Vamos Fogão, esta taça do Carioca é nossa!



Caros alvinegros,

Logo mais à noite, nosso querido Botafogo inicia a sua caminhada em busca de mais um título no Campeonato Carioca. Ano passado chegamos perto, mas perdemos para os Floridos tricolores. Este ano, porém, tenho plena convicção de que a história será diferente. Nosso treinador foi mantido e, apesar das críticas de parte da nossa torcida, ele é experiente, vencedor e poderá nos levar a triunfar não apenas no no estado, mas em todos os campeonatos.

Além do Oswaldo, o base do elenco é a mesma. Nossos jovens vindos dos juniores estão mais vividos, mais experientes e poderão render e serem ainda mais bem sucedidos. Além dos que já estavam ano passado, nossa fábrica de craques de Marechal Hermes ainda nos mandou mais este ano. Casos de Vitinho, Sassá, Gilberto e Andrey.

Temos o retorno do Matheus Menezes, grande zagueiro e que em 2012 se machucou. Uma pena. Mas agora ele está recuperado e pronto para disputar uma posição no nosso time. Ah, havia me esquecido do Cidinho, do Jeferson, do Fabiano… Enfim, são tantos os talentos que fica até difícil enumerar.

A diretoria correu atrás e trouxe alguns reforços para a zaga e ataque, que hoje terá o Henrique com a camisa 9. O garoto é bom e merece nossa confiança. Na zaga, trouxemos um General Bolívar, inspiração melhor não há. Ainda veio o Bahia, que não sei porque sua transferência não se acerta. Se fosse ele, pedia ajuda aos orixás. Além dele um zagueiro que Defendi até no nome.

O paredão Jefferson, no gol, continua esperto feito um gato. Os laterais Lucas e Marcio. Nomeio a raça e a garra de Marcelo Mattos, somado a categoria do Renato. À frente vem o serelepe do Andrezinho, o pulguinha Lodeiro e o incansável Fellype Gabriel. À frente, comandando e infernizando os adversários, o Bruno Mendes. Mas comando mesmo fica por conta do Seedão. Esse é o nosso camisa 10, o craque que faz a diferença.

Meu Deus, me esqueci do Jadson, do Gabriel, do Dória… É muita fera. Então, vamos torcer e os garotos entrem em campo e mostrem o que sabem e levantem a taça em maio.

Bom domingo, bom Campeonato Carioca para nós alvinegros!!!!



  • Torcedor Fogão

    Niltão, vamos torcer!!! Estou confiante!!!
    Só está faltando a cereja do bolo pro nosso ataque,
    Vamos lá, FOGÃO!!!

    • Não entendo por que o senhor insiste em se passar por um torcedor do Botafogo se nem o próprio nome o senhor tem a coragem de nos dar conhecer, né mesmo? Por que o senhor não admite logo que é só um flamenguista travestido em alvinegro, meu chapa?

      • Seu Barreto, o senhor acertou no ato! Pelo piscar desse rapazinho, torcedor do Botafogo é que ele não é mesmo! Ele tem tudo para ser um tricolor embora o seu chulismo o identifique como um flamenguista, sim!

        • Seu Cariacica, parabéns por sua perspicácia! Quem ver o tal moço que se diz Torcedor do Fogão postando o que aqui tem postado logo percebe que o mesmo não é nosso torcedor! Nosso torcedor de verdade jamais esconderia o seu nome de quem quer que seja! Ele sabe que o nome dado a conhecer é uma demonstração de boa fé. Quem não o faz, certamente, nos esconde algo! Quem não se orgulha em proclamar ao mundo o nome por que os nossos pais nos batizaram e nos registraram? Só os mafiosos e dignos de má-fé!

      • Definitivamente esse tal senhor que não ousa revelar-se quem é, pode até ser um americano, mas botafoguense ele não é mesmo! Se fosse não falaria a besteira que falou dizendo que nos falta a tal da cereja! Esse moço além de nada entender de bolo, só entende mesmo é peteca!

        • O nome desse cara, Cariacica, é igual ao pé da cobra: quem vir a saber dele, morre! Mas, que esse cara não é torcedor do Botafogo, tá na cara, né não?

          • Esse cara, caro Barreto, não é ninguém menos que o tal que se diz também Paulo Pereira! Só que ele já postou tanta besteira com tal nick que agora busca se reciclar se passando por nosso torcedor!

    • O cara quando não torce de verdade pelo nosso time deixa isso evidenciado até nas asmeiras que ele deixa postadas! É o caso desse senhor senhor que se nega a nos dar a conhecer o nome e ainda tem a petulância de se dizer torcedor do Botafogo! Como ele pode dizer que é torcedor do Glorioso e desconhecer que o nosso bolo não tem apenas um cereja, mas, duas! Será que esse moço não sabe que temos o Bruno Mendes e Henrique em totais condições de não serem apenas as cerejas masm também a alegria de todo bolo! Seu Falso, se o senhor não sabe o que diz, por favor, nos poupe de suas picardias!

      • Seu Barreto, o senhor tá coberto de razão! Esse escondido vai se revelar o flamenguista que é ao longo do Carioca-2013, com certeza! O cara chega no Ninguém Fala e trata o Tiago Pereira como se fora o General Nilton Severiano e ainda se dis desconhecedor do principal animador deste fórum, pode? Com certeza, ele nada sabe do Botafogo ou mesmo o nome de um dos seus principais torcedores, que é o amigo, né mesmo?!

        • Eu já conheço de sobra os maus botafoguenses que por aqui aparecem, meu caro Cariacica! Eles nos acompanham desde o tempo em que a nossa torcida tinha um fórum oficial no site do Botafogo, o Botafogo no Coração! É desse tempo que conheço o Revoltado, o Fábio Santos, o Seixas e outros carpideiros que nunca deixaram o Botafogo em paz por conta dos seus carpidos e negativismos, amigo!

          • Faltou citar o tal falso lateral, o Josimar, seu Barreto! Se existe um carpideiro maior que o Peter só mesmo o Josi para lhe superar em carpidos e perseguição à minha pessoa!

    • CADÊ VOCÊ, MANÉ… – MAGÉ – Em meio à floresta exuberante e à devastação material, uma visita a Pau Grande repete a trajetória dos dribles de Garrincha. Por mais que se saiba para que lado sua vida foi conduzida, o gênio sempre escapa para o campo da mitologia. Diante da escassez de imagens e patrimônio depois de 30 anos da sua morte, a preservação se dá pela oralidade. De pai para 12 filhos e 20 netos, restam fragmentos que jamais formam o quadro idealizado de uma família ainda à espera de reparação. Despido das convenções sociais, o craque preferia viver no mato, caçar passarinhos e flechar corações. Ainda na infância, as onças não o intimidavam, assim como as cobras e as assombrações. Apelidado com o nome de um pássaro, Garrincha é a própria lenda que vive para sempre na raiz da serra fluminense.

      – Quando o corpo chegou, a igreja estava tão cheia que ninguém entrava. Vi a cabeça dele enfaixada e os olhos butucados, com aquela roxidão. Cirrose, que nada! Foi pancada – diz Malvino Freires, 80 anos, ao reforçar as marcas de fantasia de uma amizade conservada em álcool ao lado dos falecidos Pincel e Suingue.

      Badaladas de emoção

      Responsável pelo dobrar dos sinos da igreja, Malvino vive num pêndulo entre a fé e a incerteza. O lugar mais perto do céu que já conseguiu atingir fica encravado nas montanhas onde testemunhou os altos e baixos do craque nascido no dia 28 de outubro de 1933. Onze meses meses mais velho, Malvino trocou o quarto pago pela igreja por acolhida na casa de vizinhos, numa ladeira inacessível para automóveis. Recluso, só desce para dar as badaladas que anunciam a alvorada e a missa dominical. Na de hoje, que coincide com a morte do ídolo, em 20 de janeiro de 1983, haverá uma inversão no ritual. Junto com os sinos, é Malvino que será tocado pelo ecoar das lembranças:

      – A maior parte do povo já se esqueceu dele, mas aqui deixou muita saudade – conta, ao buscar o fôlego, prejudicado pela emoção e pelo tabagismo, para dizer como gostaria que a imagem do amigo fosse preservada. – O que eu queria mesmo é que ele estivesse aqui até hoje.

