Choradeira sem limites pra que, San7os?



Corintianos apostólicos romanos, ainda bem que o sábado passou, mano! Foi um dia para esquecer, tá ligado!? Mas agora, com a cabeça mais de boa e as ideia em ordem, farei uma análise do que aconteceu no Pacaembu. Vamos aos fatos:

1– A torcida do Lambari que se acha nosso rival chorou pra caramba. Deram o Tobogã, queriam mais. Mano, eles não conseguiram lotar a parte deles? Então pra que chorar tanto, tá ligado? Não entendo uma parada dessas. Pra que uma torcida, que colocou MIL! (MIL, MANO!) pessoas em um jogo do profissional queria mais de cinco mil?

2– Gostei do nosso time. Ao contrário do deles (que nem é tão bom assim), nossa garotada teve raça. Coisa que o profissional não fez (já chegaremos lá, mano!). Certo é que essa safra vai dar moleque de responsa, nada de menino bobo que suja as calças num clássico!

Agora, o que falar do profissional? De Pato? De Ibson? E dos dois juntos? Já nem falo mais nada. Cansei, e o espaço do texto acabou.



MaisRecentes

Na última derrota em 1-9-9-5



Continue Lendo

Não vai dá pra ser bi invicto



Continue Lendo

Dormiu tarde para secar, anti?



Continue Lendo