sonhar com o penta!



Continue Lendo

22 anos depois: mesma emoção, mesmo desfecho!



Continue Lendo