      Apesar da destruição que causou não apenas nas defesas rivais, Garrincha preferia a comédia ao drama. Antes de se tornar vidraça, atacada pelo moralismo, era com sua atiradeira que fazia estragos em Pau Grande. Malvino lembra que Garrincha “ficava na vila com sua atiradeira, tacando pedra na escola”. À mesa, distraía o amigo para roubar-lhe o bife. Fã dos filmes de Cantinflas, aonde quer que esteja Garrincha ainda deve dar risadas diante das ironias do destino que escreve certo por pernas tortas.

      Na última semana, antecipando-se à romaria que viria ao cemitério de Raiz da Serra, o poder público mandou capinar a ala onde está o mausoléu, em que o nome do antigo prefeito de Magé está gravado duas vezes. Quando todos estiverem prestando reverências, Garrincha estará longe dali. Acondicionados numa urna, seus restos mortais dormem enterrados noutro jazigo, como informou um funcionário do cemitério.

      – Eu que abri o caixão dele faz uns três anos. É duro trabalhar aqui, porque tem muita tristeza e bactéria. Só tomando cachaça depois.

      Capaz de driblar até quem visita o cemitério, Garrincha fica mais à vontade na praça principal, onde seu busto é cercado por boemia e som alto. Em solenidades, vira palanque para promessas que só aumentam a expectativa e a frustração de seus herdeiros. Morador da casa de quatro cômodos em que o tio foi criado, no caminho da cachoeira, Bermar vive numa encruzilhada diante da curiosidade dos visitantes. Sempre que se dispôs a falar, sentiu-se vítima do mesmo processo em Garrincha padeceu. Ao exigir compensações para abrir as portas e permitir fotos, é ele quem reproduz a exploração da imagem do tio, além de contribuir para seu esquecimento.

      – O que eu vou ganhar em troca? Ninguém faz nada, a família é desunida.

      Entre Pau Grande e o distrito vizinho de Fragoso, residem boa parte da família e do problema. Ao contrário da expectativa de fazer da região um destino turístico capaz de sustentar a todos, a realidade revela o esvaziamento das possibilidades.

      – Ninguém tem plano de saúde. Já falei que se acontecer alguma coisa comigo quero ir para a UPA de Petrópolis. Não me levem para Saracuruna! – diz uma das filhas, que pede para não ser identificada, embora o drama seja conhecido. – Não tem ninguém bem. Eu bebia, agora estou libertada. Minha TV está queimada. Faz tempo que não sei o que é entrar numa loja e comprar roupa.

      Sentada na amurada da casa onde viu o avô pela última vez, quando Garrincha foi votar em 1982, a neta Alessandra troca as dores pela esperança nas novas gerações. Dona de uma lanchonete, fala dos planos de transformá-la num bar temático, enquanto exibe o currículo de seus filhos em meio à sinfonia dos pássaros que anunciava o fim das chuvas na manhã da última quarta-feira. Canário, coleiro, sabiá, trinca-ferro, pichanchão e até tucano. Antes de ser visto como um criminoso ecológico, Garrincha era um admirável caçador.

      – Nunca vi camarada tão sortudo. Era bom na espingarda, aquela de socar a pólvora com chumbo – diz Malvino, antes de revelar outras habilidades do amigo. – A gente ia pescar com bomba de estopim amarrada numa pedra. Tinha que entrar na água para o peixe vir. Na explosão, subia tudo: cará, mandi. Depois de frito, a gente ia para o coreto da igreja destrinchar tudo com cachaça.

      No campo dos sonhos

      De caçador a caça, Garrincha tinha que ser tirado da mata para entrar em campo nos jogos do Pau Grande, um clube alvinegro e centenário como o Botafogo. Mesmo reduzido pela construção de muros, o campo atual, com 113m de comprimento por 80m de largura, ainda é maior que o da maioria dos estádios brasileiros. Cercado por montanhas baixas que pintam de verde um contorno semelhante ao das arquibancadas do Maracanã, o gramado tem a dimensão da natureza livre e exuberante de Garrincha.

      – Ele falava para a turma: o que eu faço aqui eu faço lá no Maracanã, é a mesma coisa – lembra Malvino, que entrava no estádio no meio dos jogadores do Botafogo, ouvia a preleção de João Saldanha e ainda se admira com a frieza e a generosidade do craque em qualquer circunstância. – A gente nunca pediu nada para ele. Lembro que uma vez ele me deu um chapéu e um par de sapatos. Quando ia para fora, trazia isqueiro, essas besteiras. Ele não tremia, não tinha medo de nada. Podia ter medo só de onça, que tinha muita nessa mata quando a gente era criança. A gente via os caçadores passando com o bicho nas costas.

      Maior predador daquela floresta, o craque com nome de ave acabou vítima de si mesmo. Depois da via-crúcis por clínicas no Rio, voltou para descansar em paz na terra que deu origem à lenda. Ao entrar no mato guiado por uma estrela solitária, o pequeno pássaro marrom se transforma numa divindade capaz de seduzir multidões antes de abandoná-las. Quem viu o fauno das pernas tortas jura que Garrincha foi muito mais que isso. Trinta anos depois, ainda não houve esquema ou teoria capaz de contê-lo.

      Matéria de O Globo, de hoje.

      • A matéria acima postada em O Globo, no dia de hoje, caro Cariacica, é de autoria do senhor Pedro Motta Gueiros. Uma justa homenagem ao nosso ídolo maior! Pena que o General tenha esquecido que o dia hoje representa o 30º ano de sua morte! Descanse em paz, Mané! Sua presença será sempre eterna nos corações e memórias botafoguenses! Parabéns Cariacica pelo gesto de fazer registrada aqui tão emotiva lembrança!

        • Realmente, caro Barreto, o nosso amigo Cariacica merece os parabéns pela transcrição do posts acima! É uma pena que outros torcedores mais antigos no pedaçõ tenham se esquecido de tão memorável data! Não é por outra razão que eu digo que o Fernando de Freitas, o Peter, o Fireman, o Josimar, o Renor, o Recman, todos os citados, são falsos botafoguenses, apesar de dizerem o contrário!

    • Botafogo 2 x 0 Duque de Caxias – Andrezinho, aos 23 minutos do primeiro tempo, fez 1×0 chutando de fora da área, complementando um desvio de cabeça do Henrique, após a cobrança de um escanteio pela esquerda! Aos 27, Bolivar fez 2×0, de cabeça, aproveitando um desvio do Felipe Gabriel! O Bolívar acabou por se redimir de uma falha em que ele foi tentar passar a bola de calcanhar e se complicou. Nossa sorte é que os caras do Duque de Caxias são um tanto ruim! Até abrirmo o placar o Botafogo dominava o jogo com pleno controle de bola porém sem maior objetividade! Numa das poucas vezes que até então concluíra, com o Marcelo Mattos, esse deu a sua tradicional isolada! Chegamos aos trinta minutos e jogo que segue…

      • Perfeitas suas observações à cerca do jogo, seu Barreto! Até parece que ao contrário do tal senhor Loco o senhor esteve lá no Engenhão! De minha parte, não posso dizer que gostei do Henrique apesar de reconhecer o ineditismo da situação para ele que estreiava com a nossa camisa! Quem me surpreendeu foi o jovem Gilberto, o lateral que entrou no lugar do Lucas! Se o doceiro não se cuidar vai perder seu lugar no time!

        • Realmente, Cariacica, o Henrique ainda terá que muito treinar para se enquadrar ao esquema do OO! De fato o Gilberto foi a grata surpresa do jogo de ontem! Espero que ele não se mascare e ponha o doceiro Lucas no banco!

    • Botafogo 3 x 0 Duque de Caxias – Aos 34 minutos o OO substituiu o Renato pelo Cidinho. Mal entrara e o Cidinho já foi vendo o time fazer 3×0 através do Antônio Carlos que apenas tocou a bola para o gol depois que a mesma deslizou mansa por toda pequena área após uma cobrança de falta pela direita! Chegamos aos trinta e oito minutos do primeiro e, apesar de ter visto o Paulinho Cariacica a ostentar o tal cartaz onde eu pude ler: LOCO RODOLPHO CADÊ TU?, por telefone, o mesmo disse-me que ninguém se lho apresentou, pode?

