Muita calma nesta hora, professor!



Caros alvinegros, nossa boa situação no Brasileirão durou pouco e nós já nos vemos em meio àquelas costumeiras bobeadas. Mas, além disso, vemos o nosso treinador Oswaldo perder a cabeça em diversos momentos. Ele já foi expulso contra o São Paulo, ficou irritado com a pergunta do Jadson e ainda discutiu com um taxista no desembarque.

Manter a calma nesse momento é essencial, afinal, se o nosso comandante está à beira de um ataque de nervos, isso com certeza irá se espelhar no time. Para que nosso técnico fique calminho, peço ao presidente Mauricio Assumpção um estoque extra de chá de camomila, porque se for depender do nervosismo do Oswaldo, a nossa gloriosa torcida é que irá à loucura de tanto estresse.

O problema do Botafogo, na verdade, sempre foi esse: os nervos. Seja para decidir um jogo ou para sair da crise, nada é tranquilo.



MaisRecentes

Que saudade do Fogão!



Continue Lendo

Preocupação é o pão de queijo



Continue Lendo

Os outros que reclamem de Godger!



Continue Lendo