Oposição vai pedir que Diego Alves permaneça no Flamengo



Após ser barrado, o goleiro Diego Alves se recusou a viajar para enfrentar o Paraná. Crédito: flamengorj

A eleição presidencial no Flamengo acontecerá apenas em dezembro, mas, na prática, o embate político já começou. E, se no caso envolvendo a venda do meia Lucas Paquetá ao Milan, o tom usado pelas correntes de oposição foi agressivo, agora, será harmonioso.

Grupos contrários à administração de Eduardo Bandeira de Mello, pedirão ao dirigente que coloque “panos quentes” no caso do goleiro Diego Alves e o mantenha no clube. Na opinião da maioria dos opositores, seria uma atitude irresponsável dispensá-lo a dois meses do fim do atual mandato.



MaisRecentes

‘Rainbow Six Pro League’, no Rio de Janeiro, neste fim de semana, terá premiação milionária



Continue Lendo

Superintendente garante que não há obstáculos para construir no campo do Everest



Continue Lendo

Detalhe técnico pode impossibilitar obra no campo do clube Everest



Continue Lendo