      • Foi um jogo fácil para o Botafogo depois que se fez mais objetivado em campo! No mais, o tapete em que se encontra o gramado do Engenhão foi o principal adversário do Duque do Caxias, sim, como você, Barreto, já havia dito! Quanto ao tal Rodolpho, por mais que eu tenha me esforçado por identificá-lo no meio dos mais de seis mil torcedores, desconfio que a direção do Pinel não deve ter permitido sua saída…

        • O tal Loco Rodolpho, caro Cariacica, assim como o Peter, o Fernando de Freitas, o Fireman e o tal que não ousa dizer-nos o nome nunca foram ou jamais irão ao Engenhão! Segundo me falou o tal Lateral Falso, o Josimar, eles nem sabem onde fica localizado o estádio, meu caro! O Peter jura que o mesmo fica em São Paulo, pode? E o Loco Rodolpho, por ser um interno do Pinel, não vai porque está proibido de lá comparecer, pelo bem do público!

    • Chegamos aos trinta e cinco minutos do segundo tempo. Em razão da vantagem alcançada ainda no primeiro tempo o Botafogo tem sabido levar o jogo sem sobressaltos! O Jeferson até o momento não teve trabalho ainda que na reposição de bola ele tenha demonstrado falhar. A rigor, pode-se se dizer que o principal adversário do Duque de Caxias foi o perfeito estado do gramado do Engenhão. Como se fora uma mesa de bilhar, a velocidade que a bola toma nos passes surpreendeu o time de Duque de Caxias! A presença da torcida foi positiva! Cerca de mais de seis mil torcedores se fizeram presentes ao Engenhão! É uma pena que segundo me falou por telefone o nosso representante, o Paulinho Cariacica, o tal Loco Rodolpho, mais uma vez, foi como pé de cobra no Engenhão. Se o cara existe, por lá não foi visto! Chegamos aos quarenta e eu já não acredito que o jogo sofra modificação no placar até o seu final! Bonita a bandeira do Garrincha e a faixa que lhe dedicou a nossa torcida!

      • Se alguém ousar fazer algum reparo aos seus comentários, caro Barreto, é porque só entende de peteca! O senhor foi perfeito em seu resumo do jogo! Como testemunha ocular presente no Engenhão, posso afiançar de que o senhor pautou-se bela absoluta verdade dos fatos! Se alguém disser o contrário, certamente, serão os desafetos de sempre, o Peter, o Fireman, o Nandinho de Freitas e, agora, o tal que não se orgulha do nome que tem, tanto que ele o esconde, né mesmo?

        • Não ligue, Cariacica. Eu sei que logo mais os porta-vozes do carpido virão dizer que eu faltei com a verdade por não ter dito que, que pela primeira vez, o Jeferson não tomou gol numa partida inaugural do Botafogo no Carioca! Que venham os tais boquirrotos!

          • antoniohenrique gov. valadares

            WS, eu assisti o documentário Garrincha Alegria do Povo de Joaquim Pedro de Andrade de 1962, e dava gosto de ver a torcida do botafogo lotar o maracanã pra ver aquele timaço, depois fui ver o time jogar contra o Duque de Caxias com aqueles gatos pingados, também pudera, pagar 800 mil pro seedorf só crescer a bunda, 380 mil pro osvaldo, 250 mil pro salsicha, o torcedor não quer dar uma de otário mais, não é verdade?

          • Como o salário do Seedorf pode ser pode ser quase duas vezes ou mais o salário do OO? Não acha que há algo de errado nisto? Eu tanbém assisti ao filme do Joaquim Pedro. Foi através dele que eu vi que o milagre era possível! Como o Garrincha podia jogar aquilo tudo com tantos problemas a tentar impedi-lo?

    • O BOICOTE FASCISTA – Pois eu desconfio, caro Botafogo, que, por eu não ter exposto qualquer apoio à tal idéia, que o Blog Nilton Severiano, através de mim, esteja, agora, a sofrer o devido boicote fascista dos que se julgam despretigiados por mim! É uma pena que assim pensem! Eu tinha e tenho mil e uma razões para não me comprometer com qualquer idéia, ainda mais porque, não mais sendo eu um sócio do clube, desde que o Maurício tomou posse, que eu faria por lá? Façam o que quiserem os tais companheiros de angústia em torno do Botafogo, eu estarei aqui. Não serei eu que me deixarei perder a oportunidade de expor o que penso por pura picuinha com quem quer que seja! Serão os senhores, meus caros, que, expontaneamente, estarão abdicando de uma excelente cátedra para suas idéias e projetos! O Blog Nilton Severiano não merece esse tipo de ciumeira! Na reação dos senhores está o germe que me fez afastar-me da vida interna do Botafogo! Esse caráter fascista de quererem se impor à base do boicote ou do silêncio foi o que lá mais me deu nojo! É lamentável que homens que se dizem íntegros tenham se mostrado tão pequenos! Eu pensei que o amor pelo Botafogo nos senhores fosse maior que qualquer ciumada de comadres… Me enganei! Não é por outra razão que somos tido como a torcida mais soberba, intolerante e omissa que existe! Ao primeiro sinal de resistência aos seus anseios, a maioria burra de nós reage com boicotes, sejam às arquibancadas, sejam aos debates! Depois não querem que os acuse de omissos!

      • Realmente, caro Barreto, é muitíssimo lamentável e grave que esse tipo de mentalidade ainda persista entre a maioria da nossa torcida! Usar o boicote como forma de calar a quem quer que seja é mais que fascista, é uma prova confessada de que, quem o faz, admite não ter melhores argumentos para se impor ou para fazer valer as suas idéias! Eis uma das razões porque não acredito em tais movimentos salvadores da pátria! Em seu bojo, amigo, quase sempre se encontram ou lá estão os maiores fascistas! E no Botafogo infelizmente o que não lhe falta são esses resquícios dos tempos da ditadura! Conte conosco, amigo! Saiba que você não estará sozinho!

  • Paulino

    A

    • Seu Paulino se o senhor não tem o que nos dizer se junte ao tal que não ousa dizer o seu nome e dê o fora, seu gavelino!

      • Esse Paulino, seu Barreto, pelo posts deixado por ele no tópico anterior, sem dúvida, é um flamenguista convicto!

    • Seu General, por que o meu posts não foi aceito? Saiba que sou tão botafoguense quanto qualquer outro por aqui. Qual foi o problema se eu vinha tendo os meus posts aceitos normalmente?

      • Tá se queixando de que, seu Cariacica? Como o General pode ter feito sumir o seu posts se o senhor tá aí, a dá os seus pitacos? Depois vem o Ivosc com suas provocações a mim por conta do senhor, pode?

  • Leonardo

    Quanto tempo que este clube não ganha um campeonato nacional ou internacional, a esqueci campeonato carioca muito importante se fosse em SP já teria virado uma Portuguesa.
    Saudações Paulistanas

    • Leonardo, vá carpidar o tal que não ousa dizer o seu nome e deixe o Botafogo em paz, cara!

      • É impressionante, caro Barreto, o quanto somos capazes de atrair para junto de nós tais carpideiros! Aposto que esse tal Leonardo é primo do tal Peter ou vizinho do Fireman! Só isso justificaria os seus carpidos, não acha?

    • GARRINCHA, UMA VIDA DE MITOS…

      RUY CASTRO
      COLUNISTA DA FOLHA

      Trinta anos após sua morte, certos mitos sobre Garrincha continuam mais difíceis de matar do que Rasputin. O de que ele chamava seus marcadores de “João”, por exemplo –significando que não queria nem saber quem eram, porque iria driblá-los do mesmo jeito. Garrincha nunca disse isso.
      A história foi inventada por seu amigo, o jornalista Sandro Moreyra, em 1957, para mostrá-lo como um gênio ingênuo e intuitivo. Garrincha a detestava, porque os adversários, que não queriam ser chamados de “João”, redobravam a violência contra ele.

