Pelaipe ouve colega Paulo Angioni e não abandonará mais o seu cargo



Diretor de futebol do Vasco, Paulo Pelaipe não gostou da postura do colega Rodrigo Caetano. Crédito: Lance!

Nos últimos dias, o diretor de futebol do Vasco, Paulo Pelaipe, tomou uma decisão radical por causa de um descontentamento com Rodrigo Caetano. Bastante incomodado com a postura do colega de profissão, sobre uma possível negociação com o clube cruz-maltino, Pelaipe abriu mão do cargo de diretor relator do Conselho Fiscal da Associação Brasileira de Executivos de Futebol (Abex), da qual Caetano é ex-presidente e atual diretor presidente do Conselho Fiscal.

Porém, uma figura muito conhecida no futebol, usou toda a sua sabedoria e inteligência e interveio na situação. Paulo Angioni, que, em outras épocas, ocupou o cargo de gerente de futebol do Vasco, conversou com Paulo Pelaipe e pediu que ele não deixasse a Abex. Angioni explicou que a presença do diretor de futebol vascaíno na Abex era imprescindível. Desta forma, Pelaipe o ouviu e resolveu permanecer.



MaisRecentes

Permanência de Diego Souza ajudou a estabilizar pressão no São Paulo



Continue Lendo

Caso “HD do Vasco” pode terminar com nova eleição. Correntes políticas já se movimentam



Continue Lendo

Rodrigo Caetano está por detalhes para fechar com o Internacional



Continue Lendo