Dois caras de fibra no Flu



Tricolores do céu e da terra. Entendo quem diz que Ciro e Márcio Rosário não estão em condições de brigar por uma vaga no time titular do Fluminense. Mas precisamos admitir que isso não é culpa deles.

Com o elenco que craques que temos, chegar com banca de vedete não é para qualquer um.

Mas gostei da contratação dos dois por se tratarem de dois jogadores de fibra. Ciro é pernambucano, cabra da peste, tem sangue correndo nas veias. Já sobre o Márcio Rosário, com o apelido de Caveirão, não preciso dizer mais nada. Seráumverdadeiro terror para os atacantes adversários, com certeza. E ainda tem a bênção do Abelão.



MaisRecentes

‘Flu-Europa? Meu projeto é Flu-América!’



Continue Lendo

Me deixa sonhar com o penta!



Continue Lendo

22 anos depois: mesma emoção, mesmo desfecho!



Continue Lendo