Oposição se enfurece com Bandeira de Mello e pode pedir a sua exclusão do Flamengo



 

Eduardo Bandeira de Mello tem enfrentado crítica da oposição no Flamengo. Crédito: LANCE!

A entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira, pelo presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, teve efeito oposto ao pretendido pelo dirigente. Esperando colocar fim às polêmicas sobre a venda do meia Lucas Paquetá ao Milan, da Itália, o teor da conversa não agradou aos membros da oposição à sua administração. Ainda inconformados com a negociação “às escuras” como definiu um opositor, as críticas só aumentaram.

Esse mesmo opositor, que preferiu o anonimato, afirmou que um possível pedido de impeachment não terá qualquer efeito prático, pois faltam dois meses para o fim da gestão de Bandeira de Mello (haverá eleição presidencial em dezembro). Entretanto, ele garante que medidas serão tomadas contra o atual presidente rubro-negro. Até mesmo um pedido para que ele seja excluído do quadro associativo pode ser feito.



MaisRecentes

Após ação de empresa de alimentos, Justiça determina bloqueio de verbas do Vasco



Continue Lendo

Rodízio de ‘medalhões’ será desafio para Abel Braga no Flamengo



Continue Lendo

De saída do Corinthians, atacante Roger interessa a Botafogo e Vasco



Continue Lendo