      Que Garrincha era um gênio intuitivo do futebol, não há dúvida. Mas não tinha nada do ingênuo, quase débil, com que algumas histórias o pintavam. Ao contrário, era até muito esperto a respeito do que o interessava –mulheres e birita, a princípio nesta ordem–, e não havia concentração que o prendesse. Nos seus primeiros dez anos de carreira, 1953-1962, Garrincha conseguiu conciliar tudo isso com o futebol. Dali em diante, a vida lhe apresentou a conta.

      Outro mito é o de que, às vésperas do Brasil x URSS na Copa-1958, na Suécia, os três jogadores mais influentes da seleção –Bellini, Didi e Nilton Santos– foram ao técnico Vicente Feola e exigiram sua escalação na ponta direita, com a consequente barração de Joel, do Flamengo, então titular. Em 1995, isso me foi desmentido pelos quatro jogadores (Bellini, Didi, Nilton Santos e Joel), pelo preparador físico daquela seleção, Paulo Amaral, e por outros membros da delegação.

      Perguntei a Nilton Santos por que, durante tantos anos, ele confirmara uma história que sabia não ser verdadeira. Ele admitiu: “Era o que as pessoas queriam ouvir”. No futuro, em entrevistas, contaria a versão correta: a de que Joel se contundira ante a Inglaterra, e a entrada de Garrincha aconteceria de qualquer maneira. Note-se que, até o jogo com a URSS, Garrincha ainda não era o Garrincha da lenda, e Joel, também grande atleta, era uma escolha normal para a ponta.

      Outro mito, este agora bastante atenuado, mas ferocíssimo na época, refere-se à participação de Elza Soares na vida de Garrincha. Para os desinformados, ela ajudou a destruí-lo. A verdade é o contrário: sem Elza, Garrincha teria ido muito mais cedo para o buraco. Quando ela o conheceu (em fins de 1961, e não em meados de 1962, durante a Copa do Chile, como até hoje se escreve), Elza estava em seu apogeu como estrela do samba, do rádio e do disco. E ninguém imaginava que Garrincha, logo depois de vencer aquela Copa praticamente sozinho, logo deixaria de ser Garrincha.

      Ninguém, em termos. Os médicos e preparadores do Botafogo sabiam que Garrincha, com o joelho cronicamente em pandarecos (e agravado pela bebida), estava no limite. Mas ele não se permitia ser operado –só confiava nas rezadeiras de sua cidade, Pau Grande. O que Garrincha fez na Copa foi um milagre. Mas, assim que voltou do Chile, os problemas se agravaram.

      Mesmo jogando pouquíssimas partidas, levou o Botafogo ao título de bicampeão carioca –e, assim que o torneio acabou, com sua exibição arrasadora nos 3×0 ante o Flamengo, ele nunca mais foi o mesmo.
      Marque o dia: 15 de dezembro de 1962 –ali terminou o verdadeiro Garrincha.

      Um outro Garrincha –gordo, inchado, bebendo às claras ou às escondidas, incapaz de repetir seus dribles e arranques pela direita– continuou se arrastando pelos campos, vestindo camisas ilustres (do próprio Botafogo, do Corinthians, do Flamengo, do Olaria e da seleção) por mais inacreditáveis dez anos –até o famoso Jogo da Gratidão, organizado por Elza Soares. Foi sua despedida oficial, a 19 de dezembro de 1973, com um Maracanã inundado de amor.

      Naquela noite, um time formado por Felix, Carlos Alberto, Brito, Piazza e Everaldo; Clodoaldo, Rivellino e Paulo César; Garrincha, Jairzinho e Pelé –praticamente a seleção de 1970 com Garrincha– entrou em campo para enfrentar uma seleção de estrangeiros que atuavam no Brasil, estrelada por Pedro Rocha, Forlan, Reyes e outros.

      Numa das várias preliminares, cantores e artistas, como Chico Buarque, Jorge Ben, Wilson Simonal, Paulinho da Viola, Miele, Sergio Chapelin, Francisco Cuoco e outras celebridades também se enfrentaram. Pelas borboletas do estádio, passaram 131.555 pessoas e, com exceção de uma pessoa –o ditador Garrastazu Medici–, todos pagaram para entrar, inclusive os jornalistas. Era o dinheiro que garantiria o futuro de Garrincha.

      Da renda de quase 1 milhão e 400 mil cruzeiros (US$ 230 mil de 1973, uma nota), cerca de 500 mil cruzeiros saíram do cofre do Maracanã direto para cadernetas de poupança em nome de suas oito filhas oficiais e um apartamento ou casinha para cada uma. Este era um dos objetivos do jogo. Com os descontos da Receita e outros, sobraram-lhe mais de 700 mil cruzeiros para fazer o que quisesse –e que ele, naturalmente, torrou logo, sem saber como.

      Daí o último e maior mito a ser derrubado sobre Garrincha: o de que ninguém o ajudou –o que, no fim da vida, ele declarou em entrevistas para a televisão, que ainda hoje são reprisadas. Mas a verdade é que Garrincha foi muito ajudado, e em várias etapas de sua vida.

      Entre seus maiores benfeitores, estavam o banqueiro José Luiz Magalhães Lins, do então poderosíssimo Banco Nacional; o empresário Alfredo Monteverde, dono do Ponto Frio; o Instituto Brasileiro do Café (IBC) e a Legião Brasileira de Assistência (LBA), que lhe deram empregos generosos, aos quais ele não correspondeu; e seus ex-colegas do futebol, agrupados na Agap (Associação de Garantia ao Atleta Profissional), que não se cansaram de recolhê-lo em coma alcoólico na rua e interná-lo em clínicas de “desintoxicação” –das quais era criminosamente liberado dois ou três dias depois de dar entrada.
      O alcoolismo matou Garrincha há 30 anos –e continua a matá-lo até hoje, a cada uma de suas vítimas que o Brasil deixa de assistir.

      RUY CASTRO é autor de “Estrela Solitária — Um Brasileiro Chamado Garrincha” (1995), Companhia das Letras, atualmente na 16ª reimpressão

      • Parabens pela transcrição de tão comoventes de poimentos do Ruy Castro, caro Barreto! O nosso Garricha mereceria uma homenagem maior por parte do Blog do Nilton e da nossa torcida! Esperamos que a nossa torcida saiba justificar-se quanto a mais esta omissão!

        • Obrigado, caro Cariacica! Mas, saiba, eu apenas fiz o que os carpideiros como o Peter ou o Loco Rodolpho jamais fariam! Homenagearmos ao Garrincha é um dever que todo botafoguense tem que fazer ao menos uma vez na vida! Quem não o faz não pode se dizer um torcedor do Fogão de verdade!

  • Guga

    Bruno Mendes, o pipoqueiro da sub-20? Fellype Gabriel incansável? Nao agüenta jogar nem 45mins…kkkkkk. Eu dou risada do foguinho.

    • Seu Guga, volte para o tênis porque de futebol o senhor não entende patavina alguma! O Bruno Mendes mal foi aproveitado pelo tal técnica cabeça de bagre daquela seleção! O Felipe Gabriel todos sabemos ser um jogador a entrar no decorrer dos jogos exatamente pelo seu pouco vigor físico! O senhor não dar risada do Fogão! O senhor quer nos dar é outra coisa, né não?

      • Esse tal de Guga, seu Botafogo, é um garoto de prgrama que vive a se oferecer em tudo que é blog neste Brasil! É um desavergonhado que acha que amar é sentir o fogo no lombo a lhe queimar os próprios pecados! Um devasso esse tal Guga!

  • Ufa! Finalmente o General se deu conta de que o Carioca-2013 já havia começado desde ontem! Minha preocupação maior seria se iríamos ser pegos de calças curtas por conta… Ainda bem que uma das maiores preocupações da torcida não entrará em campo, no caso o Rafael Marques! Apressão sobre o indicado do OO foi tal que nem no banco ele ficará! Outro que não joga nem treina é o Lucas… Por fim, esperamos que o Botafogo entre bem no Carioca-2013 e que o Jeferson complete seus 100 jogos no Engenhão sem tomar qualquer gol! Que a vitória nos sorria e que a nossa torcida saiba se conduzir com uma autêntica e verdadeira torcida! E que os falsos torcedores do Botafogo passem ao largo do Engenhão! Principalmente os tais que não se orgulham do próprio nome!

