Fico triste por um lado, mas feliz por outro



Caros alvinegros, confesso que fiquei um pouco triste com as ausências para este jogo. É claro que não ter Zinedilson Zidane e General Bolívar, em uma partida tão importante, é complicado. Porém, lembrei-me que temos Gilberto (menino do passinho) e Tankler de Guerra.

Venceremos e humilharemos. Claro que não estou nada feliz com o momento do nosso time, mas não dá para temer esse Grêmio. Ainda mais com um treinador que joga com três zagueiros e três volantes. Aliás, esse Renato Gaúcho só tem uma coisa de bom: a filha. Essa daí é campeã brasileira.

Além disso devemos ter o retorno de Renatinho, o Rei do Chapéu. É hora de vencer bem para tirar qualquer tipo de desconfiança e voltar, pelo menos, à vice-liderança. Avante, Fogão!



MaisRecentes

Que saudade do Fogão!



Continue Lendo

Preocupação é o pão de queijo



Continue Lendo

Os outros que reclamem de Godger!



Continue Lendo