Sem vergonha? Temos é que sentir orgulho do Fogão



Caros alvinegros!

Na noite desta quarta-feira, no Maracanã, empatamos com o time florido das Laranjeiras. Não foi um resultado tão bom, já que o Grêmio venceu e abriu dois pontos em relação ao nosso Botafogo na tabela de classificação. No entanto, no sábado, novamente em casa teremos um encontro com os gaúchos e poderemos recuperar a vice-liderança do Brasileirão.

Sim, recuperar a vice-liderança, porque na minha opinião, o Cruzeiro já levou o título deste ano. Não tem mais jeito. Temos que manter esta segunda posição com muita garra e garantir a vaga na Copa Libertadores do ano que vem.

Sobre o time, que tanto tem sido criticado e questionado nos últimos jogos, precisamos analisar com cautela. Não podemos chamar estes jogadores, o time, de sem vergonha. O que mais estes jogadores mostraram nesta temporada foi caráter, dedicação e vergonha também. Contra os Tricoletes, de tantos jogadores caros e de salários astronômicos, estamos invictos este ano. Ontem, mais uma vez mostramos a força da equipe.

Perdemos jogadores experientes que fazem falta, sim. É mentira dizer que em um elenco jovem como o nosso, jogadores como Andrezinho e Fellype Gabriel não fazem falta. O primeiro, no Brasileirão do ano passado, foi titular absoluto, jogou 35 dos 38 jogos da competição e fez 9 gols, além dos passes decisivos para tentos dos companheiros. Hoje, quando o Oswaldinho vai mexer na equipe duirante as patidas tem de chamar um garoto. Seja o Octávio seja o Gegê ou qualquer outro. Estes meninos  podem vir a serem grandes jogadores, mas que ainda não o são.

A equipe está desgastada, cansada… É normal e humano. Não nos esqueçamos disso. Olhem a campanha de times como o Internacional, do Corinthians, dos Urubus, dos Bambis do Morumbi, o próprio Grêmio e me digam se nosso time é sem vergonha, se devemos ou não sentir orgulho dos feitos conseguidos  por ele até aqui em 2013?

E ainda temos muito a sonhar. Temos uma partida contra o Urubus que poderá nos colocar na semifinal da Copa do Brasil. E o time precisa de nós torcedores para fechar o ano em alta, com a dignidade de sempre.

Saudações alvinegras.



MaisRecentes

Os outros que reclamem de Godger!



Continue Lendo

Confio no Roger



Continue Lendo

O maior será o primeiro



Continue Lendo