Poxa, Jobgol!



Caros alvinegros, caro Jobson.

As coisas são tão complicadas. Após Papai Joel dizer que Jobgol não é mais um dos seus filhos, senti meu coração partir. Como papai responsável, a hora está longe de ser a ideal para deixar a cria. Para o filho rebelde, fica o choque pela decepção.

Joel Santana está no futebol há 28 anos e sabe como poucos o que deve fazer para ajudar um jogador. Torço, rezo muito para que o próprio Jobson queira o auxílio. Nas últimas declarações, o atacante só falou em calar a boca de todos, bunda e chateação.

Literalmente, acorda Jobson!

Saudações!



MaisRecentes

Zé, sim, é um treinador



Continue Lendo

Que saudade do Fogão!



Continue Lendo

Preocupação é o pão de queijo



Continue Lendo