Haja jogo para tantos ídolos!



Caros alvinegros! Como é bom ser Botafogo e ter ídolos para reverenciar! São tantos que precisamos de dois jogos no mesmo dia para festejar esse fato.

Seedorf e Túlio Maravilha são incontestáveis. Referências, sinônimos de sucesso assim como Garrincha, Nilton Santos, Jairzinho, Didi, Gérson, Heleno de Freitas…

Poderíamos passar a semana inteira com times e mais times de ídolos entrando em campo no Engenhão. Só o Fogão seria capaz disso. No Fra, o tal do Zico se sente mais seguro comandando a seleção do Iraque, lá em Bagdá, do que na Gávea. Já no Bacalhau, querem a cabeça do Dinamite, que é botafoguense. E nos Flores… Bem… Eles não tem ídolos. Que time pequeno!



MaisRecentes

Zé, sim, é um treinador



Continue Lendo

Que saudade do Fogão!



Continue Lendo

Preocupação é o pão de queijo



Continue Lendo