Alta rotatividade no Itumbiara gera questionamentos de jogadores



Crédito: Itumbiara Esporte Clube

O Itumbiara, clube que disputa a primeira divisão do Campeonato Goiano, tem vivido dias “incomuns”. Administrado pela empresa carioca “Soccer Stars” desde dezembro do ano passado, o clube tem se notabilizado pela alta rotatividade de jogadores. Só na última semana, foram dispensados mais de 20 atletas.

Um dos jogadores dispensados, o goleiro Luis Guilherme, afirmou que os dirigentes goianos não deram qualquer satisfação no momento das dispensas. Além, disso, segundo informações apuradas entre membros do grupo demitido, alguns atletas estavam lesionados, o que é proibido por lei trabalhista. Segundo Luis Guilherme, o elenco conta com apenas um goleiro apto a jogar, pois os outros dois, estão lesionados.

Álvaro Fernandes, diretor de Comunicação e Marketing do Itumbiara, rebateu todas as acusações e afirmou que, grande parte dos dispensados, estava em fase de avaliação, portanto não tinha vínculo com o clube. Sobre Luis Guilherme, o diretor afirmou que a dispensa se deu por opção do técnico Vitor Hugo.



MaisRecentes

Benemérito do Vasco reclama de obstrução da secretaria para regularizar sócio



Continue Lendo

Vasco fecha com novo patrocinador até o final da temporada



Continue Lendo

Tour da Arena Corinthians já recebeu mais de 100 mil visitantes



Continue Lendo