VP de obras do Vasco dá detalhes sobre ampliação e reforma de São Januário



O estádio de São Januário passará por reforma e ampliação. Crédito: Reprodução

O anúncio oficial da reforma e ampliação de São Januário será feito em dezembro. Entretanto, em entrevista ao blog  “De Prima”, o vice-presidente de obras de engenharia e patrimônio do Vasco, Pedro Seixas, adiantou detalhes do projeto que pode alavancar as finanças do clube.

Seixas contou que a iniciativa começou em julho com um pedido especial do presidente Alexandre Campello a ele. E este pedido era para que Seixas pensasse em um plano para as sedes do clube, em especial São Januário e um centro de treinamento.

“Campello me pediu para pensar em São Januário como um todo e não ficar fazendo ‘puxadinhos”. A ideia é transformar o estádio em uma arena multiuso, como outras que já existem no Brasil. Um centro de treinamento será um capítulo à parte do trabalho” explicou o vice-presidente.

A ideia é transformar São Januário em uma arena entre 35 mil a 42 mil espectadores, respeitando as características do estádio e o adequando às despesas de manutenção e às exigências das confederações. Por exemplo, a Conmebol exige um mínimo de 40 mil pessoas para sediar uma final de Libertadores.

Segundo Pedro Seixas, o arquiteto Sérgio Dias, que trabalhou com o ex-prefeito Eduardo Paes, ambos vascaínos, foi convidado para liderar o grupo de trabalho, com um plano diretor de desenvolvimento. A ideia é que o projeto final seja entregue em março. Alguns vascaínos influentes foram convidados a conhecer o projeto, como Olavo Monteiro de Carvalho, que se encantou com a iniciativa.Outro nome que se integrou às conversas foi o de Célio Pinto de Almeida, dono de uma construtora. Porém, o plano diretor ainda não especificou quem cuidará da obra. Célio ajudou com a sua experiência no ramo.

Seixas salientou que muitos vascaínos estão dispostos a participar da empreitada, mas lamentou que algumas pessoas tentaram tirar proveito político da situação. “Esse é um projeto do clube, da administração. É de longo prazo. Ninguém tem o direito de se beneficiar pessoalmente dele”, finalizou.



MaisRecentes

Final da Libertadores desperta interesse do espectador brasileiro e audiência explode



Continue Lendo

Pedro Abad pode deixar o comando do Fluminense ainda em 2018



Continue Lendo

Contratação de Felipe Melo pelo Flamengo faz parte de ‘presente de Natal’ pedido por Abel Braga



Continue Lendo