    • Agora é esperarmos pela presenças do Peter e do tal Loco para avaliarmos o quanto os dois estão dispostos a nos carpidar com os eus negativismos de sempre! Seu Barreto, eu sei que o senhor em razão de muitos afazeres não poderá se dar ao luxo de estar presente ao Engenhão na tarde noite deste domingo. Em razão disto, estou disposto a substituí-lo e lá, apresentar o velho cartaz em que o senhor indagava pelo tal Loco Rodolpho, quer? Em fazendo isso o Loco não terá desculpa para se revelar se de fato ele for dos tais que se fazem presentes ao Engenhão! Uma coisa o senhor pode ter scerteza, o tal que não nos dar o nome, mas pode nos dar outra coisa, com certeza nem sabe onde fica o Engenhão, seu Barreto!

      • Bobeira sua, caro Cariacica, ficar a esperar pelas participações sadias de um Peter, de um Fireman, de um Fernando de Freitas ou de qualquer outro carpideiro que não ouse dizer o seu nome! Essa gente não gosta de debater qualquer idéia por conta de não terem argumentos em que se respaldarem! Não é por outra razão que eles prefiram postar no Ninguém Fala! Lá além de todo tempo de espera que eles têm que esperar para ver o posts aceito, há a ceretza de quem ninguém irá contraditá-los! Aqui só posta alguma mensagem quem de fato tem algo a nos dizer!

        • Os tais torcedores que vivem se queixando de que nós manopolizamos o blog do General Nilton Severiano, na verdade, são os tais que só se apresentam no blog para postarem quando o time perde! Se o time ganha e faz uma boa apresentação eles se calam a contragosto e para não externarem as frustrações que sentem por isso, se mantém calados e afastados! Só um ou outro mais insano é que adentram o blog e ainda assim para protestarem contra nós, porquanto nada podem dizer contra o time, meus caros! Isto justifica, meus caros, a ausência do Peter, do Fernando de Freitas, do Fireman, do falso Lateral, o Josimar, e de outros carpideiros que nem vale a pena citá-los!

  • esse WS sofre de multipla personalidade, o cara já se chamou paulinho curiacica Paulo Botafogo e outros que ele não admite, agora deu pra conversar com ele mesmo, acho que o Peter podia dar uma força e indicar seu psiquiatra pro nosso amigo, o problema tá sério.

    • O senhor é o maior exemplo de quem aqui adentra apenas para nos criticar, seu Ivosc! Não vemos opinar com classe sobre patavina alguma! O senhor me lembra o exibido que não ousa dizer-nos o nome em sua tentativa de calar-nos sem razçao alguma! deixe de ser fascista, cara! Que é que eu tenho com a opinião alheia? Já me é pesado carregar o meu fardo, cara! Veja se me larga porque eu não sou uma Uba, cara!

      • Barreto, não dê corda ao Ivosc porque é perder tempo! Há dez anos que ele tenta chegar junto da tal Uva e a desculpa é sempre a mesma: tá verde! Esse Ivosc ao invés de a todos criticar deveria produzir bem mais, não acha? Tou desconfiado que ele é dos tais que não gostam de debates… Por que o senhor não fica lá no Ninguém Fala, seu Ivosc? Lá ninguém o contraditaria, pois não?

  • também tô otimista Nilton, mas sempre é bom ter pelo menos um pé no chão, temos um time bom e o que é melhor parece que o caneludo não vai ter vez, temos grandes chances de levar esse e outros campeonatos vai depender do nosso treinador e dos nossos jogadores transformar isso em realidade.

    • Quem não consegue ficar otimista com o senhor sou eu, seu Ivo! Não entendo por que tendo tantos artigos a falar do nosso ídolo maior, o inigualável Garrincha em seu aniversário de morte, e o senhor, nada, pode?

      • WS tenho que te dar razão, nosso idolo maior tá completando 30 anos de sua morte e não lhe dêmos a devida homenagem, mas a nossa chamada maior deveria ser para esses blogs que se dizem ser espaço do torcedor botafoguense, principalmente o senhor Nilton Severiano que se diz o maior torcedor botafoguense e não escreveu uma linha sequer sobre nosso idolo, muito lamentável da parte dele, quanto a mim não tive o prazer de vê-lo jogar mas cada vez que ouço suas histórias e vejo suas jogadas aumenta em mim a satisfação de ser botafoguense.

        • Realmente, o quase desapercebido 30º aniversário de sua morte, caro Ivosc, foi esquecido pelo próprio Botafogo! Que o General ande com sua memória um tanto já deletéria, tudo bem. Mas, e quanto à midia em geral e nossa torcida no particular que nem se deram conta? Ivosc, se levarmos em consideração todas as limitações físicas que o Garrincha tinha, quem o viu jogar, de fato, pode dizer que a cada jogo presenciava um verdadeiro milagre! Duvido que clube algum nos dias de hoje aceitasse ter entre os seus jogadores um com os problemas físicos que tinha o Mané! Ve-lo a tudo e a todos superar, com a facilidade dos que tudo podiam fazer, é que foi o milagre para os que tudo viram e presenciaram! A Elza Soares dizia que os seus predicados maiores realmente correspondiam a tudo que se dizia do seu lugar de origem, acredita?!

          • O engraçado, meus caros, é que nem o tal Torcedor do Fogão foi capaz de escrever uma só linha em homenagem ao grande e inesquecível Garrincha! E o cara ainda tem a pachorra de se dizer torcedor nosso, pode? Duvido que ele não seja ou flamenguista ou tricolor, se não for os dois juntos!

  • guto

    taça do carioca??? pelo amor de deus, quero taça da copa do brasil, brasileiro, libertadores, carioca é o caramba… Botafogo não é time de ficar ganhando só carioca nao… tinha q usar esse campeonato mala pra fazer uma preparação pro ano inteiro.. .mas temos q aguentar um campeonato mala onde só 5 jogos prestam… pqp esse futebol no brasil

    • Vamos com calma, seu Guto! cada coisa a seu tempo! Não podemos ficar desejando tudo ao mesmo tempo porque nem os santos seriam capazes de nos fazer tal milagre! Vamos comendo pela beirada, quem sabe, até o final não teremos ganho alguns canecos? A temporada está apenas começando, meu caro!

      • Esse Guto deve ter nascido de sete meses para ser apressado assim! Não sabe ele que para iniciarmos uma grande jornada é muito importante darmos o primeiro passo? O Carioca será apenas o primeiro dos muitos títulos que virão, caro Guto! Não se desespere porque por mais tumultuada seja a madrugada o novo dia pode nos trazer o Sol a brilhar no horizonte!

    • felipefv

      também não me empolgo com campeonato carioca, porém é bom para ir montando o time e analisar alguns jogadores, porém além do título a maior satisfação é ganhar da mulambada.

      • O Carioca, caro Felipe, é como se fosse o preparatório para vôos mais altos! Quanto mais estivermos preparados melhores serão as perspectivas futuras, concorda? Estou sentindo que a nossa torcida tá reagindo mal ao fato de termos iniciado a temporada com vitória. Se tivéssemos perdido isso aqui estaria fervilhando de carpideiros tentando nos colocar ainda mais para baixo. Como conseguimos superar as expectativas negativas dos tais caripeiros, cadê que eles hoje dão as caras?

  • RONALDO

    RAPAZIADA, NÃO COMPARTILHO COM ESSA CONFIANÇA DO SR. NILTON SEVERIANO, NÃO SEI DE ONDE ELE TIRA TODO ESSE OTIMISMO. NÃO VEJO NADA DEMAIS NESSE TIME DO BOTAFOGO, NÃO MELHOROU EM NADA, NÃO HOUVE UMA CONTRATAÇÃO QUE DESSE ALGUM ALENTO.
    ESSE BLOGUEIRO É UM BOBO ALEGRE, DEVE ESTAR A SERVIÇO DO REIZINHO MAURICIO MEDIOCRE ASSUMPÇÃO.

    • Seu Ronaldo, se o senhor era o tal Revoltado que atuava no Botafogo no Coração, nem precisa nos explicar o seu carpido, ok? O senhor deveria ser grato ao Nilton por aceitar sem qualquer obstáculo sua carpideira opinião! Lá no Ninguém Fala o senhor teria que esperar sebe Deus quanto tempo para ver o seu posts aceito! Não banque o ingrato do Peter!

  • tem q voltar logo gabriel doria e jadson e bruno mendes precisamos da garotada, marcelo matos e renato nao marcam ninguem no meio!!! quando pegar time forte vai complicar.. poe meia jeferson nao aguento mais o cidinho joga nada

    • Esse rapazinho acima, para ter escolhido um nick assim, certamente, anda à procura de um pai que o faça se orgulhar do nome! É cada coisa que vemos aqui…

  • falta um grande atacante, henrique novo e bruno mendes sozinho nao da, precisamos de um mais experiente!! meio campo tem q ter gabriel jadson seedorf andrezinho e lodeiro

    • Como é que alguém tendo apenas uma oportunidade para nos demonstrar que sabe algo, na vida, ainda assim, nem do próprio nome se orgulha?

  • chega de carioca, ,quero time forte pra ganhar copa do brasil e brasileiro, temos voltar ser time grande

    • Seu Rafael, o que nos chega é de suas gracinhas, tá entendendo? Pare de bancar o Peter, ó meu! O seu nome é bem mais saudável que o dele, tá sabendo?

      • Não mexa com o Rafael por que ele gente muito boa, seu Botafogo! Ele só tem o costume de ficar repetindo os nossos posts e de outros…

  • Ricardo Fogo Persistente

    Esse menino Gilberto promete…

    • Gostei muito dele, seu Ricardo! Quem não mostrou muita coisa foi o Henrique… Me pareceu ansioso… Espero que isso decorra em razão do seu primeiro jogo… E o calcanhar do Bolívar, hein? Ainda bem que ele se recuperou no gol que fez! Quem tá precisando melhorar a reposição de suas bolas é o Jeferson! Por duas vezes ele quase complica um jogo em que ele foi um dos maioresdos seus maiores expectadores!

  • Dessa vez a macumba do WS não deu certo 3×0 pro Botafogo

    • Não seja injusto comigo, seu Ivosc! Eu estive tão certo em minhas postagens que o senhor nem encontrou o que dizer, confesse! Gostei muito do Gilberto! Se o Lucas insistir em fazer docinho vai acabar perdendo a vaga para o moleque! Ah, vai dizer que o Jeferson não falhou nas reposições de bola? Vai dizer que ele não precisa melhorar no quesito? A sorte dele é que o Duque de Caxias se pavorou com o tapete do Engenhão e não sou se mover nele! O Jeferson não fez uma defesa, para nossa sorte!

      • Apesar de quase o Bolivar entregar um gol gostei muito da nossa zaga principalmente nas bolas aéreas parece que deu uma melhorada, o M. Matos parece que tá voltando a sua velha forma muito bom, o Márcio Azevedo é bom jogador mas, deixa muito a desejar na defesa, no caso do Henrique temos que dar uma trégua pois estava jogando fora de posição, o Gilberto foi uma grata surpresa, só tem que melhorar um pouco no apoio, quanto ao Jefferson acho que a saida é seu ponto fraco, agora quem tá precisando baixar um pouco a bolinha é o Cidinho, tá muito metido a craque e não é, pra terminar Lodeiro melhor em campo.

        • Se àquela falha do Bolívar tivesse se concretizado em gol, com certeza, ele teria que muito aturar a nossa torcida dali prá frente! Pelo visto o cara tem estrela! Concordo que o Gilberto foi-nos uma grata surpresa! Se persistir jogando o que ontem jogou o Lucar pode considerar perdida sua posição no time, caro Ivosc!

          • Eu sei que o Ivosc dirá que eu tô aqui apenas fazendo eco ao senhor, seu Barreto. Mas que posso fazer se o senhor vai direto na mosca? Pode ter certeza de que se o Bolívar tivesse falhado como falhou e não tivesse feito o gol que fez, ele logo seria sacrificado por nossa torcida, como fizeram ao João Felipe!

          • Deixe que falem que digam que chorem…

  • MARCO TEIXEIRA

    O BLOG TA PARECENDO CASA DE POLITICO.,´SO CONVERSA FIADA.E ESSE PAULO WS É UM
    MALA DO CARALHO

    • Pior que eu, seu Marco, é o senhor que adentra ao fórum para criticar-nos ao invés de louvar os poucos que aqui querem nos dizer algo! O senhor perdeu uma ótima oportunidade de ficar calado e se passar por sábio! Não me inveje, meu caro! Faça mais que eu! Meu objetivo aqui é mostrar aos demais que eles nada têm porque temer postar o que queiram! O Nilton Severiano, ao contrário do Ninguém Fala, incentiva o debate e não deixa ninguém a esperar pela tais liberações de postagens feitas ao Deus dará! Não gosta de debate e de controverso, volte para o Ninguém Fala, cara!

    • Torcedor Fogão

      Nossa Marco, concordo demais com você!
      Ser animador de blog, profissão que nem sabia que existia, tudo bem!
      O problema é quando o animador monopoliza o espaço e impõe seus pensamentos.
      A gente aqui tem que falar amém pra tudo o que ele fala se não ele pega no pé e fica nos malhando…
      Dizer que o objetivo é mostrar que as pessoas tem liberdade de postar o que quiserem é balela.
      Vamos levando, já que não tem jeito, né?
      Saudações alvinegras!

      • Meu caro, não venha com mentiras porque eu não monopolizo coisa alguma por aqui! O Blog Nilton Severiano está a disposição de tantos quantos torcedores do Botafogo queiram dos seus debates participar! Não tenho culpa se sou bastante ativo em tudo que faço e por saber aproveitar qualquer espaço onde eu possa livremente colocar os meus pensamentos! O senhor também pode fazer o mesmo que eu, desde que tenha condições para fazelo sem apelar para o chulismo com que me presenteou! Não se faça de vítima porque foi o senhor quem primeiro buscou provocar-me! Como eu não sou de deixar a ninguém sem a resposta adequada, agora me aguente, moço! Não me inveje, meu caro! Apenas me imite se tiver condições para tal!

        • Esse rapazinho é um morde e assopra, seu Barreto! Não lhe dê muita atenção porque é exatamente isto que ele quer! Que se pode esperar mesmo de alguém que não tem qualquer orgulho em exibir o seu próprio nome?

  • Leandro

    Também acredito que a manutenção do elenco, do técnico e a contratação de reforços para os setores carentes do ano passado, possa elevar o Botafogo mais um patamar essa temporada.
    É bom destacar o suporte que têm favorecido para essa solidez, a qualidade dos jogadores da nossa base, muito bem representados por Dória, Gabriel, Jadson, Lucas Zen, Cidinho, Jéferson e, boa surpresa, o Gilberto. Ainda tenho esperança na volta do Alex, mais experiente para reforçar nosso ataque no segundo semestre, do Matheus e do Dedé, emprestado ao Bangu. Esse suporte é importante para, além de possibilitar futuros negócios, manter o time com a folha salarial mais acessível.
    É importante que tenhamos começado bem o carioca. Um jogo definido quando o time quis jogar e sem muitos sustos (com exceção do calcanhar de Bolívar e das reposições erradas do Jéfferson). Vamos ver se continuamos jogando fácil assim também contra o Bangú, último treino antes do jogo contra o atual todo poderoso Fluminense.

    • Tem total razão quanto ao que afirmou, caro Leandro! Fico feliz por ver que o senhor viu e enxergou no jogode ontem o mesmo jogo que eu! Concordo consigo quanto a que o Bolívar deveria se preocupar em apenas jogar sério! Sua tentativa em jogar para a torcida quase que acaba em algo pior! Também concordo que o Jerferson terá que rever suas reposições de bola! Por duas vezes ontem ele quase conseguiu tornar realidade o seu vício em tomar um gol por jogo! Felizmente o tapete em que se mostrou o nosso gramado, com ceretza, atrapalhou aos já demasiados atrapalhados jogadores do Duque de Caxias!

  • Passei de passagem pelo tal Ninguém Fala e pude constatar que aquilo lá tá virando mesmo um reles depósito de posts sem alma e sem vida! Pela rapidez com que os seus tópicos são trocados, não há a menor possibilidade de nele debatermos sobre os tais tópicos ou sobre o Botafogo em geral! As liberações da postagens por lá, feitas sempre ao Deus dará, estão a nos tirar toda alegria e vontade de participarmos ou de colaborarmos com o referido Blog! A persistir com tal práxis, aquilo lá vai acabar se transformando no Blog Onde Ninguém Fala, concordam? O único senão que vemos aqui no Nilton Severiano é quanto à demora exacerbada com que o mesmo leva para trocar o seu tópico, mesmo quando o assunto já foi dissecado em toda sua profundidade! Ou seja, o Nilton ganha disparado do Ninguém Fala quanto as postagens rapidamente aceitas, mas, perde quanto às trocas dos seus tópicos, concordam?

    • O Blog Nilton Severiano, caro Barreto, está a enfrentar alguns problemas quanto ao seu acesso em razão de o General Nilton não ter providenciado a substituição do tópico anterior no link que nos encaminharia até aqui pelo atual! Será que o Nilton não poderia providenciar o conserto do link de endereçamento fazendo a tal substituição? Depois de termos ficado três dias a esperar pela troca do tópico, agora, o Nilton se execede e já pôs dois tópicos para o nosso debate sem que o link de endereçamento que nos traria até aqui tivesse sido substituído, pode? Será que vamos ficar igual ao Ninguém Fala que nos impede o debate por conta das trocas ultra-rápidas dos tópicos e também pela vagarosidade de suas liberações?

      • Pelo visto, caro Cariacica, o General não lê os nossos posts… Como justificar que o mesmo ainda não tenha feito o devido reparo? Qual a dificuldade em se atualizar o tal link de endereçamento?

    • O General Nilton, num arroubo de otimismo, declarou que a Taça do Carioca seria nossa… Sei não! A julgar por nosso segundo jogo, hoje contra o Bangu, melhor seria não alimentarmos tanta ilusão porque o que o time jogou, se compararmos ao jogo de domingo passado, não teremos taça alguma! Na verdade, só o jogo contra o Fluminense nos dirá o que podemos esperar desse grupo!

  • ZERODRIGAO

    CAROS ALVINEGROS, VAMOS DEVAGAR E DEIXAR DE OBA OBA, POR CAUSA DE UMA VITORIA NO INICIO DE CAMPEONATO CONTRA UM TIME CONSIDERADO PEQUENO, LEMBREMO-NOS QUE OS ADVERSÁRIOS GRANDES TAMBÉM GANHARAM, SÓ DO MEIO PRO FIM DO CAMPEONATO, AÍ SIM, PODEREMOS VER REALMENTE COMO ESTÁ O TIME DO B.F.R.
    HOJE SIM, É DIA DE LEMBRAR DE UMA PARTE DA NOSSA HISTORIA “IN MEMORIA” 30 ANOS DA MORTE DO IDOLO ETERNO DO FOGÃO E DOS QUE APRECIAM FUTEBOL ARTE, “GARRINCHA ALEGRIA DO POVO”. ISSO É O QUE AINDA ME FAZ ORGULHOSO DE SER BOTAFOGUENSE.
    SDS. ALVINEGRAS

    • Leandro

      ZERODRIGAO, para mim, tão importante quanto o resultado, foi a atuação do time. Os outros grandes, com exceção do Vasco, tiveram dificuldade e não jogaram tão bem. O Botafogo, quando quis, fez o placar do jogo e se poupou no segundo tempo.
      Sei que é prematuro afirmar que o time é excelente ou brigar por todos os títulos, mas a primeira impressão foi boa. Levando em conta, também, a manutenção de praticamente todo o elenco, com contratações pontuais para os setores carentes, o aumento natural do entrosamento e a volta dos meninos da base, acredito que o Botafogo está em um patamar maior de qualidade comparando-se ao ano anterior.

      • Concordo consigo, seu Leandro! Nem o Fireman seria tão feliz no resumo do jogo quanto o senhor! Mas, o Zerodrigão tem total razão quanto a não nos deixar envolver pelo oba-oba da primeira partida! Vamos esperar com paciência o que nos reserva o time mais adiante!

        • antoniohenrique gov. valadares

          eu não tô gostando do esquema, com um atacante só não dá.

          • Também concordo consigo, seu Toninho! O Henrique ficou isolado lá na frente e teve que sair muitas vezes da área papa poder participar do jogo! Nos primeiros minutos, então, apesar do bom toque de bola do time, sua falta de maior objetividade foi visível!

          • Como não dar, seu Toninho? Como o senhor justifica o fato de o nosso time fazer tantos gols tendo apenas um homem na frente?

  • Torcedor Fogão

    Meu caro Nilton,
    leio sua coluna há muitos anos no Lance, admiro o humor dos seus textos (sempre pra cima!) e desde quando ela virou “blog”, visito com bastante assíduidade.
    Vejo nós botafoguenses com muito respeito sempre. Venho de uma época em que ficávamos sempre no quase e isso durou muito até o gol do Maurício em cima do Flamengo naquela final de estadual.
    Estou te escrevendo aqui, na humildade, pra dizer que o nível aqui anda baixo.
    Não me eximo de culpa pois andei caindo na pilha aqui com o onipresente PWSB e seu alter ego Paulo Cariacica.
    Peço aqui desculpas por ter sido tão baixo, me nivelando a eles, e por ter aceitado essas provocações.
    Participo de diversos debates na internet e quando o nível cai, eu apelo ao responsável. Já me chamaram de tudo aqui sem motivos e entendo que isso deva ser algum tipo de recalque.
    Então eu vou continua por aqui, comentando, EXPONDO e não IMPONDO a minha opinião. Sempre com respeito e sem provocações.
    Sugiro que os alerte. Até acho que faz parte esses desocupados serem “animadores” de blogs, já que não devam ter outra ocupação, mas sugiro que seja sempre com respeito tanto para conosco, quanto para jogadores, dirigentes, técnicos e os próprios torcedores.
    Pra mim não existe xingamento pior do que me chamar de flamenguista! kkkkk
    Espero que, mesmo sem moderação, as pessoas sejam apenas respeitem o Ser Humano!
    Não tenho achado legal essa marcação comigo, até porque, repito, não fiz nada pra merecer isso.
    Me esconder atrás de um Nick não pode ser o crime que andam pintando por aqui. Isso é uma opção e pronto. Espero que isso mude.
    Obrigado pela atenção.
    Saudações Alvinegras!!!

    • Cara, o senhor pode não nos dar o nome a conhecer, mas, dificilmente deixa de nos fazer visível a sua faceta de dedo-duro e alcaguete, né mesmo? Meu amigo, quem tem alguma verdade a nos dizer não fica a forçar a barra se dizendo uma coisa que não é! Por mais que o senhor se transforme e se diga torcedor do Botafogo, ninguém haverá de acreditar no senhor por uma razão muito simples: o torcedor do Fogão de verdade não se esconde atrás de um nick, e ainda mais, por não se orgulhar do próprio nome! Se esconder por trás de um nick, meu caro, não é opção coisa alguma! É sinal de covardia e de que não se é bastante homem para se apresentar com o nome de registro! E saiba que o Cariacica tem cabeça própria e não é meu alter ego coisa alguma!

      • Torcedor Fogão

        VOCÊ É UM VELHO RECALCADO.
        DEIXE AS PESSOAS EM PAZ.
        FOGOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!

        • Recalcado é o senhor que, por medo da própria sombra, esconde dos demais o nome porque o papai o registrou, né mesmo? Recalcado é o senhor que não adota o nome do pai por achar que o vizinho de olhos azuis é que é o seu pai de verdade! Recacaldo é o senhor que tenta se fazer digno de ser levado em conta se dizendo torcedor de um clube que o senhor nem sabe em que cidade do Brasil foi fundado! O seu Botafogo deve ser o da Paraiba ou o Botafogo tricolor de Ribeirão Preto, meu caro! Deixe o senhor atodos nós em paz e livres do seu carpido, ó seu esconde o próprio nome!

          • Torcedor Fogão

            RECALCADO, MAL AMADO, INFELIZ, MAL COMIDO E SEM NADA PRA FAZER DA VIDA.
            DÍGNO DE PENA! KKKKKKKKKKK
            FOGO! FOGO! FOGO!

          • Isso, seu Sem Nome! Prove aos demais que o seu objetivo por aqui é o de apenas tumultuar o fórum e o blog Nilton Severiano, como o senhor costumava fazer no Botafogo no Coração, onde todos o sabiam um flamenguista infiltrado, vai negar?! Depois vai querer se passar por vítima perseguida, né mesmo, ó flor?

    • My God! Senhores Barreto e o outro Sem Nome, entendam: não existe nada mais cafona e extemporâneo que alguém se julgar, por aqui, mais torcedor do Botafogo que eu ou outro torcedor qualquer! Sinceramente, não dar para entender a razão por que o tal que se diz torcedor do Fogão não possa se-lo e o senhor, seu Paulo WS Barreto, não se-lo também! Mas, na verdade, torcedor do Fogão, por aqui, meus caros, só existem eu o General Severiano! Será preciso que desenhemos a razão de nos acharmos acima de todos vocês? Ora, o General por ser natural de General Severiano, e, eu, porque fui o único inscrito no programa Botafogo no Coração como Paulo Botafogo!

      • Deixe de graça, seu Botafogo! Para que atrair pedras sem razão?

  • AO LOCO RODOLPHO DO PEDAÇO… – Seu Loco Rodolpho, por favor, não venha me culpar por nossa torcida ter se frustrado com a nossa vitória e, por isso, não está aqui a abarrotar o blog com os seus lamentos, carpidos e negativismos! Que culpa tenho se aproveito melhor o espaço que o senhor, e todos os outros, que aqui só fazem reclamar? Não me inveje, meu nego! O que eu faço aqui, o senhor e os demais podem fazê-lo! Ninguém os impede de postar quantos posts queiram! Tenho culpa eu se sou ativo no teclar enquanto o senhor tem uma passividade de nos dá dó? Repito, não me inveje, seu Rodolpho! Me imite e busque fazer mais do que eu, meu caro! Além do mais, os tais que não gostam de ser contra-argumentados, nem deveriam nada postar por aqui, né não? Para esses, meu caro, existe um blog próprio, ou seja, onde ninguém debate, ou onde ninguém nada nos responde, por conta da tal moderação que nada permite! Se o senhor acha que eu tomei conta do Blog do Nilton, vá para o Ninguém Fala que lá, ninguém lá posta para ser respondido! Volte para o seu depósito de textos sem alma e sem vida, meu caro!

    • Disse tudo ao tal Loco Rodolpho e o disse com autoridade, caro Barreto! O amigo não poderia ter sido mais feliz em indicar a razão porque a nossa torcida anda tão calada! Pudera! Nossos torcedores em sua maioria só sabem mesmo é carpidar ao clube, ao time e a todos!

      • O Rodolpho só se manifesta assim por conta de ser completamente Loco!

  • Bozó

    A julgar o que diz Loco Abreu,parece que Oswiado das Oliveiras quem dá as cartas e canta de galo em GS..

    “A insatisfação de Loco Abreu com o técnico Oswaldo de Oliveira (e vice-versa) sempre foi algo evidente quando o atacante defendia o Botafogo. Ainda assim, o jogador minimizava o problema ao falar publicamente da relação dos dois. No entanto, o camisa 13 parece ter ficado mais à vontade em casa, no Uruguai, e abriu o coração. E sobrou para o técnico. Em entrevista ao SporTV, ele atribui a Oswaldo de Oliveira a sua saída do clube – a entrevista completa será exibida nesta terça-feira, às 23h, no “SporTV News”.
    Emprestado ao Figueirense no meio do ano passado, Loco Abreu nem chegou a voltar a General Severiano. Ele ainda tinha mais um ano de vínculo com o Alvinegro, mas rescindiu e acertou a ida para o Nacional, com contrato de dois anos. Questionado sobre os motivos, o atacante resolveu abrir o jogo.”
    – Tem que perguntar ao Oswaldo. Eu não saí porque quis. Ele que não me quis lá em General Severiano. Sou muito agradecido ao Botafogo, sou botafoguense de coração, e para não atrapalhar ninguém achei melhor buscar um lugar onde eu posso jogar meu futebol, onde o treinador aceite minha personalidade, meu estilo de vida, meu estilo de futebol. Aqui no Nacional acontece isso – desabafou.

    • Naquela ocasião em que ambos faziam o seu cabo de guerra, caro Bozó, a demissão do OO não seria benéfica para ninguém a não ser para o Botafogo em particular! Por isso os dirigentes nada fizeram quando o OO lhes pôs contra a parede e lhes disse em relação ao Loco Abreu: OU ELE OU EU! O Loco era um patrimônio do clube que até então poderia ser controlado! Tanto que ele foi para o Figueirense por empréstimo! No seu retorno, quem já não pediria demissão seria o OO que não seria louco em abrir mão da MR!

  • AO SENHOR ARRIVAL… – Arrival, se a união é tão importante como diz, então, como o senhor explica o fato de estarem os senhores visionários estacionados num tópico que já ficou para trás há três tópicos? Por que o boicote quanto à participação nos tópicos prafrentemente? Seria em razão de minha atuação? Ora, o que eu aqui faço é facultado à todos! Se não querem ser respondidos por mim, ou por quaisquer outros em seus posts, que deixem isto claro! Porém, digo-lhe uma coisa: isto não é conduta de quem freqüenta qualquer fórum! Todos sabem que, ao faze-lo, estamos à mercê do julgamento ou concordância de qualquer um! Se eu tenho me multiplicado por responder a tudo e a todos, isto o faço em homenagem à coragem do General em dispor o seu espaço como uma cátedra livre para expressão de todos nós torcedores do Botafogo! Deixá-lo ao léo, por conta de reles picuinha para comigo, ou porque não gostem de minha atuação, é deveras decepcionante para mim como torcedor do Botafogo! Isto vem nos mostrar o quanto as nossas vaidades pessoais interferem para a própria desgraça do Botafogo! Como entender que deixem de lado uma cátedra que lhes dar a oportunidade de reinvidicarem o que querem alcançar? Se, de fato, querem que a união seja o elo a unir a todos, não podem aceitar ficar aqui como se estivessem a conspirar às escondidas! Se lutamos por transparência no Botafogo, devemos ser mais transparentes em nossos intercâmbios em torno do mesmo, não acha?! Não posso crer que deliberadamente estejam os senhores visionários a trabalhar contra o sucesso do blog do Nilton Severiano forjando esse aparente boicote aos demais tópicos à frente! Na expectativa de um gesto de conciliação, todos ficamos!

  • Alvaro Jorge Gomes

    Caro Nilton

    Pelo inicio do campeonato , já da para ver que vai tudo continuar a mesma coisa do ano passado
    pois esse time sem o Seedorf , não joga nada. E a arbitragem continua a mesma e ninguém fala
    nada, lembra da semi final da taça Guanabara de 2012, quando não lembro o nome do juiz mais
    da roubalheira me lembro bem , quando o Deco deu uma pernada no Elkeson e não foi expulso e no final do segundo tempo ouve um pênalti em Antonio Carlos não marcado. Agora começa a taça Guanabara e o juiz e a bandeirinha já erram em dois lances decisivos , impendimento que nem de perto existiu no inicio do jogo de não me engano do lodeiro, e depois o pênalti em Bruno
    Mendes. Até quando o TORCEDOR vai ter que aturar esses cretinos prejudicando o BOTAFOGO
    e essa DIRETORIA junto com PRESIDENTE que não faz nada?

    • E até quando o senhor irá continuar carpidando o nosso time mesmo quando ele vem de uma vitória liquida e insofismável, meu caro?

MaisRecentes

O maior será o primeiro



Continue Lendo

Superpimpônico



Continue Lendo

Jair, pode colocar qualquer um!



Continue